Tamanho do texto

As Dolomitas, montanhas italianas que são um Patrimônio da Humanidade, não podem faltar em um roteiro de uma viagem para o belo país europeu

Assistir ao espetáculo que é o nascer do sol já é uma experiência indescritível, agora imagina fazer isso em alpes na Itália . As Dolomitas, montanhas que são Patrimônio da Humanidade , são uma opção de passeio para você que quer ver as montanhas ficarem com uma coloração alaranjada com os raios de sol, enquanto o céu escuro lentamente abre espaço para as luzes.

As Dolomitas, que são os alpes italianos, oferecem diversos pontos para o turista assistir o espetáculo do nascer do sol
shutterstock
As Dolomitas, que são os alpes italianos, oferecem diversos pontos para o turista assistir o espetáculo do nascer do sol


Existem diversos pontos indicados para admirar os raios de sol da manhã nas montanhas das Dolomitas . Entre os mais sugeridos, um ponto recomendado é o Col Margherita, a 2.514 metros de altitude, localizado entre a passagem de Passo San Pellegrino e a cidade de Falcade, na província de Belluno.

O Col Margherita é especial não só pela vista, mas por também receber o evento "Alba al Fronte", organizado em ocasião do marco do centenário da Primeira Guerra, que aconteceu no dia 11. Diante dos primeiros raios de sol, o lugar recebeu o concerto do coro Val Biois, com a participação dos Fodom di Livinallongo, intercalados com leituras de contos e cartas da guerra.

Leia também: Conheça a Toscana e todos os encantos dessa região da Itália

Outros pontos para admirar o nascer do sol nas Dolomitas

Alguns pontos onde o turista pode assistir o nascer do sol nas Dolomitas são o Col Margherita e o Lavaredo, entre outros
shutterstock
Alguns pontos onde o turista pode assistir o nascer do sol nas Dolomitas são o Col Margherita e o Lavaredo, entre outros


O Lavaredo, na fronteira entre as regiões de Vêneto e do sul do Tirol italiano, é outro ponto privilegiado para admirar o sol. Os três famosos cumes, que se tingem de amarelo e rosa, deixam qualquer um sem palavras.

Os cumes dos Cadini di Misurina também são uma opção. De lá, é possível chegar em diversos outros lugares para admirar o nascer do sol. Um em particular é o lago de Federa, onde é possível caminhar ao longo da trilha que sobe em direção à concha de Ampezzo, a quase dois mil metros de altura, em um lugar com vista panorâmica.

De lá, é possível chegar também ao refúgio de Croda da Lago, que presenteia com uma das melhores vistas a mais de três mil metros de altura.

Leia também: Após exageros de turistas, que até de ponte pulam, Itália repensa turismo

Na região de Vêneto, uma experiência peculiar é a do parque nacional das dolomitas da província de Belluno, em Cesiomaggiore, onde o espetáculo nas Dolomitas é acompanhado, em setembro, do rugido de mais de três mil cervos fazendo amor, na época de acasalamento.

*Com informações da Agência Ansa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.