Tamanho do texto

Entre vulcões inativos e outros que continuam em plena atividade, esses lugares despertam a curiosidade do ser humano ao redor do mundo

Montanhas que se formam nas junções de placas tectônicas, os vulcões sempre atiçaram a curiosidade humana ao redor do mundo . Desde povos antigos e tribos indígenas até a atualidade, eles são uma parte intrigante na paisagem e podem ser uma boa opção de ponto turístico para incluir em seu roteiro de viagem .

Leia também: Veja destinos de serra e montanha para curtir o friozinho o ano todo

Seja o Monte Fuji (Japão), o Krakatoa (Indonésia), o Cotopaxi (Equador) ou o Bromo (Indonésia), os diversos vulcões ao redor do mundo encantam os visitantes e garantem uma fotografia incrível para ilustrar a viagem de turismo ao local
shutterstock
Seja o Monte Fuji (Japão), o Krakatoa (Indonésia), o Cotopaxi (Equador) ou o Bromo (Indonésia), os diversos vulcões ao redor do mundo encantam os visitantes e garantem uma fotografia incrível para ilustrar a viagem de turismo ao local


Entre vulcões inativos e outros que continuam em plena atividade, esses locais são imperdíveis para quem quer visitar lugares diferentes e também conhecer paisagens fora do comum. Obras da natureza, eles prometem uma fotografia perfeita para marcar a viagem.

Confira 15 vulcões para incluir no seu roteiro de viagem

Entre vulcões inativos e outros que continuam em plena atividade, esses lugares despertam a curiosidade do ser humano
shutterstock
Entre vulcões inativos e outros que continuam em plena atividade, esses lugares despertam a curiosidade do ser humano


Com muitos vulcões em destinos como Nova Zelândia, Estados Unidos e Indonésia, quase sempre com um passeio turístico específico para chegar perto da cratera, esses lugares são uma boa opção para encaixar no roteiro e fugir do comum, visitando um espetáculo inigualável da natureza. Confira a lista completa: 

1. Tongariro, Nova Zelândia

O primeiro na lista de vulcões é o Tongariro, localizado na Nova Zelândia e conhecido pelo esqui nas suas encostas
shutterstock
O primeiro na lista de vulcões é o Tongariro, localizado na Nova Zelândia e conhecido pelo esqui nas suas encostas

Localizado na Ilha Norte, o vulcão Tongariro está localizado no parque de mesmo nome, junto dos vulcões Ngauruhoe e Ruapehu. De acordo com o site “New Zealand”, todos eles são ativos, mas não impede que as pessoas esquiem por suas encostas e escalem as crateras. Lá também estão localizados lagos da cor da esmeralda, prados alpinos e fontes termais.

2. Krakatoa, Indonésia

O Krakatoa é um dos vulcões mais ativos do país e, em condições calmas, pode ser uma boa opção de passeio de barco
shutterstock
O Krakatoa é um dos vulcões mais ativos do país e, em condições calmas, pode ser uma boa opção de passeio de barco


O Krakatoa é um dos vulcões mais ativos do país e ficou conhecido pela erupção que matou mais de 37 mil pessoas em 1883. Um passeio de barco pode ser uma boa opção para sair da cidade e ver uma paisagem com águas marítimas. Segundo o site “Indonesia Tourism”, os barcos saem das praias de Anyer e de Carita, e a viagem demora aproximadamente três horas e meia.

3. Cotopaxi, Equador

Cotopaxi é outro item na lista de vulcões ao redor do mundo que contam com gelo no seu topo, à altura de 5 mil metros
shutterstock
Cotopaxi é outro item na lista de vulcões ao redor do mundo que contam com gelo no seu topo, à altura de 5 mil metros

Indicado pelo site “Ecuador Travel” para uma trilha em família, o vulcão Cotopaxi está localizado no parque de mesmo nome, a 75 km ao sul de Quito, e é o segundo maior vulcão ativo do mundo, com 5.897 metros de altura. A trilha é uma chance de fazer um passeio ao ar livre e chegar perto de um vulcão ativo.

4. Bromo, Indonésia

Localizado perto da capital Surabaya, Bromo é um dos vulcões mais baixos da Indonésia, mas compõe uma bela paisagem
shutterstock
Localizado perto da capital Surabaya, Bromo é um dos vulcões mais baixos da Indonésia, mas compõe uma bela paisagem

Localizado a quatro horas de carro de Surabaya, capital da província de Java Oriental, o Monte Bromo é um vulcão inativo. Com 2.392 metros de altura, ele pode ser menor do que os outros vulcões na Indonésia, mas compõe uma bela paisagem com a natureza.

5. Rotorua, Nova Zelândia

O vulcão de Rotorua é um dos vulcões da Nova Zelândia que conta com um espetáculo natural no complexo natural
shutterstock
O vulcão de Rotorua é um dos vulcões da Nova Zelândia que conta com um espetáculo natural no complexo natural

O vulcão Rotorua está localizado em uma cidade de mesmo nome, na Ilha Norte da Nova Zelândia. A cratera ainda ativa do complexo vulcânico na Ilha Norte é coberta por água, formando um espetáculo natural. Segundo o site “Rotorua New Zealand”, existem diversas atrações locais para os aventureiros, como trilhas para explorar a pé ou de bicicleta.

6. Vesúvio, Itália

O Vesúvio é um dos vulcões mais famosos do mundo, ficou conhecido pela erupção que destruiu Pompeia e Herculano
shutterstock
O Vesúvio é um dos vulcões mais famosos do mundo, ficou conhecido pela erupção que destruiu Pompeia e Herculano

O Vesúvio é um vulcão inativo, provavelmente um dos mais conhecidos do mundo, após ficar famoso pelas erupções que destruíram as cidades de Pompeia e Herculano. Está localizado próximo a Nápoles, e o visitante pode chegar à cratera por meio de um ônibus privado, de transporte público e até escalando, para quem está disposto à aventura.

7. Kilauea, Estados Unidos

Um dos vulcões norte-americanos é o Kilauea, considerado um dos mais ativos de todo o mundo e localizado no Havaí
shutterstock
Um dos vulcões norte-americanos é o Kilauea, considerado um dos mais ativos de todo o mundo e localizado no Havaí

Localizado na Ilha Havaí, no Havaí, o vulcão Kilauea é considerado um dos vulcões mais ativos do mundo, com erupções de lava espumante e vapor. Em condições seguras, o turista pode visitar o local dirigindo pela borda do vulcão, com direito a vistas panorâmicas indescritíveis.

Leia também: Confira 5 destinos nacionais em que o principal atrativo é a natureza

8. Monte Fuji, Japão

O Monte Fuji é um dos vulcões mais conhecidos do mundo, por compor paisagem encantadora com cerejeiras no Japão
shutterstock
O Monte Fuji é um dos vulcões mais conhecidos do mundo, por compor paisagem encantadora com cerejeiras no Japão


O Monte Fuji é um dos símbolos do Japão e faz parte da lista de vulcões famosos pelo mundo. Com a altura de 3.776 metros, ele ainda está ativo e está localizado próximo a Honshu, a oeste de Tóquio. Segundo o site “Japan Guide”, o Fuji é considerado um elemento sagrado há anos e pode ser visto de Yokohama em dias limpos e visitado de trem, em uma viagem de Tóquio a Osaka.

9. Monte Santa Helena, Estados Unidos

O Monte Santa Helena fica a 160 km de Seattle e a 2.550 metros de altura, um dos vulcões que fica nos Estados Unidos
shutterstock
O Monte Santa Helena fica a 160 km de Seattle e a 2.550 metros de altura, um dos vulcões que fica nos Estados Unidos

A 160 km de Seattle, o vulcão ativo de Santa Helena, com 2.550 metros de altura, representa está localizado no estado de Washington. De acordo com o site “Mt St Helens”, o local recebe 500 mil visitantes por ano. O indicado é chegar de carro e preparar a câmera fotográfica. O parque onde está localizado também conta com um centro de exposições e exibições de filmes.

10. Kilimanjaro, Tanzânia

O Kilimanjaro também entra na lista de vulcões famosos por causa da discussão sobre aquecimento global e o degelo
shutterstock
O Kilimanjaro também entra na lista de vulcões famosos por causa da discussão sobre aquecimento global e o degelo

Conhecido por ser um dos indicadores do aquecimento global, o topo do Kilimanjaro passa pelo processo de degelo. À altura de 5.891 metros, o monte, formado por três vulcões inativos, é o pico mais alto da África e uma das maiores montanhas do mundo. Segundo o site “Tanzania Tourism”, a escalada ao Kilimanjaro é uma das melhores experiências para conhecer a paisagem local.

11. Masaya, Nicarágua

Masaya é um dos vulcões que segue em plena atividade, fica na Nicarágua e é uma das atrações mais populares no país
shutterstock
Masaya é um dos vulcões que segue em plena atividade, fica na Nicarágua e é uma das atrações mais populares no país

O vulcão Masaya fica 20 km ao sul de Manágua e segue em plena atividade. De acordo com o site “ViaNica”, o parque nacional onde ele está localizado é uma das atrações turísticas mais populares na região do país. Lá, você pode chegar perto de uma das crateras mais ativas do mundo e ainda ver, durante a noite, um espetáculo único chamado de “lago de lava”.

12. Osorno, Chile

Osorno, no Chile, é outro item na lista de vulcões e fica na região de Los Lagos, no Chile, à altura de cerca de 2 mil metros
shutterstock
Osorno, no Chile, é outro item na lista de vulcões e fica na região de Los Lagos, no Chile, à altura de cerca de 2 mil metros

O vulcão Osorno é ativo e fica na região de Los Lagos. Com 2.652 mil metros de altura, ele é considerado o ponto de início do deserto da Patagônia no Chile. O site “Go Chile” afirma que o lugar é considerado umas das atrações locais mais excepcionais. Lá, é possível praticar diversos esportes, como caminhada e escalada nas estradas vulcânicas.

13. Mauna Kea, Estados Unidos

Mauna Kea é a montanha mais alta do mundo se medida da base ao topo, merece lugar na lista de vulcões pelo mundo
shutterstock
Mauna Kea é a montanha mais alta do mundo se medida da base ao topo, merece lugar na lista de vulcões pelo mundo

Montanha mais alta do mundo se medida da base ao topo, o vulcão havaiano Mauna Kea é indicado principalmente para a observação de estrelas. De acordo com o site “Ifa Hawaii”, é preciso ter cuidado ao chegar ao local por causa das condições atmosféricas, que, a cerca de 4.260 metros de altura, apresentam 40% menos oxigênio do que no nível do mar, não sendo indic

14. Arenal, Costa Rica

O vulcão Arenal é um dos vulcões na Costa Rica e é uma atração turística indicada para quem curte ficar na natureza
shutterstock
O vulcão Arenal é um dos vulcões na Costa Rica e é uma atração turística indicada para quem curte ficar na natureza

Até 2010, o vulcão Arenal, de 1.670 metros de altura, emitia cinzas e lava constantemente. Segundo o site “Arenal Tour”, o vulcão, em meio a florestas tropicais e cachoeiras, é um dos pontos turísticos mais visitados no local. É possível fazer trilhas pelas florestas, a pé ou de bicicleta, e também andar de cavalo, além de outras excursões a cavernas subterrâneas.

Leia também: Veja 5 Eco Resorts para quem quer conforto e contato com a natureza

15. Poás, Costa Rica

Poás é outro dos vulcões na Costa Rica e fica localizado na província de Alajuela, a cerca de dois mil metros de altura
shutterstock
Poás é outro dos vulcões na Costa Rica e fica localizado na província de Alajuela, a cerca de dois mil metros de altura


Poás é outro na lista de vulcões ativos e tem 2.708 mil metros de altura localizado na província de Alajuela, na Costa Rica. Sua cratera principal está coberta por água extremamente ácida, cujo ph varia com a atividade vulcânica. Mas não espere nada além da fumaça e do vapor. Segundo o site “Vacations Costa Rica”, a última erupção aconteceu em 1910.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.