Roteiro pelos principais pontos turísticos de Buenos Aires

Por Gabriela Borges, especial para o iG

Texto

Selecionamos bairro a bairro o que você não pode deixar de conhecer na capital argentina

CENTRO

Thinkstock/Getty Images
No centro, estão os principais cartões-postais da cidade, como a Casa Rosada

Ali estão os principais cartões-postais da cidade, como a Plaza de Mayo (onde está a Casa Rosada), o Palácio do Congresso Nacional, alguns dos baresmais notáveis da cidade, como o Café Tortoni, a Calle Florida (para quem quer fazer compras) e a Avenida 9 de Julio, que ostenta o Obelisco no cruzamento com a Avenida Corrientes.

Café Tortoni - Av. de Mayo 825, Centro. 4342-4328.

Casa Rosada - Balcarce, 50, Plaza de Mayo. 4344-3802. De segunda à sexta, das 10h às 18h. Domingo, das 14h às 18h.

Congreso Nacional de la Nación - Hipólito Yrigoyen, 1835, Centro. 4010-3000.


PUERTO MADERO

Gabriela Borges
Puerto Madero tem boas opções de restaurantes à beira do canal do Rio da Prata

A região mais moderna da cidade. O antigo porto de Buenos Aires foi revitalizado a partir de 1996 e, atualmente, mantém algumas das propriedades residenciais mais caras da América Latina, além de boas opções de restaurantes na beira do canal do Rio da Prata, em seus armazéns de tijolo à vista.

Restaurante Cabaña Las Lilas - Alicia Moreau de Justo, 550, Puerto Madero. 4315-4417.

Restaurante Chila - Alicia Moreau de Justo, 1160, Puerto Madero. 4343-6067.


RECOLETA

Thinkstock/Getty Images
Adornos do cemitério da Recoleta, um dos pontos turísticos da região

É um dos bairros mais bonitos de Buenos Aires. Na Avenida Alvear, palácios históricos ao estilo francês e lojas de grifes. Já na Plaza Francia está o shopping Buenos Aires Design, o Centro Cultural Recoleta, o Cemitério Recoleta - onde está o mausoléu de Evita Perón - e a Basílica Nuestra Señora del Pilar. Aos finais de semana, a praça abriga uma feira de artesanato.

Ali pertinho estão também o imponente edifício da Faculdade de Direito, contrastando com a moderna Floraris Genérica. Esta flor gigante de aço e alumínio abre suas seis pétalas ao amanhecer e fecha ao anoitecer.

Shopping Buenos Aires Design - Avenida Libertador e Pueyrredón. 5777-6000. De segunda a sábado, das 10h às 21h, domingo e feriados, das 12h

Centro Cultural Recoleta - Junín, 1930, Recoleta. 4803-1040. De segunda à sexta, das 14h às 21h. Sábado, domingo e feriados, das 10h às 21h.

Cemitério Recoleta - Junín, 1760, Recoleta. 5614-8869. Todos os dias, das 8h às 18h. Visitas guiadas gratuitas no último domingo de cada mês, às 14h30.

Basílica Nuestra Señora del Pilar - Junín, 1904, Recoleta. 4806-2209.


PALERMO

Divulgação
Buenos Aires está repleta de grandes parques, como os Bosques de Palermo

O bairro mais descolado da capital portenha, com muitas lojas de designers argentinos, além de grifes modernas. Há também várias opções de cafés, bares e restaurantes. À noite, o bairro fica lotado e é o destino certo para quem procura badalação.

Crobar - Marcelo Freyre, s/n, Paseo de la Infanta, Palermo. 4778-1500. Festas às sexta e aos sábados, a partir das 23h30.

Restaurante Osaka - Soler, 5608, Palermo. 4775-6964

Bar 06 - Armenia, 1676, Palermo. 4833-6807

Leia também: Buenos Aires, plana e linda, é ótima para correr
 

LA BOCA

Gabriela Borges
Dança folclórica argentina em restaurantes do Caminito

Uma dica é passar a primeira parte da tarde de domingo assistindo a um espetáculo de dança folclórica argentina em um dos restaurantes do Caminito (a rua mais turística do bairro). Aproveite para tirar muitas fotos de suas casas coloridas. Os fanáticos por futebol podem aproveitar para conhecer o estádio La Bombonera, do time Boca Juniors. De lá, siga para a Feria de San Telmo.

Estádio Alberto J. Armando - La Bombonera e Museo de la Pasión Boquense. Brandsen, 805, La Boca. 4362-1100. Todos os dias, das 10h às 19h.


SAN TELMO

Gabriela Borges
Mercado de San Telmo, um dos bairros mais históricos de Buenos Aires

A feira na Calle Defensa, aos domingos, é indispensável não só para comprar antiguidades e artesanatos, mas também para conhecer um dos bairros mais históricos da cidade. Há muitas opções de restaurantes, casas de tango e pequenos cafés.

Feria de San Telmo - Defensa, da Plaza Dorrego à Plaza de Mayo. Domingo, das 11h às 19h.

Mercado de San Telmo - Defensa, 1179 / Estados Unidos, 460, San Telmo. De terça à sexta, das 10h30 às 19h30, sábado e domingo, das 9h às 20h.

 

Acompanhe as novidades do iG Turismo também pelo Twitter.

 

 

 

 

 

Leia tudo sobre: buenosairesargentina
Texto

notícias relacionadas