Influenciadores se esbanjam nos lençóis maranhenses
Reprodução/Instagram 15.07.2022
Influenciadores se esbanjam nos lençóis maranhenses

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, localizado no município de Barreirinhas, no Maranhão é uma área protegida na Costa Atlântica norte do Brasil, muito conhecida pelas suas paisagens paradisíacas e desérticas cercadas de grandes dunas de areia branca, além das lagoas sazonais de água da chuva - sendo as lagoas Azul e Bonita as duas maiores.

Um destino como este é certo para quem ama a natureza e atividades ao ar livre. O lugar é frequentado durante todo o ano e foi visitado por muitos famosos neste mês devido à festa de São João da influenciadora digital Thaynara OG.

Pepita, Camilla de Lucas, Linn da Quebrada, João Luiz Pedrosa, Viih Tube, Eliezer, Thelma Assis, Babu, entre muitos outros aproveitaram o evento - que ocorreu na região - para se deslumbrar com toda a beleza dos lençóis.

Quando ir?

Os Lençóis Maranhenses podem ser visitados durante todo o ano, mas é preciso se atentar ao calendário caso deseje ver o fenômeno das lagoas em meio às dunas.

A alta temporada ocorre durante e logo após as chuvas, especialmente entre os meses de abril e agosto. No auge da seca, de outubro a dezembro, quase todas as lagoas desaparecem, o que não tira a beleza do lugar porque a paisagem se transforma em um imenso deserto.

O que fazer?

O Parque ocupa uma área de 155 mil hectares, o que o torna o maior parque de dunas do Brasil, sendo assim, há muito o que explorar na região. Entre os passeios mais requisitados estão o Circuitos da Lagoa Azul e da Lagoa Bonita, e as visitas à Lagoa das Emendadas e ao Canto de Atins.

Também é possível explorar outras opções na região como a praia do Caburé, os passeios pelos rios Preguiças e Formiga, e ainda praticar esportes radicais como o kitesurfe. Para quem gosta de mais aventura ainda, a travessia a pé por dentro do Parque Nacional é a atividade ideal. A rota leva de três a cinco dias para ser concluída.

Como chegar

A região tem um único aeroporto, o de Barreirinhas, que recebe apenas voos de São Luís, capital maranhense, a um custo elevado. O ideal é que a entrada no Estado ocorra pelo Aeroporto Internacional de São Luís (SLZ).

São necessários diferentes trajetos e meios de transporte para chegar às três bases principais - Barreirinhas, Santo Amaro e Atins. A mais acessível para chegar de transporte público, ou transfer particular direto de São Luís, por exemplo, é a Barreirinhas.

Para Santo Amaro é possível contratar um transfer particular, a partir do aeroporto ou de Barreirinhas. Já quem vai à Atins, o ideal é chegar de lancha ou por um veículo 4x4 - a partir de Barreirinhas. 

Acompanhe o iG Turismo também pelo Instagram  e receba dicas de roteiros e curiosidades sobre destinos nacionais e internacionais. Siga também o perfil geral do  Portal iG no Telegram.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários