Tamanho do texto

O passageiro pode usar o espaço de quatro lugares, e a empresa ainda oferece colchão, lençol, cobertor e um descanso de cabeça para a pessoa

A classe econômica de um avião costuma ser apertada, e muitos viajantes têm dificuldade de se acomodar e relaxar na viagem. Sabendo disso, a companhia aérea Thomas Cook Airlines está lançando uma novidade para os passageiros: os “assentos-cama”. Essa é uma boa opção para quem vai viajar por uma longa distância e quer ter mais conforto.

Leia também: 5 segredos que os pilotos de avião não contam aos passageiros de jeito nenhum

A novidade da companhia Thomas Cook Airlines é o
Divulgação/Thomas Cook Airlines
A novidade da companhia Thomas Cook Airlines é o "assento cama" na classe econômica do avião


Segundo informações do portal britânico “Daily Star”, a companhia aérea lançou esses novos assentos na classe econômica nas aeronaves Airbus A330, que são os aviões usados em viagens mais longas. A ideia é permitir que os clientes se deitem em um espaço de três a quatro assentos.

Leia também: Usar celular no avião pode até causar um incêndio; entenda os motivos

Para transformar o local em uma cama de cerca de 1,48 m, basta o passageiro levantar os encostos que dividem os bancos do avião . A companhia aérea ainda oferece colchão, lençol, cobertor e um descanso de cabeça para tornar o espaço mais confortável para o viajante conseguir dormir.

Quanto custa esse assento na classe econômica? 

A companhia aérea quer deixar a classe econômica mais confortável e oferece até colchão, lençol e  cobertor
Divulgação/Thomas Cook Airlines
A companhia aérea quer deixar a classe econômica mais confortável e oferece até colchão, lençol e cobertor

O grande problema é que mesmo ficando na classe econômica, ter esse conforto custa caro. Os clientes que quiserem essa “ cama ” no avião devem fazer a reserva com antecedência e pagar uma taxa no valor de 199 libras (em torno de R$ 1 mil), sendo que um assento comum costuma custar de 25 a 35 libras (em torno de R$ 126 a R$ 176).

Outra desvantagem é que só tem quatro desses assentos por voo e, como são poucos, é provável que o passageiro precise fazer a reserva com muita antecedência.

Henry Sunley, diretor comercial da Thomas Cook Airlines, fala que a empresa está sempre buscando trazer mais conformo para seus passageiros. “Nós sempre procuramos maneiras de inovar para nossos clientes e o assento para dormir é o primeiro do Reino Unido e estamos muito orgulhosos disso”, comenta.

Leia também: Saiba o que incomoda brasileiros  avião e como tornar o voo tranquilo

“É uma maneira fantástica de transformar sua experiência de voo para desfrutar de algum conforto extra ao voar na classe econômica . Também é algo flexível, pois mais de uma pessoa pode usar o assento para dormir, ou seja, você pode revezar com outras pessoas do seu grupo durante o voo, isso se você quiser compartilhar”, acrescenta Henry.