iG - Internet Group

iBest

brTurbo

Festival de Parintins: o carnaval do Amazonas

A 420 quilômetros de Manaus, Parintins sedia o evento popular mais badalado da região, de 25 a 27 de junho. Conheça os destaques

Fernanda Castello Branco, especial para o iG

SXC

Dançarina chamada de cunhã-poranga dança em Parintins

Um dos pontos turísticos mais importantes da Amazônia, a cidade de Parintins é palco do evento popular mais badalado da região. O Festival de Parintins acontece de 25 a 27 de junho e tem como protagonistas os bois-bumbás Caprichoso e Garantido.

 

Site Parintins.com

A beleza da mulher amazonense é destaque em Parintins

O espetáculo mais esperado da maior floresta do mundo é celebrado desde 1988 no bumbódromo, lugar com capacidade para 35 mil pessoas. É lá que se reúnem torcidas muito apaixonadas: de um lado, os seguidores da estrela azul do Caprichoso e do outro, os fãs fiéis do coração vermelho do Garantido.

Site Parintins.com

Os bois rivais são as grandes estrelas no Festival de Parintins

Os grupos são analisados em 22 quesitos, mas os principais são: levantador de toada, participação do público e silêncio na apresentação do boi rival, fantasia de cunhã-poranga (mulher mais bonita do boi) e apresentador (narrador das entradas e das apresentações de cada grupo).

O festival termina com o desfile dos vencedores e a passeata dos perdedores. A comparação com as escolas de samba do carnaval carioca é inevitável. No festival amazonense também ocorre a exibição de alegorias elaboradas e de carros confeccionados por artistas, sempre com temas que representam a história do povo local. Para outros, o Festival de Parintins se assemelha mais a uma ópera popular, pois o espetáculo acontece dentro de uma arena circular, diante da animada torcida.


Pontos turísticos de Parintins

Além do Festival de Parintins, que atrai normalmente cerca de 100 mil pessoas para a cidade, diversos pontos turísticos são capazes de fazer o visitante se apaixonar pelo lugar. O município fica na ilha fluvial de Tupinambara, a 420 quilômetros de Manaus, quase na fronteira com o estado do Pará. Gente hospitaleira, muitas bicicletas transitando pelas ruas e as cores dos bois nas fachadas das casas são alguns destaques de Parintins.

Entre os pontos que valem a pena serem visitados estão a Catedral de Nossa Senhora do Carmo (fundada em 1962), a Vila Amazônia (a 20 minutos de barco, a vila foi criada para abrigar imigrantes japoneses), as praias de Taracuera e do Varre Vento, além da Serra de Parintins, que tem 154 metros de altura.

Outro atrativo natural é o Morro de Santa Rita, que abriga lagos, igarapés, árvores centenárias e espécies raras de orquídeas. É possível, ainda, visitar os currais dos bois Caprichoso e Garantido.

Entre outras atrações do patrimônio histórico de Parintins estão a Igreja do Sagrado Coração de Jesus e a Igreja de São Benedito. Fundada em 1945, a primeira tem diante de si o rio Amazonas e é ponto muito procurado para a apreciação do pôr-do-sol. A Igreja de São Benedito, por sua vez, foi fundada em 1795 e é a primeira de Parintins.

Outro lugar indispensável é o lago Macurany. Com 10 quilômetros de extensão, ele passa atrás da cidade e é ótimo para passeios de barco, jet ski e lancha.

Quem quiser curtir a noite da pequena cidade tem como opção bares e clubes com música dançante, com MPB, seresta e pagode. As toadas de boi também dão o tom da festa. De maio a junho, o point mais procurado é o curral do boi-bumbá, onde as toadas do Festival de Parintins são lançadas para que o público se familiarize com elas.


Quando ir

Parintins pode ser visitada o ano inteiro, mas a grande estrela é o festival, que acontece sempre no último final de semana de junho. De 6 a 16 de julho acontece a Festa de Nossa Senhora do Carmo.

Para quem quiser pescar e curtir as praias fluviais e balneários, a recomendação é visitar a cidade de setembro a dezembro, quando acontece a vazante dos rios.


Quem leva

Turismo Consciente
O que inclui: O pacote dura de 22 a 29 de junho. Traslado terrestre em Manaus (aeroporto/hotel/porto/aeroporto), pernoite no dia 22 de junho em Manaus, com café da manhã no Hotel Saint Paul, estadia no barco, camarote para duas pessoas com banheiro privativo e ar condicionado, refeições durante estadia no barco, pensão completa (café da manhã, almoço e jantar, com cardápio variado e regional),  tripulação de barco, ancoradouro, ingresso de entrada no Festival de Parintins, em arquibancada especial no Boi Caprichoso.

Preço: a partir de R$ 4.622 por pessoa. O valor pode ser parcelado em três vezes via boleto bancário.

Freeway
O que inclui: O pacote dura cinco dias, com saída de São Paulo, dia 24 de junho, e inclui recepção, traslado, quatro noites de hospedagem com café da manhã em Parintins, seguro viagem e kit de viagem. O ingresso para três dias do festival em arquibancada especial ou cadeira Arena custa R$ 490.

Preço: R$ 3.408, que pode ser pago em cinco vezes de R$ 682.


* preços pesquisados em junho/2010 e sujeitos a alterações
* consulte os acampamentos para saber sobre a disponibilidade de vagas, possíveis taxas extras e formas de pagamento
 
Você vai conferir o festival? Não deixe de dividir com os internautas as belezas de Parintins, envie suas fotos e vídeos para o Minha Notícia.

Acompanhe as últimas novidades de turismo pelo twitter: @igturismo

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG




publicidade



Contador de notícias