É muito comum ouvirmos falar em Campos do Jordão quando procuramos algum lugar aconchegante na Serra da Mantiqueira , ideal para passar uns dias de inverno ou fugir do calor da capital paulista. Essa cidade é famosa por receber turistas na estação mais fria do ano e por ser muito badalada. Nós já fomos pra Campos do Jordão algumas vezes, mas dessa vez resolvemos visitar uma cidade vizinha, que não deixa nada a desejar em termos de conforto e receptividade para os turistas. Estamos falando de Santo Antônio do Pinhal, pequena cidade ao lado de Campos, cerca de 20 minutos, e aproximadamente 180km de São Paulo.             

 Leia também: Paraty mistura cultura, história e belezas naturais no litoral do Rio de Janeiro

undefined
Arquivo pessoal
Vista aérea da cidade de Santo Antônio do Pinhal


Lugar aconchegante

A cidade de Santo Antônio do Pinhal é simplesmente e também muito visitada no inverno, época do ano onde as temperaturas podem chegar a 2º, perfeito para que procura aquele friozinho para curtir bons restaurantes e uma boa lareira acesa. No verão a temperatura aumenta bastante, cerca de 32º, mas a cidade também oferece atividades para essa época mais quente. 

Santo Antônio do Pinhal é uma cidade ótima para fazer turismo. Existem alguns pontos para serem visitados como o Mirante do Cruzeiro; a Praça do Artesão (Praça São Benedito), que é uma homenagem ao centenário da imigração japonesa; a cachoeira do Lajeado; a Igreja Matriz e outros locais mais afastados da cidade que nos colocam em contato com a natureza de forma única, como o Pico Agudo, por exemplo. No centro, a casa dos artesãos deixa o cenário da cidade ainda mais encantador.

undefined
Arquivo pessoal
Mirante do Cruzeiro em Santo Antônio do Pinhal


Muito verde

Como falamos antes, a natureza faz parte do encanto de Santo Antônio do Pinhal, e fazer um passeio em contato com essas belezas naturais toda nos chamou muito a atenção. A cidade está no meio da Serra da Mantiqueira e para todos os lados que passeamos nos deparamos com muito verde. O caminho de carro entre os bairros parece cenário de filme. São estradas simples abraçadas pelas árvores.

undefined
Arquivo pessoal
Estrada a caminho da cidade de Santo Antônio do Pinhal


undefined
Arquivo pessoal
Gisella admirando o verde de Santo Antônio do Pinhal

Fomos conhecer o Pico Agudo, que está localizado bem no alto da cidade. O acesso é feito de carro e precisa ter um pouco de paciência, pois passamos por trechos de estrada de terra. Mas a vista que se tem do pico compensa qualquer esforço para chegar lá. É um dos pontos mais altos da região e oferece uma vista de todo o Vale do Paraíba, uma das paisagens mais incríveis que se pode apreciar. É do Pico Agudo que é praticado voo livre, então que é fã do esporte esse é um lugar perfeito! Ficamos admirados com tanta beleza que vimos lá do alto. A paisagem que vimos foi se transformando pela neblina que se aproximava.

undefined
Arquivo pessoal
Gisella e Fernando no Pico Agudo em Santo Antônio do Pinhal

Gastronomia

Como sempre, gostamos de experimentar os pratos típicos da região. Em Santo Antônio do Pinhal nos deparamos com a gastronomia que é caprichosamente montada com produtos de produtores locais. Os restaurantes e cafés servem nas mesas tudo o que é plantado na região. 

Leia também: 5 atrações para incluir em seu roteiro de viagem para Florianópolis

Tomamos café num lugar chamado Empório dos Mellos. A ideia do café da manhã aqui é o contato com a natureza. O empório está localizado em uma estrada onde só existem sítios e pequenas residências e muito verde, então podemos desfrutar do café da manhã com a vista para as árvores e para a horta que está ali para servir o cardápio do lugar. O mamão, o mel e a granola são produzidos por eles mesmos e o ovo do nosso omelete são das galinhas do próprio quintal. O café da manhã é uma escolha do chef, portanto, basta escolher uma mesa e esperar para ser servido.

undefined
Claudio Paulino
Gisella e Fernando tomando café da manhã em Santo Antônio do Pinhal
undefined
Claudio Paulino
Nosso café da manhã em Santo Antônio do Pinhal


Para continuar o nosso passeio gastronômico pela cidade, fomos conhecer o restaurante Donna Pinha, comandado pela Chef Anouk. O restaurante tem um ambiente simples e muito aconchegante, rodeado pela natureza. O Donna Pinha valoriza muito os produtores locais e incorpora em todo seu cardápio os produtos locais de cada época. Essa combinação dos produtos de cada época com a criatividade da chef Anouk resultou na criação de 6 festivais no restaurante para atender os turistas durante o ano todo.

undefined
Claudio Paulino
Festival de Alcachofra no Restaurante Donna Pinha


Nós experimentamos o Festival de Alcachofra. Nesse festival, essa planta se transforma em diversas opções de prato, um mais interessante e delicioso que o outro. Experimentamos algumas delas e a que mais nos chamou a atenção foi a alcachofra com queijo gorgonzola, uma combinação que nunca tínhamos imaginado, mas que deu muito certo. 

Nosso final de semana em Santo Antônio do Pinhal foi delicioso. Nos encantamos com cada cantinho da cidade e com tudo o que vimos. Uma cidade aconchegante e pronta para receber quem quiser passar um final de semana ou mesmo, para quem é de São Paulo ou cidades próximas, passar uma bela tarde aproveitando o que a cidade tem a oferecer e experimentando os seus bons restaurantes. Para saber mais dicas de viagem e destinos, acompanha a nossa coluna Sonho e Destino aqui no iG Turismo

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários