Tamanho do texto

Os foliões podem correr atrás de trios elétricos, curtir blocos em família e ainda conhecer pontos turísticos da cidade baiana popular nessa época

Uma das festas mais populares e animadas do Brasil está chegando e tem muito viajante que ainda não definiu em que destino vai curtir a folia. Caso esteja na dúvida, uma das melhores opções, principalmente para quem gosta de agito, é desfrutar do carnaval em Salvador que, todos os anos, atraí turistas do mundo inteiro e conta com uma intensa programação.

Leia também: Conheça Prado, a cidade baiana considerada o "Caribe do Nordeste"

O carnaval em Salvador atrai muitos foliões que passam horas atrás do trio elétrico com muita animação
shutterstock
O carnaval em Salvador atrai muitos foliões que passam horas atrás do trio elétrico com muita animação


O carnaval em Salvador costuma começar antes da data oficial e, este ano, a partir do dia 28 de fevereiro já é possível aproveitar a folia e a festa, que vai até o dia 6 de março. O diretor da agência Tô Indo Viagens, Gelson Walker, acredita que o destino se destaca nessa época por ser o berço do axé. Fora isso, ele acrescenta que a alegria contagiante do povo baiano é outro grande atrativo.

“É uma festa universal e muito tradicional, não existe diferença de classes, ninguém é mais rico ou mais pobre que o outro no carnaval em Salvador", comenta o profissional. Ele dá alguns detalhes da folia. "Ela passa por sete circuitos e 12 bairros com apresentações musicais e desfiles. Além disso, tem espaço para outros ritmos como funk, música eletrônica e até rock”.

Gelson ressalta que, como qualquer destino turístico que possui festas tradicionais como o carnaval, os valores das coisas nessa época costumam aumentar. “Isso acontece porque o fluxo de visitantes aumenta excessivamente durante o período e os comerciantes, claro, aproveitam o momento para lucrar mais. Mas nada que seja um absurdo e não valha a experiência que o carnaval em Salvador traz.”

Circuitos do carnaval em Salvador

Os circuitos do carnaval em Salvador contam com muitas atrações musicais e possuem três principais rotas
shutterstock
Os circuitos do carnaval em Salvador contam com muitas atrações musicais e possuem três principais rotas


A principal atração do carnaval baiano são os circuitos e trios elétricos que arrastam multidões. Gelson fala que a festa ocupa uma área de 25 quilômetros que abriga camarotes, arquibancadas, postos de saúde e policiais, além de contar com uma estrutura dedicada aos órgãos municipais, estaduais e federais.

Os trios elétricos e blocos passam por três principais circuitos, são eles: Osmar (Avenida), Dodô (Barra-Ondina) e Batatinha (Centro Histórico). A programação completa ainda não foi divulgada pela prefeitura de Salvador, mas já dá para ter uma ideia do que esperar em cada circuito.

A abertura do carnaval acontece oficialmente no dia 2 de março e sempre é realizado um show no Centro Histórico da cidade. Ano passado, a atração principal foi Claudia Leitte e o rapper Pitbull, por isso, a expectativa para a atração deste ano é grande.  

O carnaval em Salvador é bem amplo e possui opções para quem quer curtir na multidão e quem quer curtir em família
shutterstock
O carnaval em Salvador é bem amplo e possui opções para quem quer curtir na multidão e quem quer curtir em família

O circuito Dodô liga as praias Barra e Ondina e conta com um percurso de aproximadamente 4,5 km que dura umas cinco horas para ser percorrido. Entre as principais atrações que costumam passar por lá estão: Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Daniela Mercury, Chiclete com Banana, Tomate, Banda Eva e muito mais.

O circuito Osmar é um dos mais populares e possui por volta de 4 km de extensão e cinco horas de duração. O percurso começa Avenida Sete e termina na Avenida Carlos Gomes. As atrações não foram divulgadas, mas sempre é um circuito disputado e para curtir com mais comodidade é possível pagar para ficar em arquibancadas disponibilizadas pela prefeitura.

Leia também: Com 40 dias de folia, Uruguai tem o maior carnaval do mundo

Diferente dos outros, o circuito Batatinha não conta com trios elétricos . Ele é realizado no conhecido Pelourinho e nas praças da Sé e Castro Alves. Os foliões que gostam que curtir as fanfarras, as tradicionais marchinhas e os blocos com um pouco mais de tranquilidade vão adorar o Batatinha. Como é menos lotado, esse circuito atrai muitas famílias com crianças.

O que conhecer durante a viagem?

A dica é aproveitar o carnaval em Salvador para poder explorar outros pontos turísticos dessa cidade baiana
shutterstock
A dica é aproveitar o carnaval em Salvador para poder explorar outros pontos turísticos dessa cidade baiana


O legal de conhecer o circuito Batatinha é que os turistas que estão visitando Salvador pela primeira vez podem conhecer o Pelourinho, que é um dos principais cartões postais da cidade e, segundo Gelson, não pode ficar de fora da viagem. “Esse local, no centro histórico da cidade, é um bairro colorido que conta com casas e igrejas com construções arquitetônicas barrocas, vale muito a pena conhecer.”

Além do Pelourinho, o turista pode aproveitar a viagem de carnaval para conhecer outros pontos turísticos da cidade. O profissional indica, por exemplo, dar uma passadinha na Praia da Barra, conhecida também como Porto da Barra, que fica próxima ao centro de Salvador.

“As águas são tranquilas e quentinhas. Para quem gosta de calmaria ou tem crianças é um ótimo lugar. Indico ainda o famoso Farol da Barra, a mais antiga construção militar do Brasil, fundada em 1534. É possível agendar a subida da torre de 22 metros de altura para prestigiar a linda vista”, afirma.

Outra atração que vale a pena colocar no roteiro é a Igreja Nossa Senhora do Bonfim, local em que são distribuídas aquelas populares fitinhas coloridas do Bonfim – ótimas para guardar de recordação e dar de lembrancinha.  

Leia também: 5 destinos para quem quer fugir do agito e passar o carnaval nas montanhas

Para conseguir aproveitar a viagem ao máximo, uma sugestão de Gelson é ir acompanhado de alguém que já conhece o local, como um amigo que já passou o carnaval em Salvador, ou contratar um guia turístico para te ajudar a explorar a cidade. “Como todo lugar que está visitando pela primeira vez, também é preciso tomar cuidados com os próprios pertences. Leve apenas o necessário, como um documento com foto, dinheiro e celular”, alerta.

Como falta menos de um mês para o carnaval em Salvador , a dica é correr para fazer um planejamento. “Ter um roteiro bem traçado, saber por onde passar e quais atrações conhecer é o melhor jeito de não perder tempo com coisas desnecessárias e acabar quebrando a cabeça quando algo não resulta conforme suas expectativas”, indica o profissional.