Tamanho do texto

A lista traz os destinos internacionais e também nacionais que possuem o melhor custo-benefício com base no valor médio das hospedagens locais

Se no ano passado você não viajou por falta de grana, em 2018 isso pode mudar. O ano está só começado, então ainda dá tempo de planejar aquela viagem dos sonhos. Para facilitar a sua vida, que tal conferir um calendário de preços para este ano? Essa é uma forma de ajudar o viajante a escolher os lugares turísticos mais em conta de acordo com o mês.

Leia também: Como economizar nos 10 destinos mais desejados pelos turistas

Calendário com os lugares turísticos com melhor custo-benefício de cada mês ajuda a escolher o destino ideal
shutterstock
Calendário com os lugares turísticos com melhor custo-benefício de cada mês ajuda a escolher o destino ideal


As recomendações são resultado de um levantamento feito pela plataforma Booking.com, que analisou o preço médio por diária de acomodações de 3, 4 e 5 estrelas nos lugares turísticos que estão na lista dos mais procurados do mundo. Para compreender qual destino oferece melhor custo-benefício em cada mês do ano, foi considerada a flutuação de preços que aconteceu em anos anteriores.

Os dados fazem uma relação entre o mês mais caro do ano com o mais barato. Por exemplo, em Toronto, o mês com melhor custo-benefício é abril, sendo 27% mais acessível que um mês de alta temporada. Vale ressaltar que não foram divulgados os meses mais caros de cada destino, apenas os mais acessíveis. Escolha o mês da sua viagem e veja o destino que mais compensa para a época desejada: 

1. Melhores destinos para viagens em janeiro

San Diego, nos Estados Unidos, é um dos destinos com melhor custo-benefício em janeiro
Divulgação/Booking.com
San Diego, nos Estados Unidos, é um dos destinos com melhor custo-benefício em janeiro


  • Copenhague (Dinamarca)  é cerca de 41% mais acessível em janeiro do que na alta temporada
  • San Diego (EUA)  é cerca de 37% mais acessível em janeiro do que do que na alta temporada
  • Pequim (China)  é cerca de 19% mais acessível em janeiro do que do que na alta temporada

2. Melhores destinos para viagens em fevereiro

Las Vegas, nos Estados Unidos é cheia de agito e atraem visitantes que amam se divertir
Divulgação/ViajaNet
Las Vegas, nos Estados Unidos é cheia de agito e atraem visitantes que amam se divertir


  • Las Vegas (EUA)  é cerca de 43% mais acessível em fevereiro do que na alta temporada
  • Lisboa (Portugal)  é cerca de 42% mais acessível em fevereiro do que na alta temporada
  • Quioto (Japão)  é cerca de 37% mais acessível em fevereiro do que na alta temporada
  • Buenos Aires (Argentina)  é cerca de 16% mais acessível em fevereiro do que na alta temporada

3. Melhores destinos para viagens em março

Singapura é um país da Ásia que está na lista dos lugares mais em conta do mês de março
Divulgação/Booking.com
Singapura é um país da Ásia que está na lista dos lugares mais em conta do mês de março


  • Budapeste (Hungria)  é cerca de 33% mais acessível em março do que na alta temporada
  • Kuta (Indonésia)  é cerca de 33% mais acessível em março do que na alta temporada
  • Montreal (Canadá)  é cerca de 22% mais acessível em março do que na alta temporada
  • Singapura  é cerca de 13% mais acessível em março do que do que na alta temporada

4. Melhores destinos para viagens em abril

Toronto é um dos destinos favoritos dos brasileiros que querem conhecer o país
shutterstock
Toronto é um dos destinos favoritos dos brasileiros que querem conhecer o país


  • Oslo (Noruega)  é cerca de 29% mais acessível em abril do que na alta temporada
  • Toronto (Canadá)  é cerca de 27% mais acessível em abril do que na alta temporada
  • Zurique (Suíça)  é cerca de 15% mais acessível em abril do que na alta temporada
  • J akarta (Indonésia)  é cerca de 9% mais acessível em abril do que na alta temporada

5. Melhores destinos para viagens em maio

Orlando, nos Estados Unidos, é famosos pelos parques de diversões, mas a cidade tem outras atrações
Divulgação/Booking.com
Orlando, nos Estados Unidos, é famosos pelos parques de diversões, mas a cidade tem outras atrações


  • Melbourne (Austrália)  é cerca de 22% mais acessível em maio do que na alta temporada
  • Orlando (EUA)  é cerca de 18% mais acessível em maio do que na alta temporada
  • Moscou (Rússia)  é cerca de 14% mais acessível em maio do que na alta temporada
  • Bangkok (Tailândia)  é cerca de 13% mais acessível em maio do que na alta temporada

6. Melhores destinos para viagens em junho

Hong Kong, no Japão, é um dos destinos mais disputados da Ásia pelos turistas
Arquivo pessoal
Hong Kong, no Japão, é um dos destinos mais disputados da Ásia pelos turistas


  • Miami (EUA)  é cerca de 39% mais acessível em junho do que na alta temporada
  • Hong Kong  é cerca de 29% mais acessível em junho do que na alta temporada
  • Chiang Mai (Tailândia)  é cerca de 26% mais acessível em junho do que na alta temporada
  • Liverpool (Reino Unido)  é cerca de 17% mais acessível em junho do que na alta temporada

Leia também: Viagens curtas, destinos nacionais e turismo corporativo serão destaques em 2018

7. Melhores destinos para viagens em julho

Nova York, nos Estados Unidos, é uma das principais metrópoles do mundo
Divulgação/Booking.com
Nova York, nos Estados Unidos, é uma das principais metrópoles do mundo


  • Abu Dhabi (Emirados Árabes)  é cerca de 46% mais acessível em julho do que na alta temporada
  • Nova York (EUA)  é cerca de 25% mais acessível em julho do que na alta temporada
  • Estocolmo (Suécia)  é cerca de 23% mais acessível em julho do que na alta temporada
  • Seul (Coréia do Sul)  é cerca de 22% mais acessível em julho do que na alta temporada

8. Melhores destinos para viagens em agosto

O Rio de Janeiro está entre os destinos mais populares entre turistas no mundo e representa o Brasil na lista
shutterstock
O Rio de Janeiro está entre os destinos mais populares entre turistas no mundo e representa o Brasil na lista


  • Nova Orleans (EUA)  é cerca de 55% mais acessível em agosto do que na alta temporada
  • Rio de Janeiro (Brasil)  é cerca de 40% mais acessível em agosto do que na alta temporada
  • Bruxelas (Bélgica)  é cerca de 32% mais acessível em agosto do que na alta temporada
  • Mumbai (Índia)  é cerca de 20% mais acessível em agosto do que na alta temporada

9. Melhores destinos para viagens em setembro

Washington é outro destino dos Estados Unidos que é muito visitado pelos turistas
Divulgação/Booking.com
Washington é outro destino dos Estados Unidos que é muito visitado pelos turistas


  • Cidade do México (México)  é cerca de 46% mais acessível em setembro do que na alta temporada
  • Nuremberg (Alemanha)  é cerca de 42% mais acessível em setembro do que na alta temporada
  • Kaohsiung (Taiwan)  é cerca de 33% mais acessível em setembro do que na alta temporada
  • Washington, D.C. (EUA)  é cerca de 26% mais acessível em setembro do que na alta temporada

10. Melhores destinos para viagens em outubro

Auckland, na Nova Zelândia,  é cheia de atrações radicais e encanta por belezas naturais
shutterstock
Auckland, na Nova Zelândia, é cheia de atrações radicais e encanta por belezas naturais


  • Patong Beach (Tailândia)  é cerca de 42% mais acessível em outubro do que na alta temporada
  • Tallinn (Estônia)  é cerca de 30% mais acessível em outubro do que na alta temporada
  • Auckland (Nova Zelândia)  é cerca de 16% mais acessível em outubro do que na alta temporada
  • Los Angeles (EUA)  é cerca de 14% mais acessível em outubro do que na alta temporada

11. Melhores destinos para viagens em novembro

Athenas, na Grécia,  é um local ideal para quem quer reviver a história
Flickr/George Rex
Athenas, na Grécia, é um local ideal para quem quer reviver a história


  • Málaga (Espanha)  é cerca de 35% mais acessível em novembro do que na alta temporada
  • San Francisco (EUA)  é cerca de 31% mais acessível em novembro do que na alta temporada
  • Atenas (Grécia)  é cerca de 31% mais acessível em novembro do que na alta temporada
  • Seminyak (Indonésia)  é cerca de 21% mais acessível em novembro do que na alta temporada

12. Melhores destinos para viagens em dezembro

Quer passeio mais romântico do que uma volta em uma gôndola em Veneza? Você pode fazer isso em dezembro
shutterstock
Quer passeio mais romântico do que uma volta em uma gôndola em Veneza? Você pode fazer isso em dezembro


  • Veneza (Itália)  é cerca de 58% mais acessível em dezembro do que na alta temporada
  • Guangzhou (China)  é cerca de 36% mais acessível em dezembro do que na alta temporada
  • Amsterdã (Holanda)  é cerca de 35% mais acessível em dezembro do que na alta temporada
  • Atlanta (EUA)  é cerca de 24% mais acessível em dezembro do que na alta temporada

Leia também: Casamento na praia, voando ou no mar? 10 destinos que são tendência para 2018

Os valores desses lugares turísticos foram analisados entre 2016 a 2017 e servem como base para os preços que cobrados em 2018.