iG - Internet Group

iBest

brTurbo

Deixe suas pegadas nas dunas brasileiras

Perfeitas para sentir o silêncio e contemplar o pôr do sol. E também para passeios radicais de buggy, manobras de esquibunda e mergulho nas lagoas azuladas

Mônica Cardoso, especial para o iG São Paulo

 

Montanhas e mais montanhas de areia a perder de vista. Nessa imensidão, lagoas de água doce surgem aqui e ali, como verdadeiros oásis, embaladas pelo sussurro constante do vento. Conhecer a beleza incomparável das dunas é passeio mais que obrigatório. E no Brasil, não faltam opções.

- Veja fotos das dunas no Brasil

Mas as dunas são mais do que paisagens de cinema. Dá para sentir um friozinho na barriga nos passeios de buggy, mergulhar nas lagoas cristalinas, se equilibrar na prancha de madeira do esquibunda. Ou simplesmente deixar-se ficar ali, contemplando um belo pôr do sol.

 

Genipabu – Rio Grande do Norte

Getty Images

No passeio de buggy "com emoção", prepare-se para uma montanha-russa de areia

Assim que subir no buggy, você ouvirá a clássica pergunta: “Com ou sem emoção?” Se quiser um passeio com mais adrenalina, peça com emoção. E prepare-se para manobras radicais em uma verdadeira montanha-russa de areia nas dunas de Genipabu. Dá para sentir o ventinho batendo gostoso no rosto e muito frio na barriga.

O buggy faz uma pausa na Lagoa de Genipabu. Ali, a dica é dar uma voltinha no dromedário – o que tem apenas uma corcova. Dá para se sentir nas Arábias, já que a equipe empresta roupas e turbantes para fotos.

Outro ponto de parada, agora na Lagoa de Jacumã. E se arrisque no esquibunda, na descida das dunas em pranchas de madeiras, e no aerobunda, uma espécie de tirolesa. Nos dois, o final é um mergulho refrescante nas águas da lagoa.

Quem leva:
Marazul
Telefone: (84) 3219-2221 / 3091-2450
Preço: O passeio de buggy custa R$ 90 por pessoa

Natal Vans
Telefone: (84) 3642-1883
Preço: O passeio de buggy custa R$ 85 por pessoa

O passeio de dromedário custa R$ 15, o esquibunda sai por R$ 7 e o aerobunda por R$ 7. E podem ser contratados no próprio local.

- Leia também: Os encantos do Rio Grande do Norte

 

Morro Branco – Piauí

Divulgação

O passeio de barco pelo Rio Parnaíba leva até as dunas de areia fofa

A embarcação desliza em ziguezague pelas águas do Delta do Rio Parnaíba. Olhos atentos para flagrar toda a diversidade dos igarapés das margens: macacos pregos brincando nas copas das árvores, caranguejos de carapaça vermelha afundados na lama e jacarés escondidinhos nos troncos retorcidos. Um verdadeiro safári fluvial.

Força nas pernas para encarar o paredão de areia nas dunas do Morro Branco. O esforço compensa: uma vastidão de dunas, entrecortadas por pequenas lagoas de água doce, descortina-se a sua frente. A caminhada leva até a deserta Praia dos Poldros, um convite irrecusável para um bom mergulho.

Na volta, pausa para a tradicional caranguejada em um simpático restaurante na Ilha Grande de Santa Isabel. O passeio começa no Porto dos Tatus, na cidade de Parnaíba.

Quem leva:
Eco Adventure Tour
Telefone: (86) 3323-9595
Preço: O passeio no barco, que comporta até 65 passageiros, custa R$ 50 por pessoa. Inclui lanche, almoço e caranguejada. Já o passeio de lancha custa R$ 280 para grupo de 5 pessoas

Morais Brito
Telefone: (86) 3321-1969
Preço: O passeio no barco, que comporta até 65 passageiros, custa R$ 50 por pessoa. Inclui lanche, almoço e caranguejada. Já o passeio de lancha custa R$ 200 para grupo de 5 pessoas.

- Leia também: As atrações do menor litoral do Brasil

 

Lençóis Maranhenses – Maranhão

Getty Images

Depois da caminhada debaixo do sol, a Lagoa Bonita é um convite irresistível para um mergulho

À primeira vista, as centenas de quilômetros de dunas que se estendem até a linha do horizonte lembram um deserto. Algumas ultrapassam facilmente 40 metros de altura. Mas as lagoas azuis e esverdeadas logo tiram essa impressão. No período das chuvas, de maio a setembro, elas ficam cheinhas – e irresistíveis ao mergulho.

O ponto de partida para conhecer o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é Barreirinhas, a 260 km de São Luís. De lá, saem os passeios de jipe até as lagoas Azul e Bonita. Antes, é preciso encarar a travessia de balsa no Rio Preguiças, sacolejar pela trilha de terra e “escalar” as montanhas de areia. Se precisar de uma mãozinha, os guias oferecem cordas para subir.

Depois de tanta aventura, no dia seguinte faça um passeio mais tranquilo a bordo das voadeiras que deslizam pelo Rio Preguiças. E fique só admirando a mudança na paisagem: dunas, palmeiras, manguezais...

Quem leva:
Rota das Trilhas
Telefone: (98) 3349-0372
Preços: O passeio de jipe para a Lagoa Azul custa R$ 50 e para Lagoa Bonita sai por R$ 60. O passeio de barco pelo Rio Preguiças custa R$ 60
Tropical Adventure
Telefone: (98) 3349-1987
Preço: O passeio de jipe para a Lagoa Azul e para Lagoa Bonita custa R$ 50, cada um. O passeio de barco pelo Rio Preguiças custa R$ 60.

 

Jericoacoara – Ceará

Getty Images

Experimente "surfar" as areias brancas

Todos os fins de tarde, grupos sobem o imenso morro de areia de 30 metros para contemplar o espetáculo do sol mergulhando no mar. A Duna do Pôr do Sol fica bem pertinho da vila de Jericoacoara, localizada a 300 quilômetros de Fortaleza. Quer relaxar? Pegue "carona" nos jipes que atravessam as dunas até a Lagoa Azul. Ali, redes que ficam dentro da água te esperam.

Vale a pena dar uma esticadinha até Jijoca para conferir a lagoa que se divide em duas. A Azul é mais tranquila e rústica, com bancos de madeira que servem de trampolim. Já na Lagoa Paraíso, a dica é experimentar o esquibucho: uma corda presa ao colete salva-vidas é puxada lentamente pela jangada. Ou arrisque "surfar" as areias finas. Adrenalina na medida certa.

Quem leva:
By Boogie
Telefone: (88) 3669-2277
Preço: Passeio até a Lagoa Azul sai por R$ 160 por buggy. Ida até a Lagoa de Jijoca custa R$ 190 por buggy. O veículo transporta 4 passageiros

 

Jalapão – Tocantins

Divulgação

As dunas avermelhadas e desertas fazem do Jalapão um cenário único

Surpreendentemente avermelhadas, as dunas são um espetáculo a mais no já deslumbrante Jalapão. E são as únicas dunas de cerrado do mundo. Esculpidas pela erosão do vento na Serra do Espírito Santo, elas chegam a até 40 metros de altura. Ao lado, um rio completa o cenário. O pôr do sol acentua ainda mais o tom dourado da areia fina. E no mais profundo silêncio.

Mas você vai ter que comer muita poeira para chegar até lá. O início do caminho é a estrada de terra TO-255, a cerca de 115 quilômetros da cidade de Ponte Alta. Depois siga pela estrada arenosa e encare uma caminhada. Não é necessário contratar guias, mas na hora de alugar um veículo, prefira os 4x4, com tração nas quatros rodas. As dunas ficam no Parque Estadual do Jalapão e a entrada custa R$ 5.

* Preços pesquisados em abril/2011, sujeitos a alterações

 

Outras dicas de viagens no Brasil:
- As piscinas naturais do Nordeste
- Roteiros de águas termais no Brasil
- As praias mais sossegadas do Brasil

 

Quer saber mais sobre turismo? Siga a gente no @igturismo
 

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG




publicidade



Contador de notícias