Tamanho do texto

O roteiro apresenta dez locais na cidade de Rosário, Argentina, que contam a história de vida do jogador do Barcelona e da seleção

Até os seus 13 anos, o jogador argentino Lionel Messi viveu na cidade de Rosário. Apesar de ter ido morar em Barcelona ainda cedo, marcou fortemente o local onde nasceu. Foi por esse motivo que um departamento de turismo criou um aplicativo, chamado Rosario Turismo, que oferece um roteiro turístico com dez pontos de Rosário que marcaram a vida de Messi.

messi arrow-options
CONMEBOL/DIVULGAÇÃO
Roteiro inspirado em Lionel Messi é um jeito diferente de conhecer Rosário, na Argentina

Leia mais: Lionel Messi superou Van Dijk na Bola de Ouro por apenas sete votos

No "Circuito Leo Messi", o visitante tem acesso às principais localidades que ajudam a conhecer as origens do jogador. Confira:

1. Museu Del Deporte Santafesino 

Museo Del Deporte Santafesino%2C em Rosario arrow-options
Reprodução/Intendencia de Rosario
Museo Del Deporte Santafesino, em Rosario

Esse museu dedicado ao esporte não poderia deixar de homenagear Messi. Na província de Santa Fé, ocupa o terreno do antigo Batallón 121, onde o jogador e seus amigos iam bater bola. Outros jogadores da região também são homenageados, com toda a pegada moderna e interativa do ambiente.

O local é novo - foi inaugurado em setembro, no Parque Héroes de Malvinas - e conta com uma estrutura quadrada e metálica. Os esportes retratados ali variam desde o futebol até o hóquei sobre grama e automobilismo.

O museu fica na Avenida Ayacucho 4.800. Para saber mais informações, acesse o site: museodeldeportesf.gob.ar. 

2. Paseo de los Olímpicos 

Placa com o nome do jogador Lionel Messi. arrow-options
Reprodução/Rosario Turismo
Placa com nome do jogador Lionel Messi no Passeo de los Olímpicos.

O passeio dos Olímpicos ocorre na área da Avenida Pellegrini, onde foram postas placas de aço coladas ao chão, montando uma espécie de "calçada da fama" dos jogadores. A cidade de Rosário conta com 174 esportistas olímpicos na sua história, muitos deles homenageados nesse espaço. A placa com o nome de Messi é a mais popular de todas, sem dúvida.

Outros esportistas homenageados são Luciana Aymar, lenda do hóquei; Alberto Demiddi, importante remador e Luis Brunetto, o primeiro medalhista sulamericano em atletismo.

3. Club Abanderado Grandoli

Desde criança, Messi costumava andar por aí com uma bola embaixo do braço. Algumas pessoas da família do craque já haviam jogado no Club Abanderado Grandoli, inclusive seu irmão, Matías. Um dia, o jogador de futebol premiado 6 vezes como o melhor do mundo resolveu assistir a um jogo do irmão.

Nesse jogo, por falta de alguém que completasse o time, Messi foi chamado. Não apenas fez um gol, como ele foi definitivo para a vitória. O jogador, de apenas 4 anos na época, entraria para a equipe depois disso.

O campinho onde tudo isso aconteceu também faz parte do roteiro e fica na Calle Laferrere 4.801, no bairro Estevan Echevarria.

4. Club El Campito 

 O que hoje é um clube de bairro foi onde o jogador estabeleceu sua relação com a bola. Aqui, ele fez seus primeiros amigos e passava as tardes chutando bola e passeando de bicicleta. Hoje, o lugar é centro de encontros recreativos, artísticos e esportivos.

Também ocorrem torneios no clube.

5. Escuela Nº 66 "Gral. Las Heras"

Parede da antiga escola de Messi. arrow-options
Reprodução/Rosario Turismo
Parede da antiga escola de Messi, no bairro de General Las Heras, em Rosário.


Na escola primária em que Messi estudou, todos lembravam dele como um garoto tímido, que se destacava na educação física e vivia jogando bola. A região do Rio Paraná, onde fica a escola, sempre foi um dos principais pontos turísticos de Rosário. Hoje, acaba ficando aglomerada de turistas, sobretudo depois que o muralista brasileiro Paulo Consentino pintou uma imagem enorme do jogador em uma das paredes.

A escola atrai muitas pessoas justamente por fazê-las imaginar como era o pequeno Messi, correndo pelo pátio e prometendo o sucesso que alcançou hoje.  Ela fica na esquina das ruas Azara e Buenos Aires, no bairro General Las Heras. O local fica perto de onde Lionel morava na época.

Leia mais: 5 cidades da Argentina que valem sua visita

6. Barrio La Bajada

Apesar do jogador hoje viver uma vida muito tranquila em Barcelona, sua história de vida começou de forma muito humilde. O bairro La Bajada é uma região humilde de Rosário e foi o primeiro endereço de Messi. Conta com várias homenagens ao camisa 10, incluindo 34 muros com pinturas e referências a ele. Na época, era conhecido como La Pulga.

Leo nasceu num sobrado, em 1987, na Calle Estado de Israel 500. Dizem que o lugar ainda pertence à família do craque.

7. Central Córdoba 

O jogador chegou a participar de um time pequeno e tradicional da cidade, chamado de Central Córdoba e conhecido como Charrúa. Em um torneio infantil de 1995, o time de camisa azul e vermelha saiu campeão. Alguns vídeos da época mostram Leo jogando, aos 8 anos, e deixam clara a sua contribuição na vitória da equipe.

A sede do clube fica na Calle San Martín 3.250, no bairro La Tablada.

8. Complejo Malvinas Newell's

Muro do centro arrow-options
Reprodução/Rosario Turismo
Muro do centro "Malvinas Argentinas", ilustrando o pequeno Leo com o uniforme do Newell's.

Foi nessa escola de futebol infantil que Messi iniciou de fato sua carreira profissional. A partir do exemplo de seu irmão Rodrigo, que participava da escolinha Newell's Old Boys, o craque se juntou ao grupo no dia 30 de março de 1994, sob a ficha de número 99231, carinhosamente guardada pelo clube.

A Malvinas Newell's Old Boys, junto ao Rosario Central, eram as maiores equipes da cidade. Na escolinha, "La Pulga" integrou a categoria "Máquina del 87", em referência à qualidade dos jogadores nascidos nesse ano. Sua trajetória infantil no clube somou 234 gols em 176 partidas.

9. Coloso del Parque 

O Coloso del Parque é o estádio do Newell's. Além de jogador, Messi era fã do seu time, assim como seus pais e irmãos, que sempre compareciam nas partidas. O craque costumava visitar ou assistir partidas no Coloso, integrando a torcida de "leprosos", como eram conhecidos os torcedores do Newell's.

O estádio é oficialmente chamado de "Marcelo Bielsa", famoso treinador, e fica no Parque Independência. Jogador do time desde os 12 anos, uma das decisões que fez Leo mudar-se para Barcelona foi o fato de que nenhum time da Argentina se dispunha a arcar com suas despesas.

10. City Center Rosario


Casamento do jogador Lionel Messi com Antonella Roccuzzo. arrow-options
Reprodução/Reuters
Casamento do jogador Lionel Messi com Antonella Roccuzzo.

Em 2017, Messi oficializou seu casamento com Antonella Roccuzzo, sua namorada de infância. O romance começou quando aos 9 anos, Lucas Scaglia, amigo de Messi, o convidou para ir até o Rio Paraná. Lucas estava acompanhado de Antonella, que é sua prima, e apresentou-a ao craque.

Leia mais: Jogador morre em acidente a caminho do treino de time que vai à Libertadores

A festa de casamento dos dois ocorreu no City Center Rosario, uma celebração inesquecível e repleta de estrelas do futebol, como Neymar, Gerard Piqué e Luis Suárez. A cerimônia contou com bastante elegância e para isso, contribuiu enormemente a tradição do City Tour Rosario. O hotel hoje faz parte do grupo Accor e é também um grande centro de entretenimento. 

Funciona como casa de show, teatro, bar, entre outras disposições. 




    Leia tudo sobre: aplicativo