Conheça as melhores dicas e não passe aperto para chegar ou transitar pela cidade

Palácio Bellas Artes, na cidade do México. O lugar abriga exposições e espetáculos de ópera, balé e concertos
Getty Images/Bertrand Gardel
Palácio Bellas Artes, na cidade do México. O lugar abriga exposições e espetáculos de ópera, balé e concertos

Como chegar

Como se locomover

Os viajantes brasileiros costumam chegar à Cidade do México pelo Aeroporto Internacional Benito Juarez, localizado na parte leste, a cerca de 6 quilômetros do centro da cidade. O aeroporto tem dois terminais, interligados por serviço de ônibus e aerotrem, um para voos domésticos e outro para os voos internacionais.

Do terminal ao centro da cidade há varias opções de transporte, de táxi (use os serviços que são autorizados pelo aeroporto e evite motoristas que se oferecem na saída das salas de desembarque) a ônibus (autobuses) e metrô.

Aeroporto Internacional Benito Juarez
Avenida Capitán Carlos León s/nº
Colonia Peñón de los Baños
Tel: (52 55) 2482.2400

Opções de traslado:

Metrô: próximo ao aeroporto, no Boulevard Puerto Aéreo esquina com Avenida Capitán Carlos León González, fica o terminal da linha 5 do metrô, que faz o trajeto entre as estações Politécnico e Pantitlán.

O metrô funciona todos os dias até a meia-noite, mas é bom evitar os horários de rush. Ao todo, onze linhas cruzam a Cidade do México. Para mais informação, clique aqui .

Táxi: os que servem o aeroporto são brancos com uma faixa amarela e têm um desenho de um avião estampado sobre essa faixa. Confira a lista de empresas de táxis autorizados e as tarifas de transporte.

Ônibus: confira a lista de trajetos e companhias que servem o aeroporto.

Como se locomover

Metrô – O Sistema de Transporte Colectivo, ou simplesmente metrô, é um dos maiores do mundo. As onze linhas percorrem uma extensão de 170 quilômetros e transportam 4,4 milhões de pessoas diariamente. É eficiente e rápido (trens a cada 2 minutos), mas costuma lotar nos horários de pico e o passeio pode se tornar desagradável. Saiba mais aqui .

Funciona das 5h à meia-noite nos dias úteis (sábado, às 6h; domingo, às 7h). Os mapas com os trajetos das linhas estão disponíveis próximos às taquillas (bilheterias). As informações estão disponíveis também nos vagões dos trens. Eles possuem diagramas das linhas com os pontos de transferência para outras linhas bem demarcados.

Ônibus – Dois tipos de ônibus fazem o transporte na Cidade do México. Os RTP, linhas operadas pelo governo da cidade, cobram uma tarifa única e não fornecem troco. Os microônibus ou peseros são serviços privados autorizados pelo governo e cobram tarifas que variam de acordo com a distância.

Variados também são os tamanhos desses veículos, que podem ser pequenos, médios ou grandes. Tanto os ônibus públicos quanto os privados costumam parar nos mesmos lugares, embora os pontos nem sempre estejam sinalizados. Quem pretende ir de ônibus até uma estação de metrô deve identificar no para-brisa o sinal "M" seguido do nome da estação.

A capital mexicana é servida também pelo metrobus, que utiliza pistas exclusivas em duas das principais avenidas. Eles são boa alternativa para os horários de rush, mas são mais caros e só podem ser pagos com cartões, comprados antecipadamente.

Há ainda a opção de usar uma das quinze linhas de trólebus que percorrem cerca de 400 quilômetros na cidade. Não lotam tanto quanto os ônibus, mas são mais lentos.

Táxi – A oferta é impressionante. São mais de 250 mil veículos trafegando, uma alternativa relativamente barata de transporte, embora à noite alguns deixem de lado o taxímetro e cobrem um preço predeterminado para a corrida.

Os táxis são identificados pelas letras A e B antes de seu número de registro. Os de letra B pertencem a um determinado ponto – o que os torna teoricamente mais seguros. Como a cidade é muito grande, é importante que o usuário saiba, além do nome da rua, também a zona ou o bairro em que ela está localizada.

Turibus – Como em Londres, a Cidade do México também oferece transporte para os turistas em double-decks. Os ônibus de dois andares mexicanos são chamados de Turibus e são uma boa opção para quem quer ter uma visão geral da cidade ou não dispõe de tempo para visitar com calma seus pontos turísticos. Para utilizar o Turibus, é necessário adquirir um passe diário.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.