Tamanho do texto

Localizada no extremo sul do litoral paulista, a vila tem muita história e já foi eleita o melhor roteiro ecológico do mundo; saiba o que fazer por lá

Cananéia foi a primeira cidade fundada no Brasil. Localizada no extremo sul do Litoral Paulista, a 271 km de distância da capital do estado, o local é reconhecido como Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO e foi apontado pela revista americana Condé Nast Traveler como o melhor roteiro ecológico do mundo.

Leia também: Como aproveitar o verão em Cananéia, um paraíso ecológico

cananéia arrow-options
Márcio Masulino
A primeira vila do Brasil mantém preservada suas construções coloniais.

O destino é repleto de lendas, fauna, flora e compreende quatro ecossistemas: mangues, dunas, restingas e a Mata Atlântica. Com essa diversidade de paisagens não é surpresa que a cidade tenha um vasto número de passeios que encantam os turistas. Para te ajudar a decidir  o que fazer em Cananéia  e como planejar a viagem, o iG Turismo montou um roteiro com opções de:

Como chegar a Cananéia?

A cidade de Cananéia pode ser acessada por dois pontos: saindo de São Paulo o turista que optar pelo transporte de carro particular demorará cerca de 4 horas para fazer o trajeto (considerando que saia do centro); e saindo de Curitiba, no Paraná, são 243 km de distância e pouco mais de 3 horas de percurso.

Caso você opte por uma excursão com amigos, é necessária uma autorização da prefeitura local. Micro-ônibus, vans, kombis e veículos de lotação precisam pagar tarifas de entrada na cidade com antecedência mínima de 04 dias da viagem. Clique aqui e saiba todos os documentos exigidos. 

O que fazer em Cananéia?

Ninguém melhor para falar dos atrativos de uma cidade do que um morador. O blogueiro Caio Mathais, do instagram @omochileirobr, vive em Cananéia e passou uma lista de o que fazer em Cananéia, sugerindo lugares bacanas e nem sempre explorados pelos turistas. Veja abaixo:

Praia do Pereirinha

Ver essa foto no Instagram

Um bando de Golfinhos fazendo a festa na barra de Cananéia.

Uma publicação compartilhada por CAIO|Travel|Gastronomy|Events (@omochileirobr) em

Um dos passeios mais comuns da cidade é a visitação à Praia do Pereirinha . Por lá os viajantes tem a oportunidade de ver os botos e golfinhos e fazer mergulho. O custo da aventura é de R$ 40.

Praia do Marujá (Ilha do Cardoso)

praia do marujá arrow-options
Reprodução/ Prefeitura de Cananéia
A vila de Marujá é pouco visitada entre os turistas que estão em Cananéia

Também conhecida como praia Marujá, o lugar é paradisíaco e deserto. Não é um passeio muito comum pela região, segundo Caio, mas vale a pena. Muitos golfinhos aparecem por lá e abrilhantam ainda mais o cenário. O acesso é feito de barco e cada pessoa vai gastar em média R$ 120 para o dia inteiro.

Leia também: Cinco lugares no Brasil para ver golfinhos bem de perto

Ilha do Bom Abrigo

ilha do bom abrigo arrow-options
Júnior Petar
A ilha do Bom Abrigo é um dos destinos preferidos do blogueiro Caio, morador de Cananéia

“É o passeio mais bonito, água verde cristalina, totalmente paradisíaco, dá para ver as tartarugas, peixes e tem um farol, porém é proibido pela marinha a sabida, mas como não há fiscalização todos sobem”, explica o blogueiro. Visitar essa obra prima da natureza custa em torno de R$100 o dia inteiro. Quem visita o local garante que a experiência é única e exclusiva. 

Vila Fantasma (Ararapira) e Ariri

ararapira arrow-options
Reprodução
A vila de Ararapira também é conhecida como "vila fantasma" e os passeios até lá são organizados pela prefeitura de Ilha Comprida

Na divisa de São Paulo com o Paraná encontra-se o vilarejo de Ararapira, conhecida também como Vila Fantasma. Inabitado desde a virada do século, o local tem algumas casas, uma igreja do século 18, um cemitério e uma cadeia. Pelo mistério que envolve o êxodo dos moradores, o vilarejo se tornou ponto turístico e a visitação guiada é feita pela Prefeitura de Ilha Comprida.

Em Ariri o turista pode encontrar trilhas, passeios de barco, cachoeiras e muita floresta. A vila é bem pequena, mas tem um sistema hoteleiro de qualidade e restaurantes muito bons. Conhecer os dois pontos sai por R$ 140 o dia.

Pontal de Leste

praia de leste arrow-options
Reprodução/ TripAdvisor
Praia de leste é um dos destinos procurados por quem conhece a Cananéia

A praia de Leste, na divisa com o Paraná, também é um passeio que vale a pena explorar. Assim como outros pontos turísticos da cidade, é preciso pagar uma taxa para acessar. Nesse caso, R$ 140 por pessoa. 

Praia do Boqueirão Sul

praia boqueirão do sul arrow-options
reprodução/ prefeitura de ilha comprida
A praia do boqueirão sul é a mais visitada pelos turistas de Cananéia

Ilha Comprida é uma praia próxima de Cananéia e o passeio mais comum é a visitação à praia do boqueirão sul. Para acessar o turista precisa pegar uma balsa na Av. Beira Mar e seguir até o destino na cidade visinha.

Roteiro das cachoeiras

Tanto o Caio quanto a prefeitura de Cananéia indicam o roteiro das cachoeiras aos viajantes. A cidade tem quatro quedas d’água principais: Cachoeira Grande, Cachoeira do Mandira, Rio das Minas e do Pitu. O acesso a todas elas é um pouco complicado, tirando a Cachoeira Grande, que precisa de barco, todas as outras precisam de balsa para chegar ao destino. Um famoso barqueiro da cidade é o Guinho que atende praticamente todos os passeios principais.

A lista sobre o que fazer em Cananéia é extensa. Abaixo, outros pontos turísticos indicados na seção de turismo da prefeitura da cidade:

  • Conjunto de casários históricos;
  • Igreja de São João Batista;
  • Centro de Exposições;
  • Obelisco e canhões;
  • A figueira de Cananéia;
  • Morro São João e a trilha do mirante;
  • Gruta de Nossa Senhora de Fátima;
  • Pier Municipal;
  • Argolões de bronze

Onde comer em Cananéia?

A cidade tem 12 restaurantes com variados cardápios que vão desde frutos do mar a pizzaria e comida local. Existem apenas dois bares/ cafés no vilarejo. Confira a lista abaixo:

Bistrô Via Maria
Rua: Jair de Melo Viana, 106
(13) 9713-0038 – www.viamaria.com.br

Restaurante Bacharel
Av. Independência, 835
(13) 3851 1182 – www.cananeiatur.com/bacharel

Restaurante Rancho das Ostras
Km 11,5 da Estrada do Ariri (próximo ao Quilombo Mandira)
www.ranchodaostra.cananeiatur.com

Restaurante Maresia
Av. Miguel de Araujo, 213 – Porto Cubatão
(13) 3851 6212 – (13) 3851 6263

Restaurante Porto Camarão
Av. Independência  nº 661
(13) 3851-3994 – (13) 3851-3694

Restaurante Naguissa do Silêncio
Av. Wilson Barbosa  nº 401 –  Retiro das Caravelas
(13) 3851-1341

Restaurante Caiçara
Praça Martim Afonso de Souza  nº 42   Centro
(13) 3851-1174

Hotel Marina Clube de Pesca Cananéia
R. João Maciel – Porto Cubatão
(13) 3851-6117 / 3851-6118 / 3851-6143

Restaurante Sambaqui
R. Tales Bernardes, 166 – Centro
(13) 3851-0313

Pizzaria Dom Sebastiano
Rua do Tananã, próximo a Rotatória
Tel: (13) 3851-3216

O Ponto das Ostras
R. Pero Lopes, 125 – Cananéia – SP

Bares e Caffes

Pont’s Caffe

Av. Beira-Mar, 71 (Centro)
(13) 3851-1262
Horário: 2ª/3ª e 5ª 16h/22h, 6ª 16h/0h sáb12h/0h dom 12h/23h

Doceria Doce Pecado
Av. Independência, 424 – Rocio
(13) 3851 1614 – (13) 99776 - 0251

Leia também: Conheça Ilha Comprida, 72 km de praias, dunas e natureza preservada

Onde se hospedar?

A rede hoteleira de Cananéia é extensa e conta com 41 locais que incluem campings, hotéis e pousadas. A lista de lugares recomendados e cadastrados na prefeitura estão neste link