É do tipo zen, que encara sozinho qualquer desafio, desde que esteja próximo à natureza? Este é o destino certo para você

O arquipélago a 545 quilômetros de Recife (PE) recebe o turista solitário com uma imensa celebração de cores e ritmos. No fundo do mar. Este pedaço de terra, quase intocado, é o melhor ponto para a prática de atividades subaquáticas do Brasil e um dos melhores da América do Sul.

A visibilidade chega a 30 metros e a temperatura da água fica em média a 27 graus Celsius. Já ouviu falar sobre a “Baía dos Porcos”, não é mesmo? Perfeita para quem se atira no mergulho livre! Na Praia do Leão, para muitos a mais bela paisagem de Fernando de Noronha , – título disputado pela Praia do Sancho, que eleita a mais bela do mundo – você pode também conferir a desova das tartarugas marinhas.

Mas a ilha também pode ser explorada a pé, moto, cavalo ou barco. Cinco trilhas principais fazem parte do roteiro:

- Capim-Açu – passa pelo Farol da Sapata, que serve como mirante para turistas, pela caverna que dá nome ao percurso e termina na selvagem e paradisíaca Praia do Leão.

- Pontinha – travessia entre a Enseada de Caieira e a Praia de Atalaia, presenteando o aventureiro no final com piscinas naturais.

- Baía dos Golfinhos – precisa dizer alguma coisa? Área de preservação máxima.

- Costa Esmeralda – trajeto entre a Baía do Sancho e o Forte de São Pedro do Boldró.

- Costa Azul – a parte mais movimentada de Fernando de Noronha, contornando a orla. Passa aos pés do Morro do Pico e termina na Praia do Boldró.

Como chegar
Mesmo sendo bom na natação, não dá. É preciso pegar um avião para lá, saindo de Recife ou Natal, duas vezes ao dia. Você também pode optar por um cruzeiro e desembarcar por lá. Na chegada, o visitante deve pagar a Taxa de Preservação Ambiental, conforme tabela estabelecida pelo Governo, e a Taxa do Parque Nacional, que garante a preservação das trilhas . 

Onde ficar
$$ Pousada Algas Marinhas
$$$ Dolphin Hotel
$$$ Pousada Zé Maria

Leia mais:
- 10 praias perfeitas no Rio de Janeiro
- A beleza e diversidade de Maceió

Acompanhe as novidades do iG Turismo pelo Twitter

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.