Tamanho do texto

País está no topo da lista do guia de viagens da Lonely Planet; veja dicas de passeios turísticos e hospedagens econômicas para aproveitar ao máximo

O desejo de final de ano de todo bom turista é que o próximo ano seja lotado de viagens. Então, que tal começar com uma visita ao destino que está no topo da lista dos melhores países para visitar no ano de 2018? O levantamento foi feito pelo guia de viagens da Lonely Planet, uma das principais publicações de turismo do mundo e que sempre elege os melhores países, cidades e regiões para os viajantes conherem. 

Leia também: Santiago: dicas para curtir a cidade no verão e gastar menos

Santiago, no Chile, é uma das regiões que mais atraem turistas de todo o mundo
Divulgação/Peixe Urbano
Santiago, no Chile, é uma das regiões que mais atraem turistas de todo o mundo


Além de ser uma tendência, o destino conta com outros atrativos para os brasileiros. O Chile possui diversos pontos turísticos, paisagens naturais e o melhor: fica na América do Sul, evitando que o viajante passe horas e horas dentro de um avião. Ah, proximidade também faz com que você economize na passagem aérea.

Santiago, a região das atrações

A região que mais agrada e atrai turistas do mundo todo é Santiago. Localizada em um imenso vale ao lado da popular Cordilheira dos Andes, a capital chinela é repleta de cultura e ritmos latinos, sem contar que a região se assemelha a metrópoles europeias. Durante o dia, você pode visitar praças e parques, já a noite pode aproveitar o que há de melhor nos bairros boêmios, como Bellavista.

Leia também: Vai para o Chile? Conheça 5 pontos imperdíveis no centro histórico de Santiago

Outra opção de diversão é fazer um tour pelo Valle Nevado que dura aproximadamente seis horas e, nesse período, o viajante terá que se aventurar em montanhas cobertas de neve dos Andes. O trajeto começa em uma subida com curvas sinuosas, depois vai para uma estrada asfaltada e, por lá, você pode observar pequenas aldeias de montanha. Se o tempo estiver bom, ainda é possível admirar a vista extraordinária de Valle de Santiago.

Em Santiago, no Chile, é possível ver de perto a Cordilheira dos Andes
Divulgação/CVC
Em Santiago, no Chile, é possível ver de perto a Cordilheira dos Andes


Na cidade, há ótimos hotéis, sendo que alguns são cercados pelas melhores pistas de esqui da cidade. O destino é ideal para quem ama a neve, adora paisagens naturais e atrações culturais. Outros passeios de destaques são aproveitar as vinícolas e visitar a igreja de São Francisco, que é um dos museus de relíquias religiosas mais antigas mais populares do mundo. Também tem o centro de artesanatos indígenas, conhecido como Los Dominicos.

Indicações de hospedagens

Segundo informações do Peixe Urbano, é possível passar de três a cinco noites no país pagando por volta de R$ 1,4 mil – incluindo passagem aérea e hospedagem com café da manhã. Para gastar esse valor, as indicações hospedagens com melhor custo e benefícios são o Hotel Libertador, o Hotel Majestic ou algum similar que conte com quartos amplos, restaurante no local, piscina e arquitetura típica.  

Leia também: Valparaíso e Viña Del Mar: motivos para conhecer o litoral do Chile

Na Booking.com também é possível encontrar pacotes para o Chile. Você pode passar cerca de cinco noites em hotéis bem avaliados, como o Club Social Angol e o Vo Hotel Barrio Italia, que contam com café da manhã incluso e custam de R$ 980 a R$ 1.105 sem passagem aérea inclusa. Vale lembrar que os valores foram consultados em dezembro de 2017.