Tamanho do texto

Ao se manifestar no TripAdvisor, o turista que gastou 836 euros motivou outros usuários a relatarem suas experiências em restaurantes muito caros

Durante uma viagem à ilha de Mykonos na Grécia, no dia 18 deste mês, um turista norte-americano foi cobrado em 591 euros (cerca de R$ 2668) por um prato que conta com seis pedaços de lula. A conta inteira da refeição no restaurante DK Oyster chegou a 836 euros (cerca de R$ 3770).

Pessoa gastando muito dinheiro
shutterstock
Turista se revolta com preço de refeição em restaurante na Grécia: 830 euros

Leia também: 8 motivos para você conhecer a Grécia

Depois de ter um susto ao ver a conta, o turista utilizou o TripAdvisor (um site onde vários turistas podem fazer relatos de suas viagens, recomendar hotéis, restaurantes, etc) para publicar um feedback em torno do restaurante e manifestar sua revolta.

O viajante compartilhou uma foto da conta do restaurante: três saladas Caesar, seis cervejas locais, duas garrafas de água e um suco de tomate, além da porção com os pedaços de lula. 

Nota fiscal
Reprodução/Trip Advisor
Turista postou a foto da nota fiscal no TripAdvisor e reclamou dos preços

Durante a sua crítica ao restaurante da Grécia , o viajante escreveu: "Este lugar é um roubo, vejam a foto que eu postei. Eles nos cobraram 830 euros por lula, 6 cervejas e 3 saladas. A equipe não é honesta e se recusou a fornecer um menu com os preços. Evitem esse lugar a todo custo".

Leia também: 5 ilhas gregas surpreendentes que merecem ser exploradas por turistas

Vários outros turistas também passaram pela mesma situação

Recibo com preços do restaurante
Reprodução/TripAdvisor
Outros turistas também reclamaram dos preços do restaurante grego

As queixas do viajante norte-americano levaram uma série de outros clientes a compartilharem no TripAdvisor suas contas depois de visitar o restaurante.  Um cliente postou um recibo que mostrou duas taças de vinho por 136 euros (R$ 613), enquanto outro cliente do DK Oyster pagou 25 euros (R$ 112) por um café.

Leia também: TripAdvisor anuncia novo filtro para combater casos de assédio contra viajantes

Sendo assim, além do turista norte-americano, vários outros se revoltaram com os preços do restaurante. Segundo o portal de notícias In-Cyprus , a equipe do DK Oyster defendeu que os preços dos pratos constam no cardápio entregue aos clientes antes que os pedidos sejam feitos. O estabelecimento grego conta com 4 estrelas no site.