Tamanho do texto

Nas redes sociais, a cantora contou que ficou até sem papel higiênico saiba o que você pode fazer para fugir de perrengues durante a sua viagem de avião

A cantora Anitta contou nesta quarta (18) em seu Instagram uma série de problemas que passou num voo internacional. Foram mais de 15 horas de espera, troca repentina de voo executivo para econômico e até mesmo falta de papel higiênico e comida! 

Leia mais:8 praias tranquilas no litoral Norte de São Paulo para relaxar

anitta arrow-options
Reprodução/Instagram/@anitta
No Instagram, Anitta contou o sufoco que passou durante um voo internacional

Veja o que você pode fazer para evitar perrengues como o da cantora:

1. Verifique se a sua agência de viagens funciona de acordo com a lei

A quantidade de agências de turismo aumentou muito, assim como o número de pessoas viajando de avião. Por isso, às vezes pode ser difícil saber se a agência na qual você pretende viajar é confiável ou não. A dica é checar se ela está registrada no site do Ministério do Turismo e dar uma olhada no que as pessoas comentam sobre ela.

2. Não esqueça nenhum documento

Passaporte, RG, autorizações para menores de idade saindo do país... É importante se informar sobre toda a documentação necessária antes da viagem. Mães e pais separados ou viúvos precisam de autorização da mãe/do pai ou atestado de óbito para os filhos saírem do país. Ah, já tirou o visto? Para viagens internacionais, muitas vezes é necessário, então lembre de conferir se vai precisar dele ou não.

3. Veja se vai precisar de mais bagagem

Para viagens de avião, cada passageiro tem direito a uma bagagem de mão de até 5 quilos (em voos nacionais). Se você precisa de mais espaço, pode comprar a mais com a companhia aérea, mas cuidado para comprar um tipo de bagagem e levar mais do que o permitido. Pode ser que alguma coisa fique no aeroporto! Lembre que também não são permitidos objetos cortantes ou produtos inflamáveis. 

Leia mais: Réveillon no Rio: ainda dá tempo de se programar

4. Chegue com antecedência

É claro que na pressa, tudo tende a ficar mais complicado. Conferiu tudo? Não está esquecendo de nada? Essas são perguntas difíceis de responder quando estamos "correndo" para chegar ao aeroporto e com medo de perder o voo. Por isso, lembre-se: em viagens nacionais, deve-se chegar com no mínimo duas horas de antecedência; já para as internacionais, o ideal é chegar três horas antes do horário previsto. 

Situações como bagagem em excesso e falta de documentos podem ser identificadas com antecedência nesses casos, o que aumenta a chance de resolver o problema.

5. Fique de olho nas conexões e escalas

Parece óbvio, mas depois de 5, 10 ou até 15 horas esperando uma conexão, muitas vezes as pessoas acabam perdendo o avião. O mesmo acontece quando o intervalo é curto demais. Por isso, a primeira dica é evitar ao máximo pegar voos com conexão. Mas se não for possível, fique atento aos horários e locais de embarque, sobretudo quando vai haver troca de aeronave.

Leia mais: Passagem aérea mais cara do mundo inclui sala, quarto e banheiro - com chuveiro

Não esqueça de levar coisas para se distrair no caso de muito tempo de espera: livros, fones de ouvido, celular carregado (e carregador de fácil acesso), além de lanchinhos ou dinheiro para comer algo no aeroporto.