Tamanho do texto

A "cidade da música" tem passeios, eventos e pontos turísticos interessantes, com programação completa, e vem atraindo brasileiros nos últimos anos

Nos últimos anos, a Colômbia viu o turismo crescer no país, principalmente devido à alta do dólar, tornando-se um dos destinos preferidos dos brasileiros. Isso é o que diz a Hostelworld, plataforma de reservas online de hostels, que analisou as principais reservas feitas em 2017 e elaborou uma lista de lugares turísticos mais promissores de 2018. Com a capital, Bogotá, o país conseguiu entrar na lista e ser uma das 15 tendências do ano.

Leia também: "Narcos" na vida real: roteiro em Medellín refaz passos de Pablo Escobar

Bogotá é uma cidade adorável e oferece uma programação completa para a família, com parques, museus e passeios
Getty Images
Bogotá é uma cidade adorável e oferece uma programação completa para a família, com parques, museus e passeios


Diante do cenário do país, que tem organizações perigosas e narcotráfico, muitos turistas ainda se sentem inseguros sobre viajar para o país. Afinal, é seguro viajar para a Colômbia? Algumas cidades, como Bogotá e Medellín, já são mais seguras e próprias para receber visitantes. Mesmo assim, vale continuar atento para a violência urbana, que é, na verdade, um aspecto negativo de boa parte das cidades da América Latina.

Portanto, Bogotá, que já foi nomeada pela UNESCO como “Cidade da Música”, pode ser o destino certo para você finalmente poder entrar em contato com a cultura dos nossos vizinhos colombianos. Para elaborar um roteiro sem erros, conheça os principais pontos e as atividades que são essenciais em uma visita na cidade, segundo o próprio site de turismo da Colômbia.

Leia também: 18 destinos que os viajantes amam e são promissores para o turismo

Passeios e eventos

O Parque Simón Bolívar é uma ampla área verde, ótima para passeios ao ar livre e também para receber grandes eventos
shutterstock
O Parque Simón Bolívar é uma ampla área verde, ótima para passeios ao ar livre e também para receber grandes eventos


Para começar a lista de eventos essenciais na cidade da música, só poderia ser um grande festival de música. O Festival "Rock al Parque", realizado no início do segundo semestre do ano, reúne cerca de 300 mil fãs de bandas de rock em um final de semana no Parque Simón Bolívar, desde sua criação em 1995. Em 2018, a banda brasileira Liniker e os Caramelows estarão presentes na programação.

Ainda no mês de agosto, também é comemorado o Carnaval de Bogotá, no qual são realizadas uma série de atividades nas ruas e praças do centro e também no Parque Simón Bolívar. Durante a celebração, os turistas podem conhecer a riqueza da cultura colombiana, assistindo atuações de cerca de dois mil artistas que fazem apresentações de salsa, cumbia, pasillo, currulao e outros ritmos populares do país.

Além do Parque Simón Bolívar, há outros parques adoráveis que você pode conhecer e quem sabe até estender a canga para fazer um piquenique. Um deles, o pulmão ao sul da capital, é o Parque Metropolitano Timiza, com espaços para toda a família. O local também possui uma pista de patinação artística, pista de atletismo, campo de futebol e parque infantil.

O Parque da Independência é um verdadeiro mergulho na natureza, com árvores de eucalipto e cantarolar de pássaros
shutterstock
O Parque da Independência é um verdadeiro mergulho na natureza, com árvores de eucalipto e cantarolar de pássaros


Outro parque localizado na cidade é o Parque da Independência, construído em 1910. Com bosques de eucalipto e uma grande quantidade de pássaros, o parque é encantador e tem um clima muito agradável. Lá, é possível fazer caminhadas e contemplar o Pavilhão da Luz, uma peça com estilo neoclássico com a marca do arquiteto italiano Pietro Cantini.

Leia também: 8 lugares perfeitos para se fazer um piquenique em São Paulo

Se o objetivo é fazer uma caminhada caminhada desfrutando de uma uma paisagem mais urbana, o centro financeiro da capital reserva um bom passeio. O local é marcado pelo ponto em que se cruza a rua 72 (conhecida ironicamente como avenida Chile), com a avenida sétima. A região é cheia de escritórios e centros empresariais, além da Bolsa de Valores da Colômbia, restaurantes, hotéis e shopping centers nas proximidades.

Pontos turísticos

La Candelaria é um bairro no estilo antigo, cheio de cores e vida, que apresenta um contraste com os edifícios modernos
shutterstock
La Candelaria é um bairro no estilo antigo, cheio de cores e vida, que apresenta um contraste com os edifícios modernos


Bogotá é uma cidade cheia de cultura e também história, ao apresentar um contraste entre o passado colonial e o século 21. Lá, é possível ter essa percepção em um passeio pelo bairro La Candelaria, no centro histórico, enquanto o centro comercial tem uma arquitetura mais moderna.

Para ter um contato ainda maior com os hábitos dos colombianos, uma boa ideia é visitar o mercado de Paloquemao, na zona oeste da capital, um lugar tradicional. Lá, é possível encontrar uma grande variedade de hortaliças, frutas e outros produtos frescos do campo. O lugar é um armazém abandonado de uma ferrovia antiga e, desde 1972, atrai colombianos e estrangeiros.

Para quem busca artesanato, vendido em um vilarejo agradável e caricato, o Usaquénainda ainda conserva o ar da cidade pequena e tranquila que costumava ser antes de ser absorvida por Bogotá e se tornar um bairro da cidade em 1954. Lá, é possível encontrar trabalhos manuais, vendidos nas ruas estreitas de casas coloridas, além restaurantes e bares elegantes, com comida típica. No lado leste da praça principal, encontra-se a igreja de Santa Bárbara de Usaquén, com ornamentos clássicos.

Entre tantos museus, o Museu do Ouro, em Bogotá, se destaca com sua coleção de itens deslumbrantes feitos de ouro
Reprodução/Instagram/queensgp
Entre tantos museus, o Museu do Ouro, em Bogotá, se destaca com sua coleção de itens deslumbrantes feitos de ouro


Se tratando de museus, o Museu do Ouro do Banco da República é um dos mais deslumbrantes. Os visitantes entram em um quarto escuro, que subitamente se ilumina para exibir centenas de adornos de ouro. Lá, é possível observar aproximadamente 34 mil peças de metais preciosos e 20 mil objetos de pedra e cerâmica de diversas culturas pré-hispânicas. Outros museus interessantes são o Museu Botero, a Casa da Moeda, o Museu Nacional da Colômbia, o Planetário e o Museu de Arte Moderna.

Para encerrar a tour pelos pontos turísticos essenciais de  Bogotá , a Mina de Sal Nemocón, a uma hora ao norte da cidade, oferece uma experiência única. No lugar, a 80 metros debaixo da terra, os turistas percorrem quase dois quilômetros de túneis dos quais foram extraídos aproximadamente oito milhões de toneladas de sal. O que mais chama a atenção são os 28 espelhos de salmoura, onde eram dissolvidas as pedras de sal, que produzem um efeito óptico impressionante.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.