Tamanho do texto

Nova Zelândia é um país repleto de paisagens magníficas e muita adrenalina; confira o top 10 de lugares imperdíveis para sua viagem

A Nova Zelândia pode ser pequena em território, mas oferece uma grande variedade de passeios. Mesmo sendo pouco maior que o estado do Piauí, quando se trata de sua área, o país na Oceania reserva ao turista uma viagem cheia de aventuras, principalmente para quem gosta de adrenalina , e repleta de paisagens fascinantes.

Leia também: Pequena, mas diversa, Nova Zelândia atrai cada vez mais turistas brasileiros

As opções de passeios incluem praias, piscinas naturais de águas cristalinas, práticas de esportes radicais e até uma visita a um vulcão ativo. Está pronto? Confira o top 10 das melhores atrações da Nova Zelândia , segundo a agência de turismo local “Tourism New Zealand”, e programe seu roteiro pelo país:

10. Casinhas dos Hobbits

As trilogias de
shutterstock
As trilogias de "O Senhor dos Anéis" e "O Hobbit" tiveram cenas na Nova Zelândia


Para os fãs das trilogias de “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit”, existe uma atração incrível. Na tranquila cidade de Matamata, o diretor Sir Peter Jackson descobriu o lugar perfeito para criar o condado de Hobbiton, onde estão localizadas as casinhas caricatas dos Hobbits das produções. Toda a estrutura permanece lá e é encantador até para os que mal conhecem o filme.

As visitas são agendadas pelo site oficial “Hobbiton Movie Set”, com tipos diferente de tour pelos cenários.

9. White Island

Entre fumaça e vapor de água, o vulcão ativo de White Island é um dos melhores destinos na Nova Zelândia
shutterstock
Entre fumaça e vapor de água, o vulcão ativo de White Island é um dos melhores destinos na Nova Zelândia





Já pensou em presenciar um vulcão ativo? White Island é uma ilha com cerca de dois quilômetros de diâmetro que tem um vulcão que exala gases a 800° C, em um estado constante. Ele é um dos vulcões ativos de mais fácil acesso, uma oportunidade imperdível para conferir as veias de corrente vulcânica fervendo e até um lago de ácido quente.

A ilha é de propriedade privada, conservada para permanecer sendo uma reserva natural, e visitas - de barco ou helicóptero - são organizadas também pelo site oficial “White Island Tours”.

8. Praia de Hot Water

Na praia de Hot Water, você pode fazer a sua própria jacuzzi na areia
shutterstock
Na praia de Hot Water, você pode fazer a sua própria jacuzzi na areia


Na praia de Hot Water, você pode criar uma espécie de jacuzzi natural a poucos metros do mar. Com um areia lamacenta, porém agradável à pele, a praia é deliciosamente morna, tendo até vapor de água. A ideia é levar uma pá para cavar e liberar água quente, fazendo seu próprio spa. É a atração principal da Península de Coromandel, atraindo turistas e moradores locais. Para os que quiserem uma busca guiada, é possível contratar um guia local.

7. Travessia de Tongariro

Viaje por montes, lagos e lugares incríveis na travessia de Tongariro
shutterstock
Viaje por montes, lagos e lugares incríveis na travessia de Tongariro


Quer desafiar a própria força? Uma das caminhadas mais famosas da Nova Zelândia, a Travessia de Tongariro, leva você para cenários extraordinários ao longo de uma jornada de nove horas. A travessia tem 19,4 quilômetros de extensão e passa pelo Monte Ngauruhoe e sobre o Monte Tongariro. 

Apesar do teste físico entre tantas subidas e descidas, as vistas panorâmicas para regiões vulcânicas ativas e lagos coloridos é deslumbrante. Ainda mais, a área é listada como Patrimônio pela UNESCO.

Leia também: 7 bons motivos para "turistar" ou estudar na Nova Zelândia

6. Observação de baleias em Kaikoura

Em Kaikoura, você pode avistar as baleias magnificamente gigantescas
shutterstock
Em Kaikoura, você pode avistar as baleias magnificamente gigantescas


Não poderiam faltar as majestosas baleias. É sempre possível avistar os seres enormes na pequena praia de Kaikoura, na Ilha Sul, independente da época do ano. O local, próximo da cidade de Christchurch, oferece diversos tours para quem quer ver os animais bem de pertinho. 

Vale dizer que as baleias são altamente protegidas e as empresas locais contribuem para pesquisas de sustentabilidade e saúde oceânica.

5. Mergulho em Poor Knights

Mergulhe em Poor Knights e descubra a beleza do fundo do oceano
shutterstock
Mergulhe em Poor Knights e descubra a beleza do fundo do oceano


A 23 quilômetros da costa de Tutukaka, as ilhas de Poor Knights são um ícone internacional para quem gosta de explorar o mundo submerso. E não é só para mergulhadores profissionais, quem não tem experiência também pode mergulhar.

Descrito por Jacques Cousteau como um dos melhores lugares para mergulho no mundo, os Poor Knights fazem parte de uma reserva marinha e possuem um ecossistema muito variado. 

4. Os fiordes de Milford Sounds

Os fiordes de Milford Sounds são fascinantes, um ponto turístico imperdível
shutterstock
Os fiordes de Milford Sounds são fascinantes, um ponto turístico imperdível


O Parque Nacional de Fiordland é uma preciosidade natural, e nele se encontram os fiordes de Milford Sound. Picos imensos, centenas de cachoeiras, vida selvagem e águas espelhadas se alinham e criam um dos lugares mais impressionantes do planeta. 

Para conhecer o lugar, existem quatro opções de tours oferecidas pelo site de Milford Sounds, com direito a ônibus com teto de vidro para apreciar a vista das montanhas.

3. Bungee Jumping

Pura adrenalina: saltar de bungee jumping da ponte Kawarau é uma experiência incrível
shutterstock
Pura adrenalina: saltar de bungee jumping da ponte Kawarau é uma experiência incrível


Você gosta de adrenalina e busca experiências completamente radicais? A Nova Zelândia é o lugar certo para você. O país foi o primeiro do mundo a comercializar o salto de bungee jumping. O pioneirismo data 1988 com um marco histórico na ponte de Kawarau, perto de Queenstown. 

E boa notícia: o local continua recebendo turistas do mundo todo, para os que se aventuram, mas também para só os que observam os saltos.

Leia também: Segura, com belezas naturais e muitas atrações radicais: conheça a Nova Zelândia

2. Aurora Austral

A Aurora Austral é um fenômeno lindo a ser observado na Nova Zelândia
shutterstock
A Aurora Austral é um fenômeno lindo a ser observado na Nova Zelândia


É muito provável que você já tenha visto imagens da Aurora Boreal, fenômeno óptico composto de um brilho deslumbrante observado nos céus noturnos nas regiões polares. Ele decorre do impacto de partículas de vento solar com a atmosfera da Terra, canalizadas pelo campo magnético terrestre.

A Aurora Austral é um fenômeno semelhante que ocorre no hemisfério sul do globo. Mais especificamente em Dunedin, você pode aproveitar o show incrível de luzes, que cria reflexos na água (um paraíso para os fotógrafos).

1. Cavernas de Waitomo

Os “glowworms” causam um efeito deslumbrante no teto das cavernas
shutterstock
Os “glowworms” causam um efeito deslumbrante no teto das cavernas


O topo da lista fica para as cavernas de Waitomo, um mundo subterrâneo surpreendente no coração da Ilha Norte. As exclusivas maravilhas naturais são cobertas por uma infinidade de “glowworms”, pequenos insetos que emitem luz pelo processo de bioluminescência, como se fossem vagalumes.

Existem cinco cavernas diferentes com tipos diversos de tour, de barco ou a pé. Existe a opção de visitar as cavernas fazendo rafting, outro esporte radical. É com certeza uma das atrações mais populares da Nova Zelândia.