aeroporto
Pixabay/Reprodução
Os cuidados na segunda onda são parecidos com os da primeira, mas com alguns detalhes


Com o aumento de infecções na Europa pelo novo coronavírus a segunda onda da pandemia já é considerada ativa em alguns países..Com isso, muitas pessoas que compraram passagens na retomada do turismo podem ficar receosas ao viajar neste fim de ano. 


Além dos cuidados essenciais, como utilizar máscaras, praticar o distanciamento social e sempre higienizar mãos e produtos que for consumir, há outros pontos que o turista deve prestar atenção ao viajar nesta segunda onda

Fique atento às fronteiras

Com o aumento de casos em alguns países, fronteiras que foram abertas para brasileiros podem fechar. Um exemplo é o Chile, que reabriu para brasileiros recentemente , mas caso as infecções aumentem em um dos dois países, há a possiblidade das fronteiras aéreas se fecharem novamente. 

Se for viajar pelo Brasil, confira os níveis de contaminação

Para não correr o risco de chegar ao seu destino e encontrar bares, restaurantes e até praias fechadas, preste atenção nos boletins de saúde do local que for viajar. Assim, você pode remarcar a viagem, a hospedagem ou ir para o destino mais tranquilo, e sem medo de se contaminar ou dar ficar sem opções de passeio.

No bate e volta, continue com a higiene

Se for fazer um bate e volta, o ideal é seguir com os critérios de higiene , evitando de sair do carro com frequência: leve lanches e bebidas para não ir em paradas na estrada. Outra dica é ficar de máscara pelo trajeto caso esteja com janelas abertas no trânsito e higienizar o carro com frequência. 

Fique de olho nos termos sobre cancelamento e remarcação

Antes de comprar uma passagem aérea ou reservar um hotel, preste atenção nos termos para adiar ou cancelar a viagem. No começo da pandemia muitas agências e companhias aéreas cancelavam ou adiavam sem custos. Como a pandemia enfraqueceu e a segunda onda é registrada em poucos países, pode ser que os termos de cancelamento tenham sido alterados. Preste atenção nisso antes de comprar a compra. 

Prefira destinos mais vazios e fora da alta temporada

Praias e destinos do interior estão em alta no verão, por isso, procure por locais mais vazios e que não são tão procurados . Uma dica é procurar por aqueles destinos que estão com níveis baixos de contaminação e menos badalados. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários