10 passeios imperdíveis em Buenos Aires

Por Gabriela Borges, especial para o iG

Texto

Pode não ser sua primeira vez na cidade, mas algumas atividades nunca perdem o charme

Getty Images
Show de tango em Buenos Aires
1- Ir a um tango
Há várias opções para ver, escutar e dançar tango em Buenos Aires. De Milongas (salas de dança, muitas com aulas para principiantes) a grandes casas de shows turísticos.

Maldita / Bendita Milonga - Perú, 571, San Telmo. 6508-0640. Segunda e quarta, das 22h às 3h, aula de tango a partir das 21h.

Milonga Parakultural - Scalabrini Ortiz, 1331, Palermo. 4831-6753. Aula de tango, segunda, terça, quinta e sexta, a partir das 19h.

Señor Tango - Vieytes, 1655, Barracas. 4303-0231. Todos os dias, jantar às 20h30, show às 21h30.

Hotel Faena - Martha Salotti, 445, Puerto Madero. 4010-9000. Show “El Cabaret”, todos os dias, às 2030.

2- Admirar as cores do pôr-do-sol de Buenos Aires

3- Tomar um mate em um dos parques da cidade
A bebida conhecida no Brasil como chimarrão é muito apreciada pelos argentinos. Para acompanhar, não esqueça das deliciosas facturas (pães doces e recheados).
 

Divulgação
Vista interna do teatro Colón, recém-restaurado
4- Assistir a uma obra no Teatro Colón
Considerado um dos melhores teatros de ópera do mundo, o Colón reabriu suas portas no último dia 24 de maio, depois de três anos fechado para obras de restauração.

Teatro Colón - Cerrito, 618, Centro. 4378-3744.

 
5- Provar uma empanada
Pode ser de carne, frango, presunto e queijo. Se preferir algo diferente, peça uma de humita, recheio feito com milho.


6- Comer uma parrillada
O tradicional churrasco argentino, acompanhado de um bom vinho argentino, é um concorrente de peso ao churrasco tupiniquim.


Flickr/ Lucia Freitas
Museu Malba, onde estão algumas das principais obras latino-americanas
7- Ir a um museu
Buenos Aires está repleta deles. Se o tempo é curto, não deixe de conhecer pelo menos o Museo Nacional de Bellas Artes, que abriga a maior coleção de arte do país, e o Malba, Museo Latinoamericano de Buenos Aires, com obras de artistas como Antonio Berni, Frida Kahlo, Diego Rivera e Tarsila do Amaral.

Museo Nacional de Bellas Artes - 5288-9900. De terça à sexta, das 12h30 às 20h30. Sábado, domingo e feriado, das 9h30 às 20h30. Grátis.

Malba, Museo Latinoamericano de Buenos Aires - Av. Figueroa Alcorta, 3415, Recoleta. 4808-6500. De quinta a segunda e feriados, das 12h às 20h (entrada 20 pesos). Quarta, das 12h às 21h (grátis).


8- Tomar um café acompanhado de medias lunas ou churros
Aproveite o cafezinho para conhecer as cafeterias e bares mais elegantes da cidade, como o Café Tortoni e o El Gato Negro.

Café Tortoni - Av. de Mayo 825, Centro. 4342-4328.

El Gato Negro - Av. Corrientes 166, Centro. 4371-6942

Getty Images
Típico alfajor argentino, recheado com doce de leite

9- Provar qualquer doce à base de Dulce de Leche
A receita argentina é diferente da brasileira. Experimente também o sorvete local, que tem inspiração na receita italiana: é cremoso e com muito sabor.
 

10- Conhecer a livraria El Ateneo
Há diversos sebos e livrarias espalhados pela cidade. Porém essa, em especial, fica dentro do edifício onde funcionou o Grand Splendid, um dos grandes teatros da capital portenha na década de 1920. Hoje, ela é considerada uma das livrarias mais belas do mundo.

Livraria El Ateneo Grand Esplendid - Santa Fé, 1860, Recoleta. 4811-6104.

 



Acompanhe as novidades do iG Turismo pelo Twitter.

Leia tudo sobre: buenosairesargentina
Texto

notícias relacionadas