Tamanho do texto

Destino no Mato Grosso conta com paisagens deslumbrantes, cachoeiras, cavernas e preços acessíveis: pacotes com aéreo e hotel por R$ 1 mil

Nos últimos dias, só se fala em Olimpíadas no Rio de Janeiro.  Sinceramente, não sinto a menor vontade de ir: hotéis e passagens aéreas caríssimas, cidade lotada, boatos sobre atentados, enfim, o caos. Para fugir de tudo isso, minha sugestão é uma viagem inesquecível para a Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso , um lugar mágico para conhecer aqui no Brasil . Lá você terá a oportunidade de conhecer lugares lindos e, o mais importante, gastar muito pouco . Existem sites que colocaram a venda pacotes com quatro diárias de hotel com café da manhã e aéreo por pouco mais de R$ 1 mil. Um achado!

Lagoa Azul é um dos pontos turísticos da Chapada dos Guimarães
Arquivo pessoal
Lagoa Azul é um dos pontos turísticos da Chapada dos Guimarães


Dizem os estudiosos que a Chapada dos Guimarães já foi mar e também habitat dos dinossauros, com base nos fósseis que já foram encontrados no local. Mas se você gosta de aventuras, belas paisagens com rios, cachoeiras, cavernas e a hospitalidade do povo mato-grossense, este será um passeio inesquecível, no qual você terá contato direto com a natureza. Prepare-se para voltar energizado para suas atividades.

O que fazer na Chapada dos Guimarães?


Festival de Inverno
Nos próximos dias acontecerá o Festival de Inverno, que reúne milhares de pessoas para assistirem a shows de Luan Santanna, César e Paulinho, Fagner e Jota Quest. Veja a programação:

30/07 (Sábado) – Kleber Lucas
05/08 (Sexta) – Luan Santana
06/08 (Sábado) – César e Paulinho
12/08 (Sexta) – Jota Quest
13/08 (Sábado) - Fagner 

Cachoeira Véu de Noiva
É linda, um verdadeiro cartão postal do Estado do Mato Grosso. Fica dentro do Parque Nacional, em um trecho do Rio Coxipó . Ela desce por um paredão de arenito e forma um enorme poço, onde você poderá observar a linda queda d`água e o voo de araras coloridas. 

Cachoeira Véu d Noiva, na Chapada dos Guimarães
Arquivo pessoal
Cachoeira Véu d Noiva, na Chapada dos Guimarães


Cavernas do Francês

As cavernas ficam dentro da Fazenda Água Fria, e por lá você vai conhecer a maior gruta de arenito do Brasil, com mais de 1500 m de extensão.  Após 30 minutos de caminhada, você poderá vislumbrar a Gruta da Lagoa Azul e suas águas extremamente cristalinas. Finalize o dia indo até a caverna Kyogo Brado e tome um banho incrível de cachoeira para energizar sua vida. Lembrando que, como se trata de propriedade privada, tem de se pagar ingresso, por volta de R$ 35. 

Mirante do Centro Geodésico

Há 8 km do centro da Chapada e 845 metros de atitude, você terá a oportunidade de ver uma das mais belas vistas do Brasil. Em dias de céu claro, conseguirá ver a cidade de Cuiabá, que fica há 30 km de distância em linha reta. O mirante é maravilhoso, com visual deslumbrante para você arrasar com suas selfies nas redes sociais. O local está na lista dos mirantes mais incríveis do Brasil

Vista do Mirante do Centro Geodésico, na Chapada dos Guimarães
Arquivo pessoal
Vista do Mirante do Centro Geodésico, na Chapada dos Guimarães


Feirinha local

Visitar a feirinha local da Chapada dos Guimarães é uma experiência bastante interessante. No local você poderá comprar ervas caseiras, queijos, doces, peixes frescos (como pacu e pintado) que são trazidos dentro de isopor no avião.  

O encanto das Chapadas

Dicas de viagem

Lembre-se que o Mato Grosso é um Estado muito quente . Por isso, ao viajar para a Chapada dos Guimarães leve na mala roupas leves, camisetas, bermudas, uma pequena mochila para levar máquinas fotográficas ou celulares para registrar a beleza local, repelentes (aqueles mosquitinhos pólvora habitam o local), protetores solares e tênis com meias absorventes para longas caminhadas. Lembre-se que você estará em uma região onde existem cobras, escorpiões, aranhas e outros animais peçonhentos, portanto, o ideal é usar tênis de cano alto ou botinas. 

_______________________________________________________________________________________________________

Roberto Rodrigues é colunista do iG Turismo
Arquivo pessoal
Roberto Rodrigues é colunista do iG Turismo

* Roberto Rodrigues é jornalista, empresário, bon vivant, adora viajar, conhecer lugares e pessoas. Apreciador da gastronomia e frequentador dos melhores botecos, pubs, bistrôs do mundo. Completamente apaixonado por Las Vegas, Miami, New York e Europa, ele divide aqui no iG suas experiências e dá dicas de como tirar proveito em viagens, seja no Brasil ou exterior.