Tamanho do texto

Pedir recomendações no Facebook ou para trabalhores do lugar em que você está podem te ajudar a beber como um verdadeiro morador local; saiba mais

Se beber durante suas viagens é algo importante para você, que tal conhecer lugares frequentados por moradores local? De acordo com Camille Ralph Vidal, especialista em bebidas, ir para bares durante a estadia não é apenas sobre se embedar. "Você também vai se misturar com as pessoas que moram na cidade e ter uma ideia da vida noturna do destino", diz ela.

Leia também: Dicas para amantes de vinho aproveitarem o melhor do enoturismo no Brasil

Que tal conhecer lugares para beber frequentados por moradores locais?
shutterstock
Que tal conhecer lugares para beber frequentados por moradores locais?

Ao jornal americano “The New York Times”, Camille dá dicas para beber  durante a viagem de férias como um morador local:

1. Use redes sociais

Faça uma publicação no Facebook perguntando sobre os melhores bares da cidade que você está visitando. "Eu encontrei muitos bares incríveis em todo o mundo através da minha rede social", afirma.

Outra ideia é seguir bartenders famosos no Facebook ou Instagram (Nico de Soto, Naren Young e Carina Soto Velasquez são alguns exemplos, segundo Camille) porque eles viajam frequentemente e tendem a ir aos bares mais autênticos onde quer que estejam. Eles também compartilham fotos das viagens juntamente com algumas sugestões sobre o que você pode experimentar quando você for àquele local.

2. Não vá ao bar do hotel

Alguns bares de hotéis são bem conhecidos ao redor do mundo, mas geralmente não são os lugares em que os moradores bebem - e certamente não são os mais baratos . "Os bares do hotel merecem uma visita se você quiser um aperitivo elegante, mas eles geralmente são muito caros e não lhe darão um sabor da cultura local", diz Camille.

Leia também: 6 destinos ao redor do mundo para uma viagem com as melhores amigas

3. Converse com os bartenders

Bartenders, incluindo aqueles que trabalham em seu hotel ou em qualquer um dos restaurantes que você visita durante a viagem, podem dar os melhores conselhos sobre os bares que você não deve deixar de conhecer. "O barman do meu hotel me deu uma lista de seus bares favoritos, e no dia seguinte, eu o encontrei em um deles e me diverti muito bebendo com ele e seus amigos", conta Camille citando uma viagem que fez para Sidney, na Austrália.

4. Procure indicações on-line...

Sites como Eater, Barchick e PunchDrink são fontes confiáveis ​​para descobrir sobre os bares que a maioria dos turistas não conhece. Alguns até dão dicas do que vale a pena pedir no local e o que você não deve experimentar. Não se esqueça de procurar blogs dos moradores locais também na cidade que você está visitando - nada como a indicação de alguém que conheça a região.

5. ...Mas não confie em tudo que lê

Os comentários na Yelp e no TripAdvisor podem parecer uma maneira útil de descobrir bares desconhecidos, mas tenha em mente que as avaliações baixas nem sempre são um reflexo preciso do local. "Muitas críticas on-line são escritas por pessoas de fora da cidade que podem não entender a cultura do bar", alerta Camille.

Leia também: Renovado, Hopi Hari é diversão garantida para a família toda

6. Experimente

Quase todos os países, ou mesmo cidades, são conhecidos por uma bebida especial, seja saquê no Japão, uísque na Escócia ou tequila no México. Para ter a melhor experiência, Camille sugere visitar um bar famoso pela especialidade local. Em Tóquio, por exemplo, existem alguns bares que só servem saquê e têm um menu com mais de cem variedades.

A Cidade do México tem vários bares onde coquetéis à base de tequila ganharam prêmios em competições internacionais. "Esses bares não são necessariamente onde os moradores vão todos os dias para beber, mas eles são populares para noites especiais", explica Camille.