Tamanho do texto

O ranking analisou seis critérios relacionados à natureza e à vida selvagem, e o Brasil ficou em terceiro lugar no ranking mundial. Veja detalhes da lista

A agência de viagens britânica True Luxury Travel acaba de lançar o Global Wildlife Travel Index, ranking de turismo de vida selvagem nos países ao redor do mundo . De acordo com a qualificação feita pela lista, o Brasil ficou em terceiro lugar, atrás dos Estados Unidos, primeiro colocado, e da Venezuela, em segundo.

Leia também: Confira os melhores tours para ver vida selvagem na viagem

O pódio do ranking de turismo de vida selvagem da agência de viagens foi composto por EUA, Venezuela e Brasil
shutterstock
O pódio do ranking de turismo de vida selvagem da agência de viagens foi composto por EUA, Venezuela e Brasil


Viagens de turismo de vida selvagem têm crescido bastante nos últimos tempos, com a ideia de aproximar os turistas de animais e plantas em seus habitats naturais. A agência avaliou 142 países e deu uma nota de 1 a 7 para seis critérios relacionados ao tema. O Brasil totalizou 37 pontos, assim como os dois primeiros colocados.

O ranking foi montado através dos seguintes critérios: biodiversidade da vida selvagem, conservação de animais de grande porte, prevalência de parques de preservação, pioneirismo entre os parques, quantidade de áreas de proteção à natureza e museus de história natural.

Os dados foram retirados do Megafauna Conservation Index, ranking de países de acordo com a diversidade de espécies de grande porte, a área ocupada por esses animais, o quanto dessa área é protegida e as contribuições financeiras de cada país para a conservação.

Leia também: Confira 11 museus brasileiros que valem a viagem

Os 10 primeiros colocados no ranking de turismo de vida selvagem

Para que o turismo de vida selvagem continue existindo, é necessário preservar a natureza e a vida dos animais
shutterstock
Para que o turismo de vida selvagem continue existindo, é necessário preservar a natureza e a vida dos animais


Os Estados Unidos ficaram em primeiro lugar, atingindo a pontuação máxima em quatro dos critérios avaliados. De acordo com informações do ranking, o país tem 60 parques nacionais, 757 museus de história natural e foi classificado como um dos 19 países com melhor conservação da megafauna.

Na segunda colocação, a Venezuela teve pontuação máxima no quesito de quantidade de áreas de proteção à natureza, já que 54,1% da área total do território são protegidas, tornando-o o país com maior quantidade, e de prevalência de parques de preservação. Em terceiro colocado, o Brasil conseguiu nota máximo por sua biodiversidade de vida selvagem e a prevalência de parques nacionais.

O ranking ficou assim:

  1. Estados Unidos – Pontuação final: 37
  2. Venezuela – Pontuação final: 37
  3. Brasil – Pontuação final: 37
  4. Tailândia – Pontuação final: 36
  5. Tanzânia – Pontuação final: 33
  6. Colômbia – Pontuação final: 33
  7. Croácia – Pontuação final: 33
  8. México – Pontuação final: 33
  9. Austrália – Pontuação final: 33
  10. Canadá – Pontuação final: 32

Leia também: Descubra quais destinos estão no topo do ranking de incidentes com turistas

Para critério de desempate entre países, a agência de viagens britânica deu prioridade à pontuação e colocação de cada país no Megafauna Conservation Index. Se você busca explorar destinos com turismo de vida selvagem , pode agora começar a preparar a viagem para um desses países.