Tamanho do texto

Especialista lista as melhores regiões no Sul do país para os amantes de vinho

O Brasil é o quinto maior produtor de vinho do Hemisfério Sul e, segundo dados do Instituto Brasileiro do Vinho, a área destinada ao cultivo da uva para produção dessa bebida ultrapassa 79 mil hectares. Também se estima que existam mais de 1,1 mil vinícolas no território brasileiro, e boa parte delas fica na região Sul do País. Como a região concentra 85% da produção nacional, os vinhos da Serra Gaúcha são alguns dos mais populares e apreciados por quem curte a bebida, levando muita gente a visitar o local.

O Brasil tem uma grande produção dessa popular bebida e os vinhos da Serra Gaúcha costumam agradar os turistas
shutterstock
O Brasil tem uma grande produção dessa popular bebida e os vinhos da Serra Gaúcha costumam agradar os turistas


De acordo com Gelson Walker, especialista em turismo e diretor da agência Tô Indo Viagens, durante o inverno o fluxo de turistas aumenta nas regiões produtoras da bebida . “A estação mais gelada do ano é a escolha de muitos que querem aproveitar as temperaturas baixas e conhecer melhor o item. O que não faltam são opções de destinos para quem deseja curtir uma excursão tendo o vinho como protagonista”, diz Walker, que separou alguns destinos para o turista que quer degustar os melhores vinhos da Serra Gaúcha .

1. Bento Gonçalves (RS)

Bento Gonçalves está os destinos turísticos da Serra Gaúcha que contam com uma forte produção de vinhos
Divulgação/Hotel Urbano
Bento Gonçalves está os destinos turísticos da Serra Gaúcha que contam com uma forte produção de vinhos


Além de visitar e conhecer de perto as vinícolas, o turista que visita Bento Gonçalves pode desfrutar do produto final e, ao provar, ficar fácil escolher qual levar para a casa. Conforme indica o especialista, as principais atrações da cidade são o Vale dos Vinhedos, os Caminhos de Pedra, o Vale do Rio das Antas e o tradicional passeio de Maria Fumaça.

2. Gramado (RS)

Gramado é a região da Serra Gaúcha que mais atrai turistas, pois além da produção de vinhos conta com outras atrações
shutterstock
Gramado é a região da Serra Gaúcha que mais atrai turistas, pois além da produção de vinhos conta com outras atrações


Esta cidade é famosa por contar com fortes influências alemãs e italianas e possui atrações que buscam atender aos mais variados gostos. “ Gramado é hoje o maior polo turístico do Rio Grande do Sul e um dos mais importantes do Brasil. Algumas das principais atrações são as compras em Nova Petrópolis, o Tour Uva e Vinho com visita ao Parque Europeia Italiana e o Trem Maria Fumaça”, indica o especialista.

Fora essas atrações, ainda é possível aproveitar a viagem para conhecer o Museu de Cera Dreamland, o Harley Motor Show, o Hollywood Dream Cars e o Salão do Super Carros.

3. Flores da Cunha (RS)

Flores da Cunha tem como principal atração as vinícolas, sendo que é possível visitar o interior das empresas
Secretaria do Turismo/Tatiana Cavagnoli
Flores da Cunha tem como principal atração as vinícolas, sendo que é possível visitar o interior das empresas


Na região dos Altos Montes, formada pelas cidades de Flores da Cunha e Nova Pádua, fica esse município considerado o maior produtor de vinho do Brasil. O destino conta com uma paisagem tipicamente europeia, com fortes influencias italianas e tem como principais atrações vinícolas como a de Monte Reale, em que é possível fazer uma visita monitorada pelo interior da empresa para entender como é o processo de fabricação dos vinhos. Ao final, é possível degustar vinhos, espumantes e sucos.

“O  Rio Grande do Sul é sempre uma opção interessante para quem deseja ter a oportunidade de aproveitar o clima mais gelado conhecendo as vinícolas e degustando os vinhos da Serra Gaúcha . São diversos os pacotes de viagem, que incluem desde hospedagem a guia turístico, o que facilita na hora da escolha”, finaliza o especialista.