iG - Internet Group

iBest

brTurbo

Poupar ou gastar: um dia em Istambul com mil dólares

Dicas para gastar cerca de 1000 dólares por dia em Istambul:

Seth Sherwood - NYT

- POUPAR OU GASTAR: UM DIA EM ISTAMBUL COM 250 DÓLARES

VEJA O FOTOSHOW DE ISTAMBUL

Dormir

Misture o grupo mais quente de design de interior (Autoban) com o bairro boêmio emergente de Istambul (Cihangir) e o resultado é o local mais estiloso dali, o Witt Istanbul Suites, de 15 quartos (Defterdar Yokusu 26, Cihangir; 90-212-393-7900). Se puder, use o dinheiro para ficar em uma das suítes com vista para o mar. Espalhadas por mais de 55 metros quadrados, elas combinam a sutileza da Autoban, móveis orgânicos de madeira com vistas incríveis do Estreito de Bósforo.

A cena vai ficar mais doce depois que você fizer uma massagem com os cosméticos da Molton Brown, tomar um café da máquina de Nespresso e arranjar sua trilha sonora favorita usando a estação do iPod. Custo de uma suíte: 259 euros, ou cerca de 376 dólares.

Comer

Apesar de ter menos de 30 anos, os chefs Esra Muslu e Coskun Uysal criaram algo realmente especial no Moreish (Tepebasi Mesrutiyet Caddesi 67, Boyoglu; 90-212-245-9146), que foi inaugurado no final de 2007. Apresentando um interior branco arejado e pinturas contemporâneas abstratas, o espaço íntimo parece mais a sala de jantar de um amigo que coleciona arte do que um restaurante, mas é o cardápio inventivo que realmente brilha. Sopa de chouriço e berinjela com ovo de codorna? Carne de carneiro com húmus e purê? Aspargos e risoto? Está tudo aqui, circundado por sobremesas feitas com caramelo de azeitonas pretas e sorvete de café turco. Custo: a refeição de três pratos para dois, sem vinho, sai por cerca de 100 dólares.

Compras

O Império Otomano contra-ataca na butique de Asli Tunca (Nuru Ziya Sokak 34-20, Galatasaray; 90-212-251-7057). Uma das ex-melhores designers da moda turca, a senhorita Tunca agora cria “a alta moda dos móveis”, como ela define: peças únicas feitas à mão inspiradas nos objetos antigos da aristocracia otomana. Enquanto pode ser impraticável encher a bagagem com itens como mesas embutidas com madrepérola, há itens mais portáteis. Uma almofada tubular vermelha – coberta com veludo do século 19 – transforma instantaneamente qualquer sala em um salão de sultão. Custo: 190 euros.

Festa

Só um tapete voador poderia oferecer um panorama mais embasbacante da cidade do que o Ulus 29 (A. Adnan Saygun Caddesi 71, Ulus Parki; 90-212-358-2929), restaurante-bar-clube cujas vistas espetaculares atraíram o príncipe Alberto de Mônaco, Kate Moss, Michael Douglas e muitas outras personalidades das páginas das revistas Hello! e US. A pré-festa começa no lounge preto, onde socialites de salto alto tomam prosecco, casais se alimentam com sushi e pauzinhos, e tipos arrogantes fumam charutos cubanos. Depois da meia-noite, a área do clube começa a explodir com R&B, funk, hip-hop e pop turco, transformando a pista de dança em um mar de dervishes dos dias atuais. Custo por um copo de prosecco: 30 liras.

Gaste

Como verdadeiros gastrônomos sabem, a cozinha turca significa muito mais do que espetos de carneiro. Cortesia dos territórios do império otomano, a cozinha nacional é uma panela quente de sabores e sotaques dos Bálcãs, Mediterrâneop, Ásia Central, Oriente Médio e norte da África. E não há modo melhor de dominá-la do que com um instrutor pessoal do Instituto de Culinária de Istambul (Mesrutiyet Caddesi 59, Beyoglu; 90-212-251-2214). Uma aula individual de três horas com um dos chefs vai doutrinar sobre cozido de vitela com melaço e maçã e halva com pinhão. Contate o diretor, Banu Ozden, pelo menos com uma semana de antecedência. Custo: 250 dólares por pessoa.

CUSTO TOTAL:

1.103 DÓLARES OU 2095 REAIS

Leia mais sobre:
Viagem à Turquia - dicas de viagem - viagem barata.


Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG




publicidade



Contador de notícias