Após quase sete meses fechado,  o Hopi Hari reabriu suas fronteiras  no último sábado (26). A partir desta semana o parque passará a funcionar de sexta a domingo. Além de se divertir nos brinquedos, os visitantes poderão curtir atrações drive-in, como o Electric Drive-in (nesta sexta-feira, 2), o show com o DJ Claudinho Brasil (dia 9) e o Horror Drive Tour, que fica em cartaz até novembro.

O parque temático voltou a abrir as fronteiras e terá programação especial para o feriado do Dia das Crianças
Divulgação
O parque temático voltou a abrir as fronteiras e terá programação especial para o feriado do Dia das Crianças


Para que mais pessoas possam se divertir de uma forma segura, respeitando o protocolo anticovid-19 – que autoriza acesso a 40% da capacidade de público do local –, o Hopi Hari ampliou o horário de funcionamento, abrindo também às sextas-feiras, das 10h às 17h. A maior parte das atrações está de volta. Contudo, devido aos protocolos de segurança, algumas ainda estão sem funcionar. São elas: Simulakron, Cinemotion, La Mina del Joe Sacramento e Katakumb. Além disso os shows os shows estão suspensos e La Tour Eiffel está em manutenção.

Drive-in

Após às 18h, o parque promove uma série de shows para curtir sem sair do carro. Realizados no Teatro Arena Show di Hopi Hari já são dois eventos confirmados:

Nesta sexta-feira, 2, o Electric Drive-In, uma noite colorida em celebração ao orgulho LGBTQIA+. Na ocasião, a DJ Má Rodrigues retorna ao Parque com um repertório superanimado, que contará ainda com a participação de DJ Jully Beats e DJ Mylenna Vox.

Na semana seguinte, no dia 9, acontece uma balada drive-in com o DJ Claudinho Brasil e seus convidados Zelig  e Danne, com muita música eletrônica. A atração fica ainda mais completa com a presença dos DJ's residentes Igor Mezaki e Marcos Thorpe.

O Horror Drive Tour, que estreou em setembro, segue com sessões aos sábados e domingos, a partir das 18h, e uma edição extra no dia 12. Inspirado na Hora do Horror, maior evento de horror da América Latina, a atração é um percurso assustador de quase 3 quilômetros, em que os participantes se tornam exploradores de uma história macabra, que se passa nos bastidores de um estúdio de gravação abandonado, cheio de referências a filmes clássicos de terror.

Você viu?

Parque está de volta seguindo todos os protocolos de segurança
Divulgação
Parque está de volta seguindo todos os protocolos de segurança


Para as crianças

Em comemoração ao mês das crianças, o parque lançou a promoção Mês dos Tikitos, em que de 2 de outubro a 2 de novembro, crianças de até 12 anos, acompanhadas de um adulto pagante integral, ganham o Passaporti. Inclusive, no dia 12, data em que se comemora o Dia das Crianças, o Hopi Hari também funcionará das 10h às 17h.

Para garantis os ingressos

Os Passaportis para as baladas no formato drive-in custam R$ 129,90 cada e são válidos para 1 veículo com, no mínimo, 2 pessoas e no máximo 4. Os visitantes que forem ao Electric Drive-in ainda podem aproveitar a promoção relâmpago e curtir o Horror Drive Tour na mesma data, ao adquirir o Passaporti promocional aqui.

Já para o Horror Drive Tour o ingresso dá acesso de um automóvel de pequeno ou médio porte com duas, três ou até quatro pessoas, no valor de R$249,90. Vale lembrar que, ao fazer a aquisição é preciso concordar com as medidas de saúde do protocolo anticovid-19 do Hopi Hari. No dia dos eventos, basta apresentar o QR-Code gerado no site. Saiba mais sobre os ingressos para os eventos drive-in aqui.

Para usufruir do parque durante o dia, para aqueles que têm Passaportis válidos em mãos e que se enquadram nas ações promocionais que o Hopi Hari realizou nos últimos seis meses será possível visitar normalmente o Parque, basta apresentar o voucher de compra diretamente nas catracas.

Já os profissionais da área da Saúde – convidados em abril deste ano, como forma de agradecimento pelos serviços frente a covid-19, e que se cadastraram – poderão retirar e utilizar a cortesia até 27 de dezembro deste ano. Para isso é preciso acessar o site  e inserir o código promocional – que é o número do documento utilizado na realização do cadastro. Em seguida é só realizar o agendamento.

Vale lembrar que, para garantir a capacidade de operação em 40%, a equipe do Parque monitorará o acesso do público e tomará ações necessárias para manter o fluxo de pessoas dentro da capacidade permitida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários