Tamanho do texto

Segundo levantamento, Salvador é destino preferido para os brasileiros que vão viajar até o final de março; local promete diversão, festas e muita história

Com o verão a todo vapor, muitos querem aproveitar uns dias de folga ou as férias na praia, com sombra a água fresca. E um pouco de agito também é muito bem-vindo, tanto que o destino de praia mais procurado pelos brasileiros nesta estação é Salvador. 

Leia também: Veja o que fazer em Salvador em quatro dias de viagem

Segundo levantamento da agência multicanal Almundo para o iG Turismo , Salvador foi o destino com praia mais buscado pelos brasileiros no período de 01/07/2019 até 07/01/2020, com embarque para o período de verão (de 21/12/2019 até 20/03/2020). 

A capital da Bahia reúne opções para quem busca tranquilidade nas praias, história e agito na vida noturna. Veja o que fazer por lá no verão: 

Dicas de passeios em Salvador

Praias

Para começar, a boa notícia para quem vai para a capital da Bahia é que a maioria das praias está própria para banho. De acordo com boletim do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídridos do Estado (Inema), emitido no dia 3 deste mês, apenas 7 das 38 praias analisadas na cidade estão impróprias para o banho. Entretanto, há o alerta para o possível aparecimento de manchas de óleo. 

Se a ideia é tomar um banho de mar neste verão na Bahia, a orientação do Inema é observar a água e evitar contato com ela em praia que for visualizada alguma mancha. 

Mayra Jacob, expert da Almundo, também ajuda com indicações de praias imperdíveis no destino. Uma delas é a Praia do Farol da Barra, que conta com formação de piscinas naturais na maré baixa. Para quem busca um algo a mais, saiba que é lá que fica a Fortaleza de Santo Antônio, que hoje abriga o "Museu Náutico da Bahia".

itapuã arrow-options
shutterstock
Vista da praia de Itapuã

"Como foi musicado por Vinícius de Moraes, estar em Salvador é a chance de 'Passar uma tarde em Itapuã"' afinal a famosa Praia de Itapuã também conta com piscinas naturais, com águas calmas e cristalinas", continua Mayra. 

Outra sugestão é a praia de "Stella Maris", uma região requintada de Salvador, que conta com resorts, casas de veraneio e onde além de praias muitos se reúnem para um pouco de agito. "Como essa opção fica um pouco distante do centro de Salvador, é interessante tirar o dia para curti-la", ressalta a expert em viagens.

Ainda tem Praia da Amaralina, Praia de Jaguaribe, Praia de Piatã, Praia do Flamengo, Praia de Ondina, Praia do Buracão e Praia Porto da Barra, todas próprias, segundo boletim do Inema.

Leia também: 6 praias paradisíacas no Brasil

História

elevador lacerda arrow-options
shutterstock
Elevador Lacerda é um dos pontos turísticos recheados de história de Salvador

Para quem busca conhecer a história da cidade e até do Brasil, vale um passeio pelo Centro Histórico e todas as suas atrações. A mais icônica delas é o Pelourinho. Mas o passeio não para por aí.

"No próprio Largo do Pelourinho é possível conhecer a Fundação Casa de Jorge Amado, que foi inaugurada em 1987, e que contou com a colaboração fundamental do próprio autor de clássico como 'Gabriela' e 'Dona Flor e seus dois Maridos', como também de sua companheira, Zélia Gattai", diz Mayra. O funcionamento da atração é de segunda a sexta, das 10h às 18h, e sábado, das 10h às 16h.

"Ainda na mesma região, na Praça da Sé, é possível conhecer o 'Monumento da Cruz Caída', uma cruz de aço feita em homenagem a demolição da antiga Catedral da Sé, que era do século XVI, e que ao ser demolida, deu lugar para a passagem de bondes, lá será possível curtir um das mais belas vistas da cidade", indica a especialista.

Para completar, vale conhecer o Elevador Lacerda, que conta com uma vista incrível da Baía de Todos os Santos, e conecta (e facilita o deslocamento) entre Cidade Baixa e Cidade Alta. 

Religião

fitinha de nosso senhor do bonfim arrow-options
shutterstock
Quem vai a Salvador deixa uma fitinha na Igreja Basílica de Nosso Senhor do Bonfim

Salvador também é muito conhecida por suas igrejas, afinal, são 372 no total. "A lista para conhecê-las, portanto, pode ser super extensa, por isso cito a Igreja Basílica de Nosso Senhor do Bonfim, construída em 1772, que conta com a tradicional lavagem das escadarias, que atrai milhares de pessoas. É nessa igreja também que muitas fitinhas do Senhor do Bonfim são amarradas", fala Mayra. A visitação pode ser feita todos os dias, das 6h30 às 18h, e é gratuita.

Comida

acarajé arrow-options
shutterstock
Aproveite a visita a Salvador e experimente as comidas típicas da culinária baiana

Também não dá para falar de Bahia sem citar a culinária. "O que não falta em Salvador é uma boa e típica comida baiana, que vai muito além de um bom acaraj. Por isso, a dica para o turista que gosta de aproveitar a gastronomia local é o vatapá de Camarão, o sarapatel, o caruru, a moqueca de peixe e frutos do mar, o bobó, o pudim de tapioca e uma bela cocada", lista a expert do Almundo. 

Leia também: 10 razões para ir a São Miguel do Gostoso

Festas e carnaval

ivete sangalo arrow-options
Reprodução / Instagram
Carnaval de Salvador promete ser de muito agito e famosos comandando os trios

E pela data das viagens, de acordo com o levantamento da agência de notícias, muita gente vai passar o carnaval em Salvador . Ainda não foram divulgadas datas de abertura da festa ou programação, mas é esperado que a folia dure todo o mês de fevereiro e invada os vários circuitos pela cidade.