Alguns aspectos devem ser considerados antes de fechar a viagem; descubra quais e conheça a história de um homem que é amante dos transatlânticos

Fazer uma viagem de cruzeiro é uma opção que está caindo no gosto de muitos turistas, já que além de conhecer um novo lugar, o passageiro ainda pode desfrutar das inúmeras atrações que o navio oferece. Mas a grande dúvida que geralmente aparece é: quanto tempo de viagem é o ideal para curtir o transatlântico sem ficar saturado?

José Roberto já fez muitos cruzeiros com a família e indica quanto tempo de viagem é ideal
Arquivo pessoal
José Roberto já fez muitos cruzeiros com a família e indica quanto tempo de viagem é ideal


+ Diversão garantida! Saiba tudo o que os navios oferecem para os viajantes

Fora isso, quem vai realizar um cruzeiro pela primeira vez sempre fica com aquele medinho de enjoar ou de se sentir “preso” no navio e ficar entediado. Escolher o navio, o destino e o tempo de viagem pode parecer difícil, mas com algumas dicas isso pode mudar.

Amante de cruzeiros

O aposentado José Roberto de Freita Santos é um amante assumido de cruzeiros . Ele conta que costuma fazer um ou dois por ano. “O primeiro foi em 2002, era uma novidade aqui no Brasil. Na época, meus filhos eram pequenos e eles aproveitaram muito”, lembra.

Depois dessa viagem, Zé Roberto ficou encantado com a estrutura e o serviço que os navios possuem. “Eu gostei muito, então resolvi fazer outros. Começaram a vir cruzeiros maiores e eu aproveitei para conhecer Porto Belo, Búzios, Ilha Grande, Salvador e Argentina”, fala.

O destino do cruzerio influencia no tempo da viagem
Divulgação/MSC Cruzeiros
O destino do cruzerio influencia no tempo da viagem


Variedade de atrações

Para o aposentado, não há tempo para ficar entediado. “São muitas atrações que agradam pessoas de todas as idades, desde crianças a idosos. É muito divertido, tem piscina, teatro, até palestras e eu sempre participo de tudo”, afirma.

Para ele, quem gosta de agito vai se identificar com esse passeio. “Não indico esse tipo de viagem para quem é mais parado e não gosta de agito, ir para ficar dentro da cabine não é legal”, alerta.

Comemoração

O aniversário de 18 anos da filha de José foi comemorado (adivinha?) em um cruzeiro. “Fomos conhecer Bueno Aires . Aproveitamos o navio, teve um jantar especial para minha filha e na parada fizemos a loucura de conhecer os principais pontos turísticos a pé usando apenas um mapa”, conta.

Adeus, avião

O aposentado afirma que não viaja mais de avião, apenas navio
Arquivo pessoal
O aposentado afirma que não viaja mais de avião, apenas navio

Desde que se aventurou em um cruzeiro, o aposentado afirma que não viaja mais de avião , pois prefere o navio. Ele planeja para o início de 2017 uma viagem para a Bahia e em 2018 quer passar 18 noites em um transatlântico que realizar um tour pela Europa.

O que é preciso saber sobre uma viagem de navio?

Tempo ideal da viagem

“Para quem está começando, eu indicaria escolher uma viagem de até quatro noites, assim dá para acostumar com o ritmo e todas as atividades”, aconselha. “Uma vigem longa tem muitas paradas, no percurso da Europa, por exemplo, o navio fica uns cincos dias em alto mar sem parar, mas são tantas atrações que não dá tempo de ficar entediado”, afirma.

O porta-voz da MSC Cruzeiros, Bruno Cordaro, diz que Zé Roberto está certo e reafirma que é aconselhado, a quem vai fazer uma viagem marítima pela primeira vez, realizar um minicruzeiro, de três ou quatro noites, assim os hóspedes conseguirão avaliar como se sentem e podem conseguem aproveitar as atrações.

“Geralmente, esse público sai com um gostinho de ‘quero mais’ e, na próxima viagem, já optam por um itinerário  de sete noites, seguidos por destinos internacionais”, afirma Bruno.

Agora quem busca mais tempo de viagem, pode aproveitar cruzeiros de cerca de 20 noites. “A travessias passa por diversos países e cruza os oceanos. Estes cruzeiros são os que apresentam o maior número de ‘repeaters’ [forma que os repetidores da viagem são chamados]”, completa o porta-voz.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.