Burj Khalifa: Por dentro do maior prédio do mundo

Por Camila Sayuri, iG São Paulo

Texto

Edifício ícone de Dubai abriga primeiro hotel Armani do mundo, elevadores velozes e um deque de observação com vista espetacular

Com ilhas artificiais, hotéis de design arrojado e shoppings luxuosos, é difícil chamar a atenção em Dubai. Ainda assim, o Burj Khalifa, a mais alta construção já feita pelo homem, consegue se destacar na paisagem desta cidade de superlativos.

Getty Images
Cartão-postal de Dubai, a antena do Burj Khalifa pode ser vista a uma distância de 95 km
Com 828 metros de altura e 163 andares, o arranha-céu pode ser visto a uma distância de até 95 quilômetros. Sua grandeza fica ainda mais evidente se comparada a outras construções famosas: ele ultrapassa em mais de 300 metros o segundo prédio mais alto do mundo, o Taipei 101, em Taiwan. É também duas vezes maior do que o Empire State, em Nova York.

Chamado de Burj Dubai durante toda a obra – que em árabe quer dizer a Torre de Dubai –, o arranha-céu teve o nome modificado para Burj Khalifa no dia da inauguração, em janeiro deste ano, em homenagem ao presidente dos Emirados Árabes, Khalifa Nahyan.

Feito de concreto e aço, com o exterior coberto por mais de 28 mil painéis de vidro, sua construção levou quase seis anos para ser concluída. Cerca de 12 mil operários de diferentes nacionalidades participaram da obra. O edifício conta com apartamentos residenciais, andares de escritórios, um luxuoso hotel Armani, um deque de observação, além de ser cercado por um belo parque com lagos e fontes.

O deque de observação "At The Top" do Burj Khalifa, localizado no 124o andar, é uma das principais atrações turísticas da cidade. Do topo, pode-se ver uma vista em 360o do oceano, do deserto e da cidade.


Em abril, foi inaugurado o primeiro hotel Armani, que ocupa dez andares do edifício, destinado para hóspedes exclusivíssimos. Cada detalhe foi pessoalmente supervisionado pelo estilista italiano Giorgio Armani. Cheio de mimos para os clientes, as diárias são a partir de R$ 1.000.

Tem ainda o badalado restaurante At.mosphere, no 122o andar, inaugurado em 2011, onde você pode jantar com uma bela vista panorâmica.
 

Acompanhe as novidades do iG Turismo também pelo Twitter.


 

 

 

Texto

notícias relacionadas