A ponte Presidente Dutra, cartão postal, liga Petrolina, em Pernambuco, a Juazeiro, na Bahia
Reprodução
A ponte Presidente Dutra, cartão postal, liga Petrolina, em Pernambuco, a Juazeiro, na Bahia











Petrolina, em Pernambuco, foi eleita como a cidade com a melhor qualidade de vida entre todos os municípios do Nordeste brasileiro, incluindo as capitais, de acordo com o Índice dos Desafios da Gestão Pública (DGP), feita pela Macroplan, que avalia segurança, saneamento e sustentabilidade, entre outros fatores, publicado no início de fevereiro.

O índice detectou uma evolução na qualidade de vida em Petrolina, que resultou no aumento da nota, passando de 0,620 (em 2020) para 0,645 (em 2021), o que foi suficiente para que a cidade se destacasse como a melhor para se viver em toda a região.

Você viu?

"Nosso compromisso continua sendo avançar nas políticas públicas para nossa cidade seguir como modelo para Pernambuco, para o Nordeste e um orgulho de cada petrolinense", afirmou o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho. “Estamos à frente da nossa Capital Recife e de qualquer capital do Nordeste, e estamos a frente de qualquer cidade do semiárido e estamos a entre as 50 melhores cidades de todo o Brasil", constatou o gestor nas redes sociais.





A terra natal do cantor Geraldo Azevedo fica no sertão pernambucano , faz fronteira com a Bahia , está às margens do  Rio São Francisco e possui paisagens deslumbrantes. O iG Turismo preparou um pequeno roteiro para você conhecer escolhê-la como destino de viagem.

O turista que escolher a cidade terá muitas opções de lazer, passeios ao ar livre e gastronomia. Explorar o município pernambucano, ou a vizinha de fronteira, Juazeiro, na Bahia, é viver um Nordeste sem praias do litoral, mas que não deixa nada a desejar. A região fica longe das capitais da Bahia e de Pernambuco e tem um aeroporto próprio.

Confira opções de programação:

1 – Conheça as vinícolas do São Francisco
Há sete vinícolas no Vale do São Francisco [região onde Petrolina está localizada]. Dente elas, duas se destacam por oferecerem visita guiada aos visitantes: Rio Sol e Terranova. É possível visitá-las de maneira independente ou em grupos de passeios turísticos, que geralmente chegam até as vinícolas de barco pelo “Velho Chico” [como é conhecido o Rio São Francisco] e são oferecidos por agências de Petrolina.

Vinícolas são destaque na região do Vale do São Francisco
Reprodução
Vinícolas são destaque na região do Vale do São Francisco



- Vinícola Terranova , do grupo Miolo, fica em Casa Nova (BA), a 45 Km de Petrolina. A visita por conta própria pode ser realizada durante a semana; custa R$ 15 e inclui vinícola, vinhedos e degustação.

- Vinícola Rio Sol , está em Lagoa Grande (PE), a 66 Km de Petrolina. Oferece cinco tipos de visita com propostas e preços variadas (de R$ a 20 a R$ 160) e que podem incluir no valor o traslado até lá.

Além delas, o Vale do São Francisco abriga a vinícola Botticelli, em Santa Maria da Boa Vista (PE); as vinícolas Bianchetti, Mandacaru e Terroir do São Francisco, em Lagoa Grande (PE); e a Vitivinícola Quintas São Braz, em Petrolina (PE).

2 - Passeio de barco pelo São Francisco
O jeito mais prático de conciliar o São Francisco e as vinícolas em um mesmo passeio é integrando um passeio de barco pelo rio. Os dois tours mais tradicionais são realizados apenas nos finais de semana e feriados.

Rio São Francisco
Reprodução
Rio São Francisco



Vapor do Vinho: inclui navegação no Lago de Sobradinho (área alagada artificialmente para construção de uma hidrelétrica), banho na Ilha da Fantasia, visitação à vinícola Terranova, almoço no barco e música ao vivo. Custa R$ 160 por pessoa.

Vapor da Ilha: oferece quase o mesmo roteiro do Vapor do Vinho. A diferença é que não inclui visita à vinícola. Custa R$ 145 por cabeça.

Também é possível fazer um passeio pelo Velho Chico no pôr do sol, às sextas-feiras, por R$ 80.

3 – Ilhas no rio
A Ilha do Fogo fica no meio do caminho entre Petrolina (PE) e Juazeiro (BA). O lugar é ideal para quem pratica esportes náuticos, mas também para contemplar um dos pores do sol mais bonitos das duas cidades. O acesso de uma cidade e da outra à ilha pode ser feito pela ponte Presidente Dutra, que cruza todo o rio, por 800 metros, e cruza a ilha. A ponte é um dos cartões postais da localidade.

Ilha do Fogo tem visibilidade para um dos pores do sol mais bonitos da região
Reprodução
Ilha do Fogo tem visibilidade para um dos pores do sol mais bonitos da região



Além dela, a “praia” fluvial mais “badalada” da região fica na Ilha do Rodeadouro, a apenas 16km do centro de Petrolina. Para chegar à ilha, é necessário fazer a travessia, que dura 5 minutos e custa R$ 5 ida e volta, saindo do Píer do Juarez. Barracas simples garantem comida e bebida para o passeio de dia na ilha.

4 – Museu do Sertão
Para quem gosta de história e registros, o Museu do Sertão, em Petrolina, conta um pouco sobre a cultura dessa região do Brasil. Uma outra opção também é o Museu Regional de São Francisco, que fica em Juazeiro, no lado baiano.

Museu do Sertão conta história e cultura da região
Reprodução
Museu do Sertão conta história e cultura da região

5 – Centro de Arte Ana das Carrancas
Reúne um acervo de esculturas feitas pela artesã conhecida como Ana das Carrancas, referência nacional em obras de cerâmica desse tipo, que têm forte ligação com o Vale do São Francisco. Metade humano, metade animal, a figura retratada nessas esculturas era usada nas proas de embarcações que navegação pelo Velho Chico, para afugentar maus espíritos.

Carrancas
Reprodução
Carrancas

6 – Oficina do Artesão Mestre Quincas
Mercado municipal de artesanato que possui enorme destaque para os trabalhos feitos em madeira. Embora já falecido, o Mestre Quincas continua atraindo diversos compradores para suas obras e de seus discípulos.

7 – Bodódromo
A carne mais apreciada na região é a de bode. O Bodódromo é um lugar ideal para experimentar o poder gastronômico de Petrolina, com diversas receitas diferentes que usam a carne como elemento principal. O local é um complexo de restaurantes especializado nas comidas típicas da cidade.

Gastronomia de Petrolina se destaca com receitas de Bode
Reprodução
Gastronomia de Petrolina se destaca com receitas de Bode

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários