Veja algumas soluções que contribuem para deixar a bagagem mais organizada

Sacos redutores, como estes da Space Bag Brasil (a partir de R$ 25), ajudam a ganhar espaço na bagagem
Divulgação
Sacos redutores, como estes da Space Bag Brasil (a partir de R$ 25), ajudam a ganhar espaço na bagagem
- Sacos inteligentes: Muitas malas não têm muitos compartimentos, e uma solução para separar peças íntimas de outras são os sacos higiênicos de TNT ou plásticos do tipo ziplock.

- Sacos redutores: Se o destino for frio, provavelmente o viajante vai levar casacos de lã, jaquetas e outras peças de roupa que ocupam muito espaço na mala. Uma dica é se valer das “space bags”, sacos redutores por compressão a vácuo que reduzem em até cinco vezes o volume das roupas (com a ajuda de um aspirador de pó). Eles são vendidos em vários tamanhos e podem ser reutilizadas, sendo à prova d’água também. O problema é a volta para casa, pois terá que pedir emprestado o eletrodoméstico no hotel, pousada ou albergue.

- Kits de viagem: Muitas lojas oferecem kits de viagem: nécessaires com produtos em miniatura, como pasta de dente, escova de dente, escova para cabelo, shampoo, condicionador e sabonetes. Pode ser uma boa ideia para economizar espaço na mala.

Leia também: Economize espaço na mala

Acompanhe as novidades do iG Turismo pelo Twitter .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.