Multa para quem andar de roupa de banho na cidade de Sorrento, na Itália, varia de 25 a 500 euros
Pexels
Multa para quem andar de roupa de banho na cidade de Sorrento, na Itália, varia de 25 a 500 euros

O prefeito da cidade turística italiana Sorrento decidiu aplicar multas a pessoas que circularem pela cidade com trajes de banho, alegando preocupações com a "qualidade de vida".

Massimo Coppola anunciou em um post do Facebook que quem não cumprir as regras poderá pagar multa de 25 a 500 euros. "Chega de comportamento indecente. É por isso que assinei a portaria que proíbe as pessoas de andar com o peito nu, assim como em trajes de banho", escreveu o prefeito na rede social.


A cidade localizada ao sul de Nápoles, na costa oeste da Itália, fica lotada de turistas, mas Coppola quer impedir que o comportamento de quem visita a cidade cause um possível desconforto.

"Esses tipos de comportamento podem causar desconforto, tanto para os moradores de Sorrento quanto para os turistas. Queremos proteger e melhorar o valor de viver, a qualidade de vida, a decoração do centro da cidade e dos espaços públicos", declarou.

As regras se aplicam entre às 10h e às 18h e valerão durante todo o mês de agosto, e nos fins de semana de 15 de junho a 30 de setembro. Para o ano que vem, também estarão incluídas a Semana Santa, próxima da Páscoa, e as datas de 24 de abril a 2 de maio.

Acompanhe o  iG Turismo também pelo Instagram e receba dicas de roteiros e curiosidades sobre destinos nacionais e internacionais.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários