iG - Internet Group

iBest

brTurbo

Os vinte vulcões mais fantásticos do mundo
Do famoso Vesúvio ao Mauna Loa, no Havaí, considerado o vulcão mais ativo do planeta, elaboramos uma lista de vulcões para quem quer ver de perto essas montanhas que cospem fogo  

Fernanda Castello Branco, especial para o iG

 

Recentemente, o vulcão islandês de nome impronunciável, Eyjafjallajokull, atrapalhou a vida milhares de pessoas ao entrar em erupção e causar o fechamento dos aeroportos europeus. Mas saiba que muitos outros vulcões – apesar de não estarem totalmente adormecidos – são atrações turísticas imperdíveis. Para reabilitar a fama desses gigantes da natureza, o iG Turismo elaborou uma lista com vinte vulcões que merecem uma visita. 


CHILE

Villarrica e Quetrupillán

SXC

O Parque Nacional Villarrica é ponto turístico em Pucón, Chile

Onde ficam: Pucón, Chile.

O ativo Villarica, com 2.874 metros de altura, e o extinto Quetrupillán estão situados no Parque Nacional Villarrica. Lá também é possível visitar o Lanín, vulcão que fica na fronteira com a Argentina. O Villarica é a maior estrela do parque, sempre atraindo visitantes dispostos a uma escalada com muita adrenalina, pois fumaça é expelida constantemente. Para subir é preciso ter a companhia de um guia com certificado internacional de escalada. A subida dura de quatro a cinco horas e a descida entre meia hora e duas horas. Nesse vulcão está instalada a estação de esqui Ski Pucón.

Quem leva: Snowbrasil

Preço: a partir de US$ 861 por pessoa. O pacote de esqui no vulcão coberto de neve dura oito dias e inclui passagens aéreas saindo do Rio de Janeiro ou de São Paulo, traslado de Temuco a Pucón, e de volta a Temuco, hospedagem com café da manhã, ski lift para todos os dias, transporte diário para o centro de esqui e seguro viagem. As saídas são diárias.


Pontiagudo, Casablanca e Osorno


SXC

Puerto Varas, no Chile, atrai turistas para ver seus vulcões

Onde ficam: Puerto Varas, Chile.

A charmosa cidade Puerto Varas é um prato cheio aos amantes de vulcões. No Parque Nacional Vicente Pérez Rosales é possível visitar  Osorno, Pontiagudo e Casablanca, além do Lago Todos Los Santos. Já na divisa com Bariloche, está o vulcão El Tronador. O Osorno tem 2.661 metros de altura e está adormecido há quase 200 anos. Lá fica a estação de esqui Volcán Osorno. O parque também possui fontes termais.

Quem leva: Tourlines Turismo

Preço: US$ 1.967 mais taxas por pessoa, em apartamento duplo.
O pacote dura 12 noites, com saída de Vitória, Espírito Santo. Inclui passagens aéreas, hospedagens com café da manhã, traslados de chegada e saída, city tour em Santiago, tour “Viña del Mar y Valparaiso”, city tour em Puerto Varas e Puerto Montt, cruzeiros de lagos de Puerto Varas até Peulla, cruzeiros de lagos de Peulla até Bariloche e city tour em Buenos Aires. Esse preço vale até 15 de outubro de 2010.


CHILE e BOLÍVIA

Vulcão Ollagüe

Onde fica: Cordilheira dos Andes, na fronteira entre a Bolívia e o Chile. Para ser mais exato, na II Região de Antofagasta, no Chile, e no Departamento de Potosí, na Bolívia.

Com uma altitude de 5.870 metros, o Ollagüe tem uma cratera de 1.250 metros de diâmetro, erodida na parte sul, com rastros de lava descobertos. Pelo lado chileno, a 5.500 metros de altitude acima do nível do mar, é possível visitar os antigos acampamentos enxofreiros Santa Cecilia e Santa Rosa, desde a base do vulcão. A visita é feita a pé, exige boa condição física do visitante e é necessária a companhia de um guia local.

Quem leva: Vivaterra

Preço: US$ 3.250 por pessoa, somente a parte terrestre. As passagens aéreas, saindo de São Paulo, custam US$ 675 em baixa temporada e US$ 745 (em alta temporada, que vai de 18 de junho a 3 de agosto, e de 6 de dezembro a 2 de fevereiro).
O pacote dura 16 dias e passa por Peru, Bolívia e Chile. Inclui hospedagem (com café da manhã), traslados e passeios em todos os locais, além de um brinde e assistência viagens Travel Ace (limite de idade: 70 anos).


COSTA RICA

Arenal

SXC

Região do vulcão Arenal, na Costa Rica


Onde fica: províncias de Alajuela e Guanacaste, na Costa Rica.

O Arenal é considerado o vulcão mais ativo da Costa Rica e um dos dez mais ativos do planeta. Todos os dias ele expele fumaça e outros materiais, como rochas incandescentes e fagulhas. Localizado nas províncias de Alajuela e Guanacaste, ele tem 1.657 metros de altura e era considerado extinto até julho de 1968, quando entrou em erupção depois de quatro séculos de quietude total.

Quem leva: Marsans
  
Preço: US$ 2.704 por pessoa, mais taxa de embarque.
O pacote dura nove noites (de 12 a 21 de junho), com café da manhã. Inclui, ainda, transfer na chegada e na saída, três noites de hospedagem em San José; duas noites de hospedagem na área do Vulcão Arenal; duas noites de hospedagem em Rincón de la Vieja; duas noites de hospedagem em Tamarindo; passeio de bicicleta ao vulcão; aluguel de carro econômico por oito dias pela Costa Rica.

Passeios locais:
Fortuna Welcome
Preço: US$ 45 para adultos e US$ 38 para crianças.
O passeio dura cerca de quatro horas, com saídas às 8h.

Arenal.net
Preço: US$ 49 (adultos e crianças a partir de 11 anos); US$ 24,50 (crianças de 4 a 10 anos acompanhadas por dois adultos); e crianças com menos de 3 anos fazem o passeio de graça, desde que acompanhadas por dois adultos.


EQUADOR

Cotopaxi

Onde fica: perto de Quito, Equador.

Um dos vulcões mais altos do mundo, o Cotopaxi fica a cerca de 75 quilômetros de Quito, capital do Equador. Desde 1738 ele já entrou em erupção mais de 50 vezes. A mais recente aconteceu em 1904, com alguma pequena atividade também no ano de 1942. Latacunga, cidade nos seus arredores, já foi destruída duas vezes.

Quem leva: Pisa Trekking

Preço: a partir de seis vezes de US$ 456.
A viagem dura oito dias e sete noites, percorrendo Quito, Galápagos e Avenida dos Vulcões.

 
GALÁPAGOS

Serra Negra, Cerro Azul, Alcedo, Darwin e Wolf

Onde: Ilha Isabela, Galápagos.

Com 45 mil quilômetros quadrados, Ilha Isabela é a maior ilha do arquipélago de Galápagos. Seus maiores destaques são seus cinco vulcões: Sierra Negra, Cerro Azul, Alcedo, Darwin e Wolf. Apesar das crateras vulcânicas ainda estarem em atividade, a vida na ilha é tranquila. A parte mais urbana de Isabela, também conhecida como Albemarte, fica em Puerto Villamil. É de lá que saem as excursões para os pontos turísticos da ilha. A caminhada completa ao vulcão Serra Negra tem 16 quilômetros e dá a volta na segunda maior cratera vulcânica do mundo, com diâmetro de 11 mil metros. O passeio começa em um setor chamado El Cura e só pode ser feito com o acompanhamento de guias credenciados pelo Parque Nacional Galápagos.

Quem leva: Pisa Trekking

Preço: a partir de seis vezes de US$ 446.
Visita a Quito, Ilha Isabela (com visita ao vulcão Serra Negra), entre outros lugares. A duração da viagem é de seis dias e cinco noites.


HAVAÍ

Mauna Loa

Onde fica: Ilha do Havaí, Havaí 

Um dos mais famosos do mundo, o Mauna Loa ganhou fama porque é o mais ativo também. Nos últimos 150 anos, ele explodiu 39 vezes. Suas erupções luminosas e espetaculares são um verdadeiro show da natureza. O Mauna Loa, assim como o Kilauea, fica no Parque Nacional dos Vulcões do Havaí. Outro atrativo é seu tamanho: ele atinge os 4.169 metros de altitude e 90 quilômetros de largura. No seu interior, existe um lago, que de vez em quando fica ocupado por lava incandescente. Essas lavas podem atingir grandes distâncias. Provavelmente, o Mauna Loa está ativo há 700 mil anos e sua mais recente erupção ocorreu entre março e abril de 1984.

Quem leva: Volcano Discovery

Preço: a partir de US$ 790 (somente a viagem até o vulcão).
Ela dura de 1 a 12 dias, dependendo do interesse do turista. É uma viagem de estudo. O valor inclui os transportes na Big Island em veículos 4x4, estacionamento e entradas em museus, equipamento de cozinha em camping e guia local especializado.

O pacote para o Havaí da Nascimento Turismo custa a partir de US$ 2.861 (em quarto duplo), com duração de dez noites e visitando quatro ilhas. O pacote é válido até o dia 15 de dezembro de 2010.


ISLÂNDIA

Laki

Onde fica: Kirkjubæjarklaustur, Islândia.

Localizado no sul da Islândia, o Laki, também conhecido como Crateras de Laki, está situado no Parque Nacional de Skaftafell. Ele é, na realidade, parte de um sistema vulcânico, que inclui o vulcão Grímsvötn e o Katla. No século 18, uma erupção desse sistema matou mais de 50% do gado da Islândia, causando uma fome sem precedentes e eliminando cerca de 25% da população da ilha.

Quem leva: Oasis Travel

Preço: a partir de US$ 3.998,45 por pessoa, saindo de Lisboa.
Roteiro de oito dias pela Islândia, com saídas de Lisboa, Portugal. Passagens para Lisboa pela TAM, saindo de São Paulo (Guarulhos), estão a partir de R$ 1.239,10.


ITÁLIA

Vesúvio

SXC

O Vesúvio, em Nápoles, na Itália, destruiu Pompéia

Onde fica: Nápoles, Itália.

Com 1.281 metros de altura, o Vesúvio, responsável por ter destruído as cidades de Pompéia e Herculano é o vulcão mais famoso do mundo. A última vez que assustou os moradores das redondezas foi em 1944. Ele costumava entrar em atividade a cada cem anos. Mas após 1037, ficou “quietinho” por cerca de seis séculos. A erupção súbita de 1631 foi avassaladora e matou 4 mil pessoas. Desde 1995, há um plano de emergência, criado pelo governo italiano, caso o Vesúvio volte a entrar em atividade. Enquanto isso não acontece, que tal dar uma passadinha por lá?

Quem leva: CTC Operadora
Preço: US$ 1.234,60, em apartamento duplo.
O valor corresponde a um pacote de seis dias pela Itália, com saídas até outubro. O pacote não inclui as passagens aéreas até o país.

MSC Cruzeiros
Preço: US$ 70 para adultos e US$ 49 para crianças.
Os passageiros do cruzeiro de 11 dias, que percorre entre novembro e dezembro Itália, Grécia, Israel, Egito e Tunísia, podem fazer o passeio no quarto dia de viagem. O traslado até o imponente monte Vesúvio dura cerca de quatro horas. O passeio é feito a pé, com guia desde o entalhe eruptivo até a cratera, onde é possível ver o leito de lava e a baía de Nápoles.

Passeio local:
Hotel Mediterrâneo

Preço: a partir de US$ 59. Mais informações podem ser obtidas pelo email info@mediterraneosorrento.com. O hotel organiza passeios ao Vesúvio.


Etna

SXC

Erupção mais recente do Etna, em maio de 2008

Onde fica: Sicília, Itália.

Entre as províncias de Messina e Catânia, o Etna é um vulcão ativo na Sicília, Itália. Além de ser o mais alto da Europa, com 3.340 metros de altura, ele é também um dos mais altos do mundo. Para se ter uma ideia, ele tem quase três vezes o tamanho do famoso Vesúvio, com 1.190 quilômetros quadrados de extensão total e circunferência. Outro “recorde” do Etna: ele é a mais alta montanha da Itália ao sul dos Alpes. Sua última erupção foi registrada no dia 10 de maio de 2008.

Quem leva: Pontual Viagens e Turismo

Preço: US$ 3850, em apartamento duplo. O pacote sai de São Paulo, dura 16 dias e percorre as regiões de Malta e Sicília. Inclui passagens aérea, hospedagem com café da manhã, visitas em ônibus privativos com guias locais falando português, espanhol ou inglês, traslados dos aeroportos aos hotéis (e vice-versa) em ônibus privativo, mini-ônibus ou van, com assistência de guias locais, cartão de seguro e assistência internacional Assist-Card-Plano Classic Especial a Euroclassic Especial, além de guia profissional acompanhante, falando português durante toda a parte terrestre (mínimo de 15 passageiros).


MÉXICO

Pico de Orizaba

Onde fica: Orizaba, México.

Montanha mais alta do México, o vulcão Pico de Orizaba é, ainda, o terceiro vulcão mais alto do hemisfério Ocidental. Mesmo sem erupção desde 1687, ele não está completamente extinto. Sua localização é entre os estados de Veracruz e Puebla. A cidade de Orizaba, que dá nome ao vulcão, fica aos seus pés. O pico e os terrenos ao redor do vulcão integram um parque nacional. Há passeios que levam os visitantes ao topo do pico. Os mais aventureiros podem chegar lá por meio de escalada.

Quem leva: The Wildland Trekking Company

Preço: US$ 2.395 por pessoa, com saídas dias 1º de dezembro e 17 de fevereiro de 2011.
A viagem dura 11 dias, com saídas do Arizona, Estados Unidos.


NOVA ZELÂNDIA

Monte Tarawera

Onde fica: Rotorua, Nova Zelândia.

Em 1886, esse vulcão entrou em erupção, matando mais de cem pessoas. Desde então, ele está adormecido e pode ser visitado. Situado em Rotorua, cidade na ilha norte da Nova Zelândia, ele está cercado por vários lagos, muitos deles criados após a última erupção. Entre eles estão os lagos Tarawera, Rotomahana, Rerewhakaaitu, Okataina, Okareka, Tikitapu (Blue Lake) e Rotokakahi (Green Lake).

Outra conseqüência da catástrofe de 1886 foram as fissuras que se estendem por 17 quilômetros. Além do vulcão, Rotorua tem como destaques um rafting com uma queda de sete metros e sledge, uma prancha guiada por monitores. A cultura maori, com sua comida deliciosa, também é um forte atrativo aos turistas. Se estiver pensando em visitar esse vulcão, prepare o nariz: Rotorua tem um cheiro peculiar por causa da grande concentração de enxofre do Monte Tarawera.

Quem leva: Terra Mater

Preço: pacote de 15 dias pela Nova Zelândia, incluindo visita ao vulcão, custa US$ 2.148, em quarto duplo.

Pisa Trekking
Preço: pacote de 16 dias pela Nova Zelândia, com visita aos vulcões, sai a partir de cinco vezes de US$ 1.269, válido até dezembro de 2010.

Passeio local:
Há passeios saindo de Rotorua, em veículos 4x4. O turista vai até o topo do Tarawera. Do alto ele tem uma belíssima vista dos lagos e chega à beira da cratera. Os passeios também podem ser mistos: a ida de carro e a volta de helicóptero. Há opção de ida e volta de helicóptero.


Vulcão da White Island

Onde fica: White Island, Nova Zelândia.

Esse vulcão ativo de provavelmente 150 mil anos pode ser visitado por pessoas de todas as idades, já que não exige muito esforço físico. Isso ocorre porque uma parte da borda da cratera cedeu. Isso significa que ao desembarcar na região, o visitante caminha direto para dentro do vulcão, sem precisar escalar encostas. Considerado por muitos o melhor destino na Nova Zelândia, para os interessados em visitar vulcões, White Island fica a 49 quilômetros da cidade de Whatatane. As bordas da cratera chegam a 321 metros de altura, mas 70% do vulcão está submerso. Escombros de uma mina de enxofre e das máquinas ainda podem ser vistos no local.

Quem leva: White Island Tours

Preço: o passeio custa US$ 185 por pessoa (adultos), o ano todo. Crianças de até 13 anos pagam US$ 120, de 21 de janeiro a 19 de dezembro, e US$ 185, de 20 de dezembro a 20 de janeiro. Esses preços são válidos até o dia 31 de março de 2011. É necessário fazer reserva, mas o passeio pode ser realizado nos sete dias da semana, dependendo das condições meteorológicas.


 

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG




publicidade



Contador de notícias