iG - Internet Group

iBest

brTurbo

O essencial de Paris
A Torre Eiffel, o Arco do Triunfo, a Catedral de Sacré Coeur, o Museu do Louvre e outras tantas atrações de Paris são apenas algumas das razões que fazem da capital francesa um dos principais destinos turísticos do mundo.

Mapa-Mundi - www.mapa-mundi.com

- Fuso-Clima-Visto-Feriados em Paris
- Como chegar a Paris
- Onde ficar e o que comer em Paris
- Atrações para as crianças em Paris
- Vida cultural e noturna de Paris
- O que ver nos arredores de Paris
- Compras em Paris
- Informações úteis sobre Paris

VEJA A GALERIA DE FOTOS DE PARIS

Em passeios menos tradicionais, porém, o visitante tem a oportunidade de descobrir a cada dia um novo motivo para amar e voltar sempre que possível à "Cidade-Luz", como é conhecida.

Restaurantes, lojas e outros programas tipicamente parisienses se escondem nos bairros mais afastados do centro, ou mesmo nas ruas menos conhecidas de Saint Germain des Prés, Montparnasse e Montmartre.

Cortada ao meio pelo Rio Sena, Paris é dividida em 20 distritos, os “arrondissements”, distribuídos em forma de espiral, em sentido horário, a partir do Museu do Louvre.  Por isso, os “arrondissements” mais centrais são os de números menores, enquanto os mais distantes são os de números maiores.

Principais atrações

1 - Arco do Triunfo
Metrô Charles-de-Gaulle-Etoile

Em 1806, Napoleão Bonaporte ordenou a construção do monumento, que fica numa das extremidades da Avenida Champs-Élysées, em homenagem ao exército francês. Com a queda do imperador, em 1815, as obras foram interrompidas e só concluídas em 1836. Do alto do arco, de aproximadamente 50 metros de altura, a vista de Paris é deslumbrante. 

2 - Catedral de Notre-Dame
6 place du Parvis Notre-Dame. Metrô Cité ou St-Michel

Rodeada pelas águas do Rio Sena, esta famosa catedral, em estilo gótico, é o marco zero de Paris. Em frente à fachada ocidental há uma placa de bronze a partir da qual é calculada a distância entre a cidade e outros pontos da França. Fundada no século 12, é dedicada à Maria, mãe de Jesus. 

3 - Cimetière du Père-Lachaise
16 rue du Repos. Metrô Père-Lachaise ou Philippe Auguste

Conhecer o cemitério onde estão enterrados Oscar Wilde, Honoré de Balzac, Maria Callas, Edith Piaf, Jim Morrison, Marcel Proust, entre outras figuras ilustres, é um dos passeios mais populares de Paris. Foi aberto em 1803.   

4 - Hôtel des Invalides
Place des Invalides, 7e. Metrô Latour-Maubourg, Varenne, Invalides ou St-Francois-Xavier

Luís 14 ordenou a construção do palácio, onde deveriam ser enterrados os militares inválidos, em 1670. Desde então, figuras importantes do exército também têm sido sepultadas ali, como Napoleão Bonaparte.

5 - Le Musée du quai Branly
206-208 rue de Université. Metrô Alma-Marceau

Concebido pelo arquiteto Jean Nouvel, às margens do Rio Sena, este museu apresenta permanentemente 3.500 obras da África, Ásia, Oceania e Américas. As peças vieram do Musée des Arts Africains et Oceaniens, do Louvre e do Musée de l'Homme. O jardim, com 180 árvores de mais de 15 metros, é uma atração à parte. 

6 - Musée d'Orsay
1 rue de Bellechasse, 7e. Metrô Solférino

Também às margens do Sena, o edifício abrigava originalmente uma estação ferroviária. Nas 80 galerias do museu estão expostas obras datadas de 1848 a 1914 de nomes como Paul Gauguin, Van Gogh e Rodin. As telas dos impressionistas Manet, Renoir e Monet, entre outros, são os grandes destaques da exposição permanente.  

7 - Musée du Louvre
34-36 quai du Louvre. Metrô Palais Royal-Musée du Louvre

O Palácio do Louvre foi sede da monarquia francesa até o reinado de Luís 14, que o trocou pelo Palácio de Versalhes. Um dos maiores museus do mundo, o Louvre tem cerca de 30 mil obras expostas, entre elas a concorrida “Mona Lisa”, de Leonardo da Vinci. A controversa pirâmide de vidro, na entrada do prédio, foi inaugurada em 1989. 

8 – Sainte-Chapelle
4 bd. du Palais. Metrô Cité, St-Michel ou Châtelet-Les Halles

Construída em 1246 por Luís 9, esta capela foi erguida para abrigar as relíquias sagradas da crucificação de Cristo. A coroa de espinhos foi comprada do Imperador de Constantinopla por três vezes o valor usado em toda a obra. Pequena, impressiona pela quantidade de vitrais que ilustram quase toda a história da Bíblia.

9 – Torre Eiffel
Champ de Mars. Metrô Trocadéro, Ecole Militaire ou Bir

As filas para chegar ao topo da torre, de mais de 300 metros de altura, costumam ser enormes, principalmente na alta estação. A vista, porém, compensa. Construída em 1889, a Torre Eiffel pode ser vista, em um dia de céu claro, a 65 quilômetros de distância. Vale a pena ver a festa que os turistas fazem à meia-noite, quando as luzes começam a piscar.

10 – Musée Picasso
5 rue de Thorigny. Metrô St-Paul, Filles du Calvaire ou Chemin Vert


O museu abriga o maior acervo do pintor espanhol. São 203 pinturas e 158 esculturas, entre outras obras. O estudo para o famoso quadro “Les Demoiselles d'Avignon”, que inaugurou o Cubismo em 1907, também faz parte de seu acervo.

Leia mais sobre: Paris - Museu do Louvre - turismo na França.

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG




publicidade



Contador de notícias