Tamanho do texto

Cenários encantam os turistas com paisagens deslumbrantes e encantadoras

Os cenários do live-action de "Aladdin",  desenho clássico da Disney lançado como animação em 1992, e que voltou aos cinemas na última semana, mostram a cultura árabe, com construções e paisagens que remetem à países como Marrocos, Líbano e outros destinos.

Leia também: Segredo dos parques da Disney: uma frase é proibida entre os funcionários

Aladdin
Divulgação/Walt Disney
O filme "Aladdin", da Disney", tem diversos cenários que encantam os usuários; veja cinco destinos para se inspirar

Com isso, c onfira cinco das regiões que poderiam ter saído direto das telonas e podem servir de inspiração os seus próximos destinos de viagem!

1. Marrocos

Marrocos
shutterstock
Em Marrocos, cidades como Marrakech, Fez, Rabat e Casablanca são ideias para quem quer conhecer a cultura árabe

As paisagens da cidade fictícia de Agrabah, com seus mercados e construções, onde a narração se passa, lembram muito os destinos no Marrocos . O país, aliás, foi cogitado como locação para a película (" Aladdin " acabou sendo filmado em estúdio).

No entanto, quem quiser conhecer a cultura e a paisagem árabe, exaltadas no live-action, deve visitar cidades como Marrakech, Fez, Rabat e Casablanca.

2. Egito

Cairo
shutterstock
A capital do Egito, Cairo, é a maior do continente africano, com quase 20 milhões de habitantes

Cairo, a capital do Egito, é a maior cidade do continente africano, com quase 20 milhões de habitantes. Um dos principais pontos turísticos é o famoso Rio Nilo, além das Pirâmides de Gizé e o Museu do Cairo , onde se encontram estátuas de grandes faraós, entre eles os tesouros de Tutankhamon.

Leia também: Vai viajar para a Disney em julho? Veja prós e contras e dicas para se planejar

Grandes monumentos, como a Cidadela de Saladino, mesquitas como a de Al-Azhar e o mercado de Khan-El-Khakili permitem um verdadeiro mergulho pela cultura da região.

3. Líbano

Líbano
shutterstock
Beirute tem diversas atrações e, entre elas, está a Pigeon Rocks, formação rochosa com vista para o Mediterrâneo

Beirute, capital do Líbano, é uma das cidades mais liberais do Oriente Médio, rica em diversidade religiosa e cultural. A Torre do Relógio é um ponto central, de onde saem as ruas mais cosmopolitas, com restaurantes, cafés e lojas.

Outra atração é a Pigeon Rocks, formação rochosa com vista para o Mediterrâneo. Também vale a pena desbravar a Gruta de Jeita, um complexo de cavernas.

4. Turquia

Turquia
shutterstock
Istambul, maior cidade da Turquia, promove uma grande efervescência cultural, religiosa e histórica

Istambul, maior cidade da Turquia, faz a junção do Ocidente com Oriente. Essa localização promove por lá uma grande efervescência cultural, religiosa e histórica. A riqueza histórica permite conhecer um pouco dos Impérios Bizantino, Romano e Otomano.

Alguns deles são: o Hipódromo, museu a céu aberto da época do Império Romano; a Mesquita Azul, a mais importante da cidade; a Cisterna da Basílica, do Império Bizantino; e também o Palácio Topkapi, sede do Império Otomano.

5. Jordânia

Jordânia
shutterstock
Em geral, as atrações de Petra são esculpidas em pedras, sendo considerada uma das áreas histórias mais importantes

Cidade mais famosa do país, Petra é Patrimônio da Humanidade pela Unesco e foi uma das novas sete maravilhas do mundo. Suas atrações, em geral, esculpidas em pedra, estão espalhadas por 5,2 quilômetros quadrados, sendo considerada uma das áreas arqueológicas e históricas mais importantes do mundo.

Leia também: Veja o que você não pode vestir quando visitar os parques da Disney

A Al-Khazneh (Tesouro), uma fachada imponente com 30 metros de largura e 43 de altura, esculpida na própria rocha, é uma das atrações. Para chegar lá, o ponto de saída é o povoado de Wadi Musa, em que se encontram restaurantes, hotéis e lojas.