Faça um tour pelos principais locais turísticos da capital inglesa sem gastar muito

Da estação Westminster, pode-se ver o rio Tâmisa e a London Eye
Getty Images
Da estação Westminster, pode-se ver o rio Tâmisa e a London Eye
Se você quer conhecer os marcos históricos de Londres, a sua primeira estação deve ser Westminster . Saindo do “tube”, você já dá de cara com a torre do Big Ben e o Parlamento Inglês . Se virar à esquerda, verá o rio Tâmisa e a London Eye . À esquerda do parlamento está a Abadia de Westminster , onde o príncipe William casou com Kate Middleton no ano passado e onde são feitas as coroações da família real.

À esquerda do parlamento está a Abadia de Westminster
Beatriz Prates
À esquerda do parlamento está a Abadia de Westminster
Da estação de Green Park , você chega ao parque de mesmo nome que fica ao lado do palácio de Buckingham , residência oficial da rainha Elisabete II. Do outro lado está o Palácio de St. James , o mais antigo da monarquia, onde é o escritório dos príncipes Harry e Willliam e a Clarence House , residência oficial do príncipe Charles.

Para chegar a outro palácio famoso de Londres, o Kensington , onde a princesa Diana viveu e hoje é a residência em Londres de Kate e William, as melhores estações são High Street Kensington ou Queensway .

Outra estação importante nesse roteiro é a Tower Hill . De lá, você chega à Tower Bridge , a ponte mais charmosa de Londres. Construída em 1894 por causa do crescimento da zona leste da capital, é um dos cartões postais da cidade. Ao lado da ponte está a Torre de Londres , que foi palácio de grandes reis, prisão e local de execuções. Lá também fica a preciosa coleção de joias da monarquia britânica.

Da estação Tower Hill você chega à Tower Bridge, a ponte mais charmosa de Londres
Beatriz Prates
Da estação Tower Hill você chega à Tower Bridge, a ponte mais charmosa de Londres
A estação St. Paul’s dá acesso à catedral de St. Paul, onde a princesa Diana casou com o príncipe Charles na década de 80. A igreja é um marco na arquitetura de Londres e do topo dela é possível ter uma visão incrível da cidade. Da catedral, você pode atravessar a ponte do milênio sobre o rio Tâmisa e chegar ao museu de arte moderna Tate Modern .

Da estação St. Pauls dá para chegar ao museu de arte moderna Tate Modern
Getty Images
Da estação St. Pauls dá para chegar ao museu de arte moderna Tate Modern
Outras estações importantes que dão acesso aos principais museus da cidade são Holborn , para o British Museum , South Kensington , para o Science, Natural History e Victoria and Albert Museums , e Charing Cross , para o National Gallery Museum. O National Gallery fica na famosa Trafalgar Square onde acontecem vários eventos londrinos e onde está o relógio com o “count down” para as Olimpíadas.

O maior detetive da literatura, Sherlock Holmes , tem sua própria estação de metrô, a Baker Street . Ela fica bem perto do museu do Sherlock Holmes e também do Madame Tussaud , o museu de cera de Londres. E se você quer tirar uma foto na famosa Abbey Road , onde os Beatles fizeram a capa do disco, a estação certa é a St. Johns Wood . A faixa de pedestres mais famosa do mundo fica a cinco minutos a pé de lá.


Confira outros roteiros de metrô:

- Roteiro de compras
- Roteiro de feiras, bares e estádios


- Voltar para a matéria principal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.