Cidade dos 333 Santos tem sido alvo de ataques de extremistas islâmicos. Veja os templos e mesquitas antes da destruição

BBC

A cidade de Timbuktu, no Norte do Mali, é conhecida por abrigar várias construções históricas, tidas como Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Várias dessas mesquitas e templos têm sido alvo de ataques de militantes do grupo extremista islâmico Ansar Dine.

Antes dos ataques, o repórter Manuel Toledo, da BBC, visitou a cidade, reconhecida internacionalmente devido ao seu papel como centro de aprendizado islâmico, baseado nas três grandes mesquitas da cidade, durante os séculos 15 e 16.

Leia também:
- Os 11 melhores aplicativos de viagem

Timbuktu também é conhecida como a "Cidade dos 333 Santos", da qual se origina a tradição sufista islâmica. No entanto, o Ansar Dine, que assumiu o controle da cidade em abril, segue a vertente islâmica salafista, que condena a veneração de santos. Nesta semana, o grupo atacou a mesquita de Sidi Yahia, uma das mais famosas da cidade histórica. 

Veja as imagens do local.


 Acompanhe as novidades do iG Turismo também pelo Twitter .


Leia também:
- Viaje pelo mundo com Woody Allen 
- Praga em um dia
Islamitas do Mali atacam famosa mesquita da cidade histórica de Timbuktu



    Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.