Você já imaginou dar uma volta ao mundo e conhecer vários países e culturas diferentes? Se este é um de seus sonhos, você provavelmente já pensou no custo das passagens e ficou desanimado. Mas você sabia que é possível comprar uma passagem única de volta ao mundo para conhecer vários países e gastar menos?

Leia também:  Embarque em cruzeiro que passará por 32 países em 119 dias

undefined
shutterstock
Os viajantes podem dar uma volta ao mundo gastando menos do que se imagina

A passagem única, também chamada de RTW (Round The World - Volta ao Mundo , em tradução livre) , é comercializada principalmente por um grupo de companhias aéreas. Estas empresas criam pacotes de passagens de diferentes empresas para vários países e, assim, não é preciso pagar por diversos voos separadamente e gastar uma fortuna para contornar o planeta.

Segundo a One World, uma aliança de companhias aéreas, o valor da RTW varia de acordo com a quantidade de trechos e os aeroportos escolhidos. Para viajar para 16 lugares em cinco continentes diferentes, a pessoa gastará, em média, U$4.500 na passagem única, cerca de R$14 mil. Caso a viagem seja para sete países em três continentes, o valor será cerca de U$3.150, ou R$10 mil.

Leia também: Homem visita todos os 198 países do mundo e recomenda os 12 imperdíveis

Como funciona

As regras para cada tipo de passagem dependem da empresa, mas, apesar disso, a maioria tem algumas condições em comum. Uma delas é a de que a viagem precisa ser de no mínimo 10 dias e incluir pelo menos 3 continentes. Além disso, o começo e o final da jornada devem ser no mesmo lugar.

Dependendo do viajante, o período da viagem pode variar bastante, ficando entre 10 dias e 1 ano. Cada aliança de companhias aéreas une determinadas operadoras de voos, incluindo as maiores companhias do mundo e possibilitando assim aterrissar em praticamente qualquer país.

Leia também: Aproveite o tempo de viagem! Saiba quantos dias é ideal para ficar no cruzeiro

É necessário seguir sempre na mesma direção, dando de fato a volta ao mundo. Também é importante se lembrar de que alguns países exigem vistos específicos para permitir a entrada de turistas, então, antes de comprar as passagens é preciso verificar a documentação ncessároa e se programar. Afinal, você não quer ser barrado e acabar com as suas férias não é mesmo? Fora isso, é só aproveitar os destinos mundo afora. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários