7 pontos turísticos imperdíveis para conhecer no Egito

O Egito tem pontos turísticos que vão além dos grandiosos monumentos e que podem surpreender

Para quem procura por experiências marcantes e inesquecíveis durante as férias uma  viagem para o Egito é a resposta. O país localizado no nordeste da África possui uma história riquíssima e monumentos grandiosos – não à toa está presente em quase todos os livros de história.

O Egito fica a mais de 10 mil quilômetros de distância do Brasil, os voos saindo de São Paulo costumam ter pelo menos uma escala e a viagem mais rápida demora cerca de 17h 30m. Como a conexão é feita em cidades como Istambul e Dubai, muitos turistas aproveitam para conhecê-las também.

No país africano as principais cidades a serem visitadas são a capital Cairo, Luxor, Aswan e Sharm el Sheikh. Cada uma delas possui características particulares e pontos turísticos de visita obrigatória que vão além de templos e sarcófagos. Conheça alguns deles.

Pirâmides de Gizé (Cairo)

As Pirâmides de Guizé estão entre os pontos turísticos mais procurados do Egito
Foto: Divulgação Memphis Tours
As Pirâmides de Guizé estão entre os pontos turísticos mais procurados do Egito

Essa é o ponto turístico mais conhecido do Cairo e de todo o Egito. Um dos mais antigos monumentos, o conjunto Pirâmides de Gizé fica a 18 km da capital e o acesso é fácil. Agências de turismo oferecem passeios diurnos e noturnos, esse último inclui um espetáculo de luzes e som.

As principais pirâmides em que faraós foram mumificados e sepultados são as de Quéops, Quéfren e Miquerinos. A primeira é a maior delas, com 140 metros de altura e 230 metros de base. Além delas, a Grande Esfinge chama atenção.

Khan el-Khalili Bazaar (Cairo)

Foto: Reprodução Instagram
O Khan el-Khalili Bazaar é uma antiga área comercial que vende de tudo

A antiga área comercial fica no coração de Cairo e é um grande bazar a céu aberto que reúne cafés, restaurantes e lojas de especiarias, joias, tecidos, artesanatos, perfumes, alimentos, entre outros. Além de ser uma forma de mergulhar na cultura local, visitar as ruelas do Khan el-Khalili Bazaar também é viver a história, já que o local, fundado no século XIV, transformou Cairo em um centro importante do comércio ao permitir comerciantes estrangeiros exporem suas mercadorias.

O Khan el-Khalili Bazaar está incluso em vários pacotes de turismo oferecidos por agências – inclusive, essa é a melhor forma de conhecer o local sem se perder. O pacote da Memphis Tours, por exemplo, disponibiliza guias que falam a língua portuguesa, o que torna o passeio ainda mais proveitoso.

Templo de Luxor (Luxor)

Foto: shutterstock
O Templo de Luxor é um Patrimônio Mundial da UNESCO

Como o próprio nome sugere, o Templo de Luxor está localizado na cidade de Luxor, 676 Km distante da capital Cairo. As formas de chegar ao local são avião, trem, ônibus ou carro – sendo a primeira a mais rápida delas (2h40m) e a segunda a mais barata (aproximadamente R$ 15). Saindo da cidade de Aswan é possível também chegar de cruzeiro pelo rio Nilo.

Você viu?

Patrimônio Mundial da UNESCO, o templo é um dos monumentos históricos mais importantes quando se trata da história do Egito. Dedicado ao deus egípcio Amon, considerado o rei dos deuses e força criadora da vida, acredita-se que muitos faraós fizeram sua cerimônia de coroação neste local.

Templo de Karnak (Luxor)

Foto: Divulgação Memphis Tours
O Templo de Karnak fica na cidade de Luxor

Maior templo do Egito e também localizado na cidade de Luxor, o complexo de templos de Karnak foi construído por vários faraós ao longo de 400 anos e reúne obeliscos, salões cerimoniais, estátuas, colunas, capelas e até um lago sagrado onde os sacerdotes faziam banhos cerimoniais. A construção foi dedicada a Tríade Tebana, formada pelos deuses Amon, Mut e Khosu.

Abu Simbel (Aswan)

Foto: Shuttersock
O monumento Abu Simbel foi construído em Núbia e deslocado para Aswan

Outro patrimônio mundial da UNESCO, o Abu Simbel é um complexo arqueológico que inclui dois templos escavados na rocha. O maior deles é o Templo de Ramessés que tem uma fachada de 33 metros de altura e 38 metros de largura. O outro é o Templo de Nefertari, construído para a esposa preferida de Ramessés, tanto que leva o nome dela.

O monumento foi construído em Núbia, mas quando foi decidido que uma barragem seria construída na região e que o vale onde ele estava seria inundado, a UNESCO fez uma campanha para mudá-lo de lugar. O deslocamento custou 40 milhões de dólares e levou as construções para a cidade de Aswan.

Aswan fica a 683 Km em linha reta do Cairo e 238 Km de Luxor. Saindo do Cairo é possível chegar de carro, ônibus, trem ou avião. Saindo de Luxor, a melhor opção é o cruzeiro pelo rio Nilo.

Mar vermelho (Sharm el Sheikh)

Foto: Shuttersock
Sharm el Sheikh é um ponto turístico imperdível do Egito, mas que poucos conhecem

A 384 Km de Cairo, Sharm el Sheikh fica na faixa costeira ao longo do Mar Vermelho e é um lado do Egito que poucos conhecem, mas que deveriam conhecer. Com grande oferta de resorts, o local é considerado um dos melhores do mundo para a prática de mergulho – possui muita diversidade de peixes e recifes de corais, além da ótima qualidade da água.

De Sharm el Sheikn saem passeios e safaris para o deserto do Sinai, outra experiência diferenciada no Egito.

Cruzeiro no Rio Nilo

Foto: Divulgação Memphis Tours
O cruzeiro no Rio Nilo possibilita chegar a outros pontos turísticos

Claro que não podia faltar o Rio Nilo, rio mais extenso do mundo e que influenciou diretamente no desenvolvimento e na história do Egito. Um cruzeiro por ele, que pode sair da cidade de Aswan em direção a Luxor e vice versa, pode ajudar a conhecer os principais pontos turísticos do sul do Egito como o Templo de Luxor e Abu Simbel.

Os pontos turísticos do Egito citados acima estão incluso na maioria dos pacotes turísticos oferecidos por agências. As opções têm durações de 8, 10 e até 12 dias e os preços giram em torno de US$ 1,5 mil (cerca de R$ 5,7 mil) – sem as passagens de avião. Alguns passeios podem ser comprados de forma individual, como o cruzeiro do Nilo que custa a partir de US$ 445 (cerca de R$ 1.659).