Praias, escondidas, mirantes e passeios estão entre as paradas obrigatórias no caminho

SANTOS

Vista interior da Bolsa de Café de Santos
Divulgação/ Tadeu Nascimento
Vista interior da Bolsa de Café de Santos

- História
Maior cidade do litoral paulista, Santos oferece diversas atrações para o viajante que se dispuser a passar alguns dias na cidade. Há inúmeros museus, palacetes e igrejas barrocas do século 18, uma vez que a história do município remonta à época do descobrimento do Brasil. É possível percorrer a Linha Turística de Bonde.

Com saídas da Praça Mauá, cinco bondes e um reboque circulam pelas principais ruas e edifícios do Centro Histórico, proporcionando uma verdadeira viagem ao passado, em um roteiro de 5 km. Há paradas para desembarque e embarque no Outeiro de Santa Catarina, marco da fundação da Vila de Santos, e no Palácio Saturnino de Brito. Deste ponto também é possível chegar ao Complexo Turístico do Monte Serrat, em cujo topo se tem uma visão de 360 graus da cidade. Ao todo, o passeio percorre 40 pontos de interesse turístico e histórico, com acompanhamento de guias de turismo.

Endereço: Estação Buck Jones, Praça Mauá, Centro Histórico
Tel: (13) 3201-8000
Tarifa: R$ 5
Funciona de terça a domingo, das 11h às 17h


VEJA NA GALERIA ALGUMAS DAS ATRAÇÕES E PAISAGENS DESSA ROTA


GUARUJÁ

Morro da Caixa D’água
Divulgação/ Prefeitura de Guarujá
Morro da Caixa D’água

- Ecoturismo
Quem gosta de estretitar o contato com a natureza pode embrenhar-se em caminhadas que levam às praias menos concorridas da região, como Éden, Branca, Preta e Camburi. Uma das trilhas mais conhecidas é a que leva a Camburi, passando por vilas de pescadores nas praias Branca e Preta. Apesar do longo percurso, a ida e a volta somam 16 quilômetros e o trekking é considerado leve.

- Forte dos Andradas
Outro passeio que vale a pena conferir é o Forte dos Andradas. Instalado no Morro do Monduba, o forte é um complexo bélico, na costa voltada para o mar, na Praia do Monduba e Praia do Bueno, em extensa área de Mata Atlântica. O nome é uma homenagem aos defensores da Independência, os irmãos Andrada.

Projetado em 1934 pelo Tenente-Coronel de Engenharia João Luiz Monteiro de Barros, foi o último a ser construído no Brasil, tendo sua conclusão em 1942, na Segunda Guerra Mundial. Ocupa área de 2,1 milhões de m² e foi edificado escavando-se e encravando-se túneis com dezenas de galerias nas rochas do morro, com o objetivo de ocultar as instalações dos canhões de tiro curvo. Atente par ao fato de que a entrada é permitida somente com autorização prévia, em visitas guiadas às terças e quintas.

Endereço: R Horácio Guedes Barreiras s/nº - Praia do Tombo - Guarujá
Tel: (13) 3354-2888
Entrada franca

BERTIOGA

Usina de Itatinga, Bertioga
Divulgação/ Marcos Pertinhes
Usina de Itatinga, Bertioga

- Usina Hidrelétrica de Itatinga
Parte da história de Bertioga, a Vila de Itatinga abriga a Usina Hidrelétrica de Itatinga, datada de 1910, e que abastece todo o porto de Santos. O acesso até o local é por meio de uma Maria Fumaça do início do século passado. Mas antes, é preciso atravessar o Rio Itapanhaú (ponto de partida), percurso feito por uma lancha. O visitante é conduzido por uma bela mata até avistar as casinhas, que conservam o original estilo britânico de suas construções.

Serviço:
Para visitar Itatinga, é preciso entrar em contato com as agências credenciadas nas secretarias de Turismo de Santos e de Bertioga, que recebem das prefeituras locais cotas mensais, com datas determinadas.
Tel: (13) 3317-4889

- Aldeia indígena
Localizada em uma área de 948 hectares, entre as cabeceiras do Rio Silveira e o Ribeirão Vermelho, a Aldeia Indígena Guarani Rio Silveiras fica na divisa entre Bertioga e São Sebastião e abriga cerca de 300 índios tupi-guarani. O acesso é feito somente com acompanhamento de agência de turismo local e depende de autorização da FUNAI.

Informações:
Secretaria de Turismo da Prefeitura de Bertioga
Tels: (13) 3317-3567 e 3317-4889

Entrada franca

- Riviera de São Lourenço
Bairro planejado da cidade de Bertioga – e um passeio a parte –, a Riviera de São Lourenço começou a tomar forma como um empreendimento privado, em 1979. De lá para cá, tornou-se um dos destinos mais cobiçados do litoral por sua qualidade de vida. Entre os atrativos está o Centro Hípico (Rodovia Rio Santos, km 213, atrás do posto da Polícia Militar, tel: (13) 3313-0341, diariamente, das 7h às 17h), com animais para locação, aulas de montaria, equoterapia e treinamento para enduro equestre.

O turista pode se exercitar também na ciclovia arborizada de 4 km ou no Riviera Tênis (Avenida da Orla, s/nº, módulo 18, tel: (13) 3316-9688, diariamente das 8h às 23h), aberto ao público em geral. As quadras podem ser alugadas e há aulas aos que querem se familiarizar com a raquete ou aperfeiçoar a técnica.

E para quem gosta de se aventurar no mar, a opção são as escolas de esportes aquáticos (Escola de Surf Riviera, praia de São Lourenço, em frente ao módulo 1). Durante a temporada, são oferecidas aulas diárias de surf, bodyboarding e stand-up padle.

SÃO SEBASTIÃO

Igreja Matriz de São Sebastião
Divulgação/ Prefeitura de São Sebastião
Igreja Matriz de São Sebastião

- Maresias
Talvez a praia mais badalada e movimentada do litoral Norte, Maresias tem 4 km de areias finas e claras e mar muito verde. É boa para banhos e esportes como surfe, bodyboard e mergulho – há uma laje submersa com recifes em frente à praia. Na alta temporada ferve ainda mais com os campeonatos de surfe, canoagem e natação. Lugar favorito do público jovem, que no verão transforma a praia em point de paquera e muita agitação.

ILHABELA

Antiga Cadeia e Fórum de Ilhabela
Reginaldo Pupo
Antiga Cadeia e Fórum de Ilhabela

- Parque Estadual de Ilhabela
Ilhabela possui quase 300 km² de área protegida por lei e ao menos 83% dessa área está dentro do Parque Estadual de Ilhabela Nele estão diversos atrativos naturais como cachoeiras, fauna, flora e pontos com vistas panorâmicas que podem ser acessados por trilhas de diferentes níveis.

Serviço:
De segunda à sexta-feira, das 8h às 17h
Tel: (12) 3896-2585

- Ilha das Cabras
Outro passeio que vale a pena fazer é o do Santuário Ecológico da Ilha das Cabras (localizado a 2 km da balsa, ao Sul), criado em 1992. Em seus 1.500 m de extensão é possível encontrar uma variedade de peixes e invertebrados por todos os lados. As rochas do fundo do mar são forradas por esponjas, anêmonas do mar, corais, estrelas do mar e uma infinidade de outras espécies multicoloridas. Outro atrativo no Santuário é a estátua de Netuno, o Rei dos Mares, que está a 7 m profundidade. Um pequeno recife artificial próximo à estátua e a área rochosa da extremidade sudoeste da Ilha das Cabras também merecem destaque neste cenário marinho.

Acesso:
Pela estrada que leva para o Sul da Ilha, a praia das Pedras Miúdas é a primeira praia a ser avistada, bem na frente da Ilha das Cabras. Estacionamento na estrada, ao longo da praia. Pode ficar bastante complicado em finais de semana e feriados na alta temporada. Indicado para mergulhadores principiantes.
Entrada franca.

- Cachoeira dos Três Tombos
Chama-se assim por conta das três quedas facilmente alcançadas através das ruas asfaltadas de um condomínio que invadiu os limites do Parque Estadual, e teve a construção de casas embargada pela Justiça. O portal desse condomínio, por onde se chega à cachoeira, fica exatamente em frente à entrada principal da Fazendo São Mathias, pouco antes da entrada para a praia da Feiticeira.

CARAGUATATUBA

Fazenda dos Mexilhões em Caraguatatuba
Divulgação/ Gianni D'Angelo/PMC
Fazenda dos Mexilhões em Caraguatatuba

- Fazenda de Mexilhões
Localizada na praia da Cocanha, a Fazenda de Mexilhões é a maior do Estado de São Paulo e produz, ecologicamente, cerca de 8 mil toneladas a cada ano. Quem quiser conhecer de perto como é o cultivo desses mariscos, basta procurar o rancho dos pescadores. Eles realizam passeios para mostrar como funcionam os criadouros.

Endereço:
Rancho dos Pescadores
Praia da Cocanha, s/n
Passeio gratuito


- Kartódromo
Para quem gosta de esportes radicais, o kartódromo de Caraguatatuba é considerado um dos melhores e mais seguros da América do Sul. Funciona nos mesmos dias em que se realizam as corridas de Fórmula 1. Tem 928 m de circuito e boxes para 127 karts.

Acesso:
É feito pelo bairro Poiares, na Avenida da Garça
Tel: (12) 3882-2339

- Praia de Tabatinga
Localizada a 18km do centro de Caraguatatuba, Tabatinga faz divisa com o município de Ubatuba. Muito apreciada por crianças e famílias, tem águas rasas, normalmente calmas. Ao Norte do Rio Tabatinga, a praia fica mais movimentada, com intenso tráfego de lanchas, jet-skis, caiaques, esqui-aquáticos, windsurfes e parasails. Nela, ainda se pode conhecer uma vila de pescadores com seus ranchos de canoas. Ao Sul, fica um requintado condomínio residencial. Por conta disso há na praia bons restaurantes e hotéis, que oferecem gastronomia sofisticada e de qualidade.

UBATUBA

Projeto TAMAR em Ubatuba
Divulgação/ Geraldo Zanotto
Projeto TAMAR em Ubatuba

- Ilha Anchieta
O Parque Estadual da Ilha Anchieta está distante quase 9 km da costa. Entre os atrativos estão as ruínas do antigo presídio de segurança máxima que dá nome à ilha, as praias, trilhas e o passeio de escuna que leva ao destino. O principal ponto de saída de passeios é a região do Saco da Ribeira, que abriga uma estrutura de marina que apóia o turismo e a pesca.

Quem faz:
Mar Azul Turismo e Marina Kauai
Passeios: R$ 55 (adulto) e R$ 30 (criança)


- Cachoeira da Água Branca
O rio Água Branca revela em seu percurso inúmeras cachoeiras, mas a maior delas é a incrível Cachoeira da Água Branca, com mais de 300 m de queda d’água. Um espetáculo magnífico em meio à exuberância da Mata Atlântica, situada nos domínios do Parque Estadual da Serra do Mar, em Ubatuba.
Para chegar a ela só por trilha, saindo da conhecida Cachoeira Renata, passando pelo Poço Azul com uma pequena cascata de 6 m e um ótimo lago natural para nadar, e seguindo rio acima. É um caminho íngreme e longo e só deve ser feito com a devida assistência de monitores capacitados.

Acesso:
Passado o portal de Ubatuba, preste atenção nas placas e entre na primeira indicação para o Sertão da Quina, um acesso secundário, que fica cerca de 200m antes da entrada da Praia da Caçandoca.

PARATY

Cachoeira do Tobogã, em Paraty
Luciana Matos
Cachoeira do Tobogã, em Paraty

- Poço das Andorinhas
Alguns acidentes de relevo, bastante água e muita mata. Estes são os ingredientes necessários para se desenhar belas cachoeiras, como as que existem em Paraty. Algumas têm difícil acesso, mas a beleza que se encontra ao chegar, vale o esforço. Este é o caso do Poço das Andorinhas (localizado na Estrada do Corisco), sobre o leito do rio, por onde jorram as águas que formam um salto de aproximadamente 3,5 m. Suas águas são claras, transparentes e frias, ótimas para banhos. No local existe um poço grande e fundo, e uma ducha natural. Alguns metros abaixo do poço, encontra-se um escorrega natural, muito procurado pelos visitantes.


ANGRA DOS REIS

Convento São Bernardino de Sena
Marcelo Bruno
Convento São Bernardino de Sena

- Centro Histórico
O conjunto formado pelas ruínas do Convento São Bernardino de Sena (1763) e a Capela de São Francisco da Penitência (séc 178) tem vista panorâmica da cidade e do porto. (Morro de Santo Antônio, s/n, tel: (24) 3369-7589). A primeira matriz de Angra dos Reis, é a Igreja de Santa Luzia, construída em 1623, à beira-mar (Rua do Comércio, s/n, Tel: (24) 3367-2220).

Aproveite para conhecer a Casa da Cultura, abrigada em um prédio construído em 1824. Ali acontecem eventos culturais e exposições temporárias de artistas locais (Rua do Comércio, s/n, esquina com a Rua Raul Pompéia, Tel: (24) 3369-7595).

Fique atento também à programação do Teatro Municipal. O colorido conjunto de sobrados é cenário de exposições e palco para espetáculos de música, dança e, em especial do Festival Internacional de Teatro de Angra (Praça Guarda Marinha Greenhalgh, s/n, Tel: (24) 3367-1048).

RIO DE JANEIRO

Cristo Redentor, Rio de Janeiro
RioTur Divulgação
Cristo Redentor, Rio de Janeiro

- Centro histórico
Dar uma volta pelo centro do Rio de Janeiro é uma aula prática de história do Brasil. Boa parte dos edifícios e monumentos guarda a memória do País desde os tempos coloniais. Um dos mais impressionantes prédios da Cinelândia, o Theatro Municipal foi inspirado na Ópera de Paris e inaugurado em 1909.

Endereço: Praça Floriano, s/nº
Tel: (21) 2262-3935
Visitas guiadas precisam de agendamento prévio
Entrada: R$ 10

Visite também a Igreja de Nossa Senhora da Glória do Outeiro , com formato octogonal e interior revestido com painéis de azulejos setecentistas feitos pelo Mestre Valentim. Construída em 1739, guarda na parte de trás o Museu da Imperial Irmandade, com peças sacras e de ourivesaria

Endereço: Praça N. S. da Glória, 135
Tel: (21) 2557-4600
Entrada franca

Outra dica legal de passeio é o Paço Imperial . Erguido em 1743, o Paço entrou para a história do Brasil em 1808, quando D. João VI transformou o prédio em residência da família real portuguesa. Desde então, importantes acontecimentos tiveram o palacete como cenário. Foi aqui que, em 13 de maio de 1888, a Princesa Isabel assinou a Lei Áurea, que aboliu a escravidão no país. Tombado pelo Patrimônio Histórico, tornou-se centro cultural em 1985 reunindo biblioteca, salas para exposições, teatro, cinema, restaurantes, cafeterias e lojas de artesanato.

Endereço: Praça XV, n 48, Centro
Tel: (21) 2533-4407 / (21) 2533-7762
De terça a domingo, das 12h às 18h
Entrada franca

Bairro da Urca, Rio de Janeiro
RioTur Divulgação
Bairro da Urca, Rio de Janeiro

Para se sentir no século 19, dê uma passadinha na Confeitaria Colombo , que abriu suas portas em 1894 e que teve como clientes nomes como Chiquinha Gonzaga, Rui Barbosa e Olavo Bilac. O tradicional chá da tarde é um dos destaques do lugar.

Endereço: Rua Gonçalves Dias, 32/36, Centro
Tel: (21) 2232-2300

- Santa Teresa
Lugar de boemia, artistas, bons restaurantes e um dos cenários mais interessantes do Rio de Janeiro, Santa Teresa fica no alto de uma colina servida pelos trilhos do velho bondinho. Um dos prédios mais importantes é o Convento de Santa Teresa, erguido no século 19 e que deu nome ao bairro. Quem optar por chegar até lá a pé, partindo da Lapa, terá a oportunidade de conhecer a mais famosa escadaria da cidade – a Selarón, com 215 degraus recobertos de mosaicos de cerâmica nas cores verde, amarelo e azul. A escada foi batizada com o nome do artista plástico chileno que assina a obra.

Serviço:
Para ir de bonde: Partida da Estação dos Bondes, diariamente, das 7h às 21h30, na Rua Lélio Gama, s/nº, Centro – ao lado do prédio da Petrobrás
Tel: (21) 2215-8581

*Valores apurados em agosto de 2012.

- Voltar para a matéria principal:
Nas curvas da estrada de Santos, rumo ao Rio de Janeiro

Veja mais:
- Viaje sozinho com segurança
- Como alugar um carro durante as férias
- Arrume a mala conforme o destino

Acompanhe as novidades do iG Turismo pelo Twitter .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.