Tamanho do texto

O senhor afirma que bateu o recorde de pessoa que mais viajou pelo mundo

Babis Bizas, mochileiro de 64 anos de idade, afirma ser a pessoa que mais fez mochilão pelo mundo. De acordo com informações do site “Daily Mail”, o mochileiro originário da Grécia já visitou 195 países, duas vezes cada um, afirmando bater o recorde de pessoa que mais viajou ao redor do mundo.

Leia também: Aos 93 anos, senhora faz mochilão no Quênia por uma causa social

Em mochilão pelo mundo, Babis Bizas afirma ter visitado 195 países, duas vezes cada, e bater recorde mundial
Reprodução/Babis Biza
Em mochilão pelo mundo, Babis Bizas afirma ter visitado 195 países, duas vezes cada, e bater recorde mundial


Babis começou a fazer seu mochilão pelo mundo em 1976, quando ainda tinha 22 anos de idade e era estudante, e não parou desde então. De acordo com ele, sua maior motivação é a curiosidade e o desejo de conhecer partes escondidas do mundo, difíceis de serem acessadas.

“Os primeiros lugares para os quais eu fui foram Bulgária e Turquia, que são próximos à Grécia. Viajei de carona e tinha muito pouco dinheiro”, conta o senhor mochileiro . “No ano seguinte, percebi que tinha perdido a etapa de provas e exames e passei a pensar que não havia propósito em voltar a estudar na universidade.” Assim, Babis decidiu ir em rumo à Ásia, visitando o Afeganistão e o Paquistão.

Em mochilão pelo mundo desde os 22 anos de idade, ele conta que já havia visitado os 195 países logo em 2004
Reprodução/Babis Bizas
Em mochilão pelo mundo desde os 22 anos de idade, ele conta que já havia visitado os 195 países logo em 2004


Ele conta que, quando começou a ter problemas financeiros, conseguiu um emprego em um navio grego no porto do Sri Lanka, navegando então para a África e para a América. Nos anos 80, ele percebeu que precisaria de um emprego fixo para seguir viajando como gostaria. Foi assim que Babis conseguiu um emprego como guia turístico, organizando viagens para grupos pequenos de turistas.

No ano de 2004, ele já havia visitado os 195 países. “Após conhecer todos esses países, eu fiquei me perguntando o que deveria fazer. Acabei decidindo continuar viajando”, explica. Hoje, ele ainda viaja cerca de 300 dias por ano e é uma das poucas pessoas que conheceu o Polo Norte e o Polo Sul.

Para Babis, é difícil escolher um país favorito entre todos os que já conheceu. “Se eu tivesse que escolher um, escolheria a Rússia. É um lugar lindo, gosto da cultura e da língua”, diz. O senhor mochileiro já planejou todas as suas viagens até 2020, para o Cabo Verde, o Marrocos, a Guinea Bissau e o México.

Leia também: Jovem faz mochilão pela Ásia com a avó e dá dicas de como viajar com idosos

Recorde de mochilão pelo mundo é mesmo de Babis?

O homem conseguiu ser uma das poucas pessoas a conhecer o Polo Norte e o Polo Sul, em mochilão pelo mundo
Reprodução/Babis Bizas
O homem conseguiu ser uma das poucas pessoas a conhecer o Polo Norte e o Polo Sul, em mochilão pelo mundo


Babis não é o único a buscar o título de pessoa que mais viajou ao redor do mundo. O americano Don Parrish também já quis o título, afirmando que já visitou 325 países e territórios. O canadense Mike Spencer Bown também afirma ter visitado 195 países ao redor do mundo.

Leia também: Em mochilão pela Europa, pai e filho conhecem 42 países: "Momento mágico"

No entanto, não é possível afirmar com certeza se o senhor em mochilão pelo mundo é o dono do título de pessoa que mais viajou. Em 2015, o livro Guinness World Records declarou Babis como dono, mas não atualiza mais essa lista de recorde.