2020 é o Ano da Música de Chicago e a cidade norte-americana ganhou uma programação especial até o meio do ano. Novos hotéis, restaurantes e eventos artísticos prometem atrair mais turistas nos próximos meses.

Leia também: Nova York vista de cima - veja 27 lugares para conhecer a cidade

Está interessado em viajar para Chicago ainda este ano? Confira abaixo as novidades que a cidade apresenta e programe sua viagem com boas opções de lazer.

Reforço na hotelaria

nobu arrow-options
Reprodução/ skyrisecities
O Nobu Hotel Chicago terá a culinária japonesa como carro chefe na gastronomia

Chicago abrirá quatro hotéis no início de 2020. As opções estão espalhadas pelas diversas áreas da cidade e cabem no bolso de todo o tipo de visitante. O Nobu Hotel Chicago, localizado no bairro West Loop, tem 115 quartos e suítes e mescla hospedagem com a culinária japonesa moderna do conhecido restaurante Nobu. Os hóspedes ainda têm a opção de curtir a cidade no rooftop do hotel com vista para a Randolph Street. A inauguração do hotel está prevista para a primavera de 2020.

Em Wicker Park, a opção de hospedagem é o novo Hyatt Place Chicago/Wicker Park. Situado em uma das regiões mais vibrantes da cidade, o hotel oferece fácil acesso a espaços gourmet e restaurantes, além de boutiques charmosas e cafés badalados. O hotel está previsto para inaugurar em maio.

Também previsto para a primavera , o exclusivo Curio Collection by Hilton Hotel terá 222 quartos situados no famoso Navy Pier. O hotel terá academia de alta tecnologia, restaurante na cobertura, bar e espaço para eventos, além de janelas do chão ao teto que oferecem vistas do Lago Michigan e do Navy Pier.

O Vista Tower, terceiro edifício mais alto de Chicago, abrigará o Wanda Vista Hotel, um hotel contemporâneo de 192 quartos localizados na parte baixa da torre. A abertura do hotel está marcada para o segundo semestre de 2020.

Novas atrações e passeios

chicago arrow-options
shutterstock
O Instituto de Arte de Chicago tem exposições novas no primeiro semestre de 2020

A cartela de passeios do Chicago Detours ganhou uma nova parada. O Historic Chicago Walking Tour agora passa pela mansão Gilded Age, que abriga o restaurante Lawry. Os participantes vão apreciar a arquitetura de dentro e de fora do estabelecimento, além de escutar histórias do local e provar as iguarias e bebidas. A nova opção do tour está disponível o ano todo, cinco noites por semana.

Como novo ponto de parada turística , uma igreja histórica do século XIX em West Loop foi transformada no espaço cultural Epiphany Center for the Arts, um dos maiores da cidade. O Epiphany abriga uma grande variedade de eventos de música, arte, culinária e programas de bem-estar. O espaço ainda conta com galeria de arte, café e jardim e pode acomodar de 50 a 1500 pessoas para eventos privados.

O Instituto de Arte de Chicago também está com exposição nova. A “Monet and Chicago” estará em cartaz de 10 de maio a 7 de setembro de 2020 contando a história da cidade e do trabalho de Claude Monet com 65 pinturas entre elas, obras célebres e adoradas até pinturas raramente vistas. A entrada custa 25 dólares (R$ 112) para adultos e 19 dólares (R$ 85) para jovens e idosos acima de 65 anos. O Instituto de Arte fica aberto diariamente das 10h30 as 17h e nas quintas até as 20h.

No Museu de Arte Contemporânea a exposição “The Shape of the Future” retrata o sonho controverso de uma linguagem universal para o design. Coincidindo com a “2019 Chicago Architecture Biennial”, a mostra explora o modernismo global como estrutura para a construção utópica e especulativa do mundo, marcada por traços de trabalho, fantasia política e turbulência cultural. A exposição estará em cartaz até 5 de abril de 2020 e a entrada custa 12 dólares (R$ 53).

A última novidade no setor cultural é a exposição “In Real Life” no Museu de Fotografia Contemporânea. A mostra estará em cartaz até o dia 29 de março de 2020 e explora o impacto da visão computacional no mundo real. Através das lentes de sete artistas que trabalham com uma variedade de mídias digitais, a mostra apresenta trabalhos que lidam com o relacionamento complexo entre humanos e tecnologia. Dentre os artistas estão Stephanie Dinkins, Trevor Paglen, Leo Selvaggio, Maija Tammi, José Orlando Villatoro, Xu Bing e Lian Young. A entrada é gratuita.

Inovação na gastronomia

starbucks arrow-options
Divulgação
A Starbucks Reserve Chicago é a maior loja da rede de cafés do mundo

O Starbucks Reserve Roastery  é a maior loja da Starbucks no mundo e abriu no outono passado na Magnificent Mile. Para quem gosta de café, o espaço é uma visitação obrigatória. O novo Starbucks oferece torrefação de seus raros grãos; passeios interativos; bebidas exclusivas inspiradas na cultura e tradição de Chicago e uma cozinha cheia de sobremesas, pães, pizzas e saladas da padaria italiana Princi. 

Além do tradicional café, o Starbucks Reserve também oferece coquetéis especiais criados pelas mixologistas locais Annie Beebe-Tron, do Fat Rice; Julia Momose, do Oriole; e Kumiko e Rachel Miller do Community Tavern, o que faz com que os clientes possam desfrutar de bebidas de manhã até a noite.

Inaugurado na mesma época, o Time Out Market Chicago, um mercado gastronômico oferece aos visitantes um compilado dos melhores sabores da cidade. São 18 restaurantes, três bares e uma cozinha para demonstrações. Localizado no coração do Fulton Market District, o mercado reúne profissionais da primeira classe, mas também é um espaço cultural. O edifício de 4.600 m² tem três andares, local para eventos, área de varejo, plataforma de entretenimento com arquibancadas e cobertura com área interna e externa.

Novos aeroportos na cidade

aeroporto arrow-options
Reddit
O aeroporto Mildway Internacional será remodelado

Chicago deve receber modernização nos dois novos aeroportos: o O’Hare International Airport e o Midway International Airport. Esse segundo, inclusive, é um projeto de quase US$ 400 milhões que visa melhorar as experiências dos viajantes que chegam ou partem de Chicago. As melhorias incluem maior área de segurança; mais opções de restaurantes e lojas e a ampliação do estacionamento próximo ao terminal. As mudanças devem ser concluídas no verão e prometem melhorar a experiência dos viajantes atendendo assim à crescente demanda por viagens aéreas.

Leia também: Inspirado em dicas da cantora Luísa Sonza, saiba o que fazer em Chicago

Ficou interessado em conhecer as novidades de Chicago ? Para quem sai do Brasil só existe um voo direto oferecido pela United Airlines com duração de 10h45. Os voos de escala duram em média 12h e podem fazer conexões em Nova York, Miami, Atlanta, Dallas, Detroit, Houston, Charlotte e Cidade do Panamá. O valor da passagem de ida, de acordo com pesquisa no Google Flights , é de R$ 2.500 por pessoa.

    Veja Também

      Mostrar mais